⚡️Curtas (19/03/2016)

Jogo das Estrelas

O prefeito Marco Bertaiolli participou, na tarde desta sexta-feira, 18/03, da coletiva de apresentação do Jogo das Estrelas, evento que acontecerá neste sábado e domingo, 19 e 20/03, no Ginásio Municipal de Esportes “Professor Hugo Ramos”. O evento reúne os principais jogadores do NBB, a principal competição do basquete brasileiro, além de ex-atletas e personalidades.

A programação do evento começa no sábado, às 17h00, com o Desafio das Celebridades em que jogarão duas equipes formadas por ex-jogadores, comentaristas, jornalistas, atores e cantores. Logo depois, a partir das 18h00, acontecerá o Jogo das Estrelas, que colocará frente a frente os times NBB Brasil, formado pelos destaques brasileiros da Liga, e NBB Mundo, que contará com os destaques estrangeiros. O Mogi das Cruzes/Helbor terá representantes nas duas equipes. O armador Larry Taylor estará no time brasileiro, enquanto o ala Shamell e o pivô Tyrone formarão na equipe dos estrangeiros.

Duelo entre NBB Brasil e NBB Mundo segue como atração principal do Jogo das Estrelas. Foto: João Pires/ LNB
Duelo entre NBB Brasil e NBB Mundo segue como atração principal do Jogo das Estrelas. Foto: João Pires/ LNB

Já no domingo, as atividades começarão às 10h00 e contarão com quatro eventos. No Torneio de 3 Pontos, os participantes têm 60 segundos para fazer 25 arremessos. Já o Torneio de Enterradas premia as mais belas e intensas enterradas e é um dos pontos altos da programação. No Desafio de Habilidades, os jogadores precisam cumprir um circuito que requer domínio de diversas técnicas do basquete no menor tempo possível. Por fim, o Arremesso das Estrelas será disputado por trios, que farão arremessos de posições diferentes da quadra.

Fora do Ginásio Municipal, a Liga Nacional de Basquete também montou uma grande estrutura, com diversas atrações ligadas ao basquete para os mogianos. A participação é livre.

Safra do Caqui 2016

Neste domingo, 20/03, a partir das 7h00 no Mercado Municipal do Produtor Minor Harada, acontecerá o lançamento da Safra do Caqui 2016. A novidade deste ano será um campeonato gastronômico com chefs da cidade que farão receitas com a fruta. O evento organizado pela Prefeitura de Mogi das Cruzes, por meio de sua Secretaria de Agricultura, conta com apoio da Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (Cati), Sebrae, Fatec, Sindicato Rural de Mogi das Cruzes e Associação dos Fruticultores do Alto Tietê (Afrut).

Safra do Caqui 2016
Ao reunir diversos representantes da cadeia produtiva, o evento atinge seus objetivos de valorizar a produção local e incentivar as várias formas de usos e consumo da fruta. Foto: PMMC

O campeonato gastronômico é uma iniciativa da Administração Municipal, Sebrae-SP e Restaurante Caqui Bistrô e será realizado das 10h00 às 11h00. Participarão da competição o chef Armando Francatto e chefs do Sr. Café, Caqui Bistrô e Guadalupe. O objetivo é mostrar a população diversas formas de utilização do fruto, que não só in natura. Os competidores poderão trazer preparações já prontas, o prato pode ser doce ou salgado.

Safra 2015 do Caqui será lançada neste domingo (29/03)

O lançamento da Safra do Caqui 2015 será realizado neste domingo (29/03/2015), a partir das 7h00, no Mercado Municipal do Produtor Minor Harada, no Mogilar (veja no mapa). Durante o evento, os visitantes poderão degustar diversos produtos feitos a partir da fruta, como sucos, sorvetes, pães e tortas. O evento é organizado pela Prefeitura de Mogi das Cruzes, por meio de sua Secretaria Municipal de Agricultura, Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (Cati), Sebrae, Fatec, Sindicato Rural de Mogi das Cruzes e Associação dos Fruticultores do Alto Tietê (Afruti).

Mogi das Cruzes é referência nacional na produção de caqui, sendo responsável por 55% de todo o volume produzido no Brasil. “O lançamento da Safra do Caqui é um evento que já se tornou tradicional na cidade, sendo realizado todos os anos para valorizar a produção local e incentivar as várias formas de usos e consumo da fruta”, explica o secretário municipal de Agricultura, Oswaldo Nagao.

caqui-2013
Visitantes poderão conferir as diferentes espécies da fruta e degustar algumas receitas, como sorvetes, sucos, pães e tortas.

O caqui é uma fruta rica em fibras, sem gordura e indicada para a prevenção de doenças cardiológicas. Seu aspecto nutricional foi um dos fatores que levou a fruta para o cardápio dos alunos da rede municipal desde 2010. “Além de conhecer um fruto produzido em nossa cidade, as crianças recebem um alimento saudável e nutritivo, que já caiu no gosto delas”, explica o secretário Nagao.

A cidade tem uma produção anual estimada em mais de 60 mil toneladas. São mais de 1,7 mil hectares de área destinada à produção da fruta e 473 produtores. No evento deste domingo, além das receitas feitas a partir da fruta, os visitantes poderão conhecer também os diferentes tipos de caqui. Confira os detalhes:

Caqui fuyu: Tem sabor adocicado e textura macia e deve ser consumido ainda duro.

Caqui guiombo: É doce e crocante e também deve ser consumido ainda duros.

Caqui rama-forte: É doce e macio e deve ser consumido bem maduro.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Safra 2014 do Caqui será lançada neste domingo (30/03)

Neste domingo (30/03/2014), a partir das 7h00, acontecerá o lançamento da Safra do Caqui 2014 no Mercado Municipal do Produtor Minor Harada, no Mogilar (veja o mapa). Durante o evento, os visitantes poderão degustar vários produtos feitos a partir da fruta, como sucos, sorvetes, pães e tortas. O evento é organizado pela Prefeitura de Mogi das Cruzes, por meio de sua Secretaria de Agricultura, Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (Cati), Sebrae, Fatec, Sindicato Rural de Mogi das Cruzes e Associação dos Fruticultores do Alto Tietê (Afruti).

O evento já se tornou tradição na cidade e os objetivos são valorizar a produção local e incentivar as várias formas de usos e consumo da fruta. “Mogi das Cruzes é referência nacional na produção de caqui. Somos responsáveis por 55% do que é produzido no Brasil”, observou o secretário municipal de Agricultura, Oswaldo Nagao, que também destaca as propriedades nutricionais do produto. “Tem fibra, não tem gordura e é indicado para evitar doenças cardiológicas“, ressalta.

caqui-2013
Visitantes poderão conferir as diferentes espécies da fruta e degustar algumas receitas, como sorvetes, sucos, pães e tortas.

Esse aspecto nutricional foi um dos fatores que levou a fruta para o cardápio dos alunos da rede municipal desde 2010. Mais de 39 mil estudantes degustarão a fruta durante a safra de 2014. “Além de conhecer um fruto produzido em nossa cidade, as crianças receberão um alimento saudável e nutritivo, que já caiu no gosto delas”, disse Nagao. A cidade tem uma produção anual estimada em mais de 60 mil toneladas. São mais de 1,7 mil hectares de área destinada à produção da fruta e 473 produtores.

No lançamento deste domingo, além das receitas feitas a partir da fruta e já são mais de 200 catalogadas, os visitantes poderão conhecer também seus diferentes tipos. Há o caqui fuyu (achatado) e o guiombo (ovalado), que devem ser consumidos ainda duros, e se diferenciam pelo fato de o primeiro ter sabor adocicado e textura macia, e o segundo ser doce e crocante. Já variedade rama-forte é a que deve ser consumida bem madura.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Safra 2013 do caqui será lançada neste domingo (24/03)

A partir das 7h00 do próximo domingo (24/03/2013), a Prefeitura de Mogi das Cruzes, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, em parceria com a Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (Cati), Sebrae, Fatec, Sindicato Rural de Mogi das Cruzes e Associação dos Fruticultores do Alto Tietê (Afruti), lançará a Safra de Caqui 2013. O evento, que já se tornou tradição na cidade, será realizado no Varejão da Cobal, localizado no Mercado do Produtor, no Mogilar (Veja no Mapa).

Safra 2013 do caqui
Mogi é responsável por 55% da produção nacional de caqui. Foto: Coordenadoria de Comunicação

Os visitantes poderão degustar diversas variedades da fruta e iguarias feitas a partir do caqui, como o suco, sorvete e mousse. “Mogi das Cruzes é responsável por 55% da produção nacional de caqui, produto que desde 2010 faz parte do cardápio de nossos alunos da rede municipal. A iniciativa foi adotada para incentivar a produção local e também aprimorar o valor nutricional das refeições oferecidas aos alunos mogianos”, disse o secretário municipal de Agricultura, Oswaldo Nagao.

Nagao lembra que a fruta tem variedades diferentes que podem dar origem a sorvetes, geléias, pães, bolos, sucos, e vinagre. Há o caqui fuyu (achatado) e o guiombo (ovalado), que devem ser consumidos ainda duros, e se diferenciam pelo fato de o primeiro ter sabor adocicado e textura macia, e o segundo ser doce e crocante. Já variedade rama-forte é a que deve ser consumida bem madura.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Safra 2012 do caqui será lançada neste domingo no Varejão (01/04)

A Prefeitura de Mogi das Cruzes, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, em parceria com a Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (Cati), Sebrae, Fatec e Associação dos Fruticultores do Alto Tietê (Afruti), lançará neste domingo (01/04/2012) a safra do caqui 2012. O evento será realizado no Varejão da Cobal, localizado no Mercado do Produtor, no Mogilar, entre as 7h00 e o meio-dia. Além de degustar as diversas variedades da fruta, os visitantes poderão experimentar iguarias produzidas à base da fruta, como sorvete, pães e doces.

Mogi das Cruzes é a maior produtora nacional de caqui, com uma produção que chega a mais de 60 mil toneladas. São 473 produtores que cultivam uma área de2.028 hectares. Hoje, respondemos por cerca de 60% de todo caqui produzido no Brasil”, acentua o secretário municipal de Agricultura, Oswaldo Nagao, lembrando que desde 2010 a Prefeitura introduziu a fruta na merenda das escolas municipais.

Por determinação do prefeito Marco Bertaiolli, desde o ano passado o caqui passou a fazer parte da merenda escolar de 43 mil crianças matriculadas em unidades da rede municipal de ensino. A iniciativa foi adotada para incentivar a produção local, e também aprimorar o valor nutricional das refeições oferecidas aos alunos mogiano”, explica.

Nagao lembra que a fruta tem variedades diferentes que podem dar origem a sorvetes, geléias, pães, bolos, sucos, e vinagre. Há o caqui fuyu (achatado) e o guiombo (ovalado), que devem ser consumidos ainda duros, e se diferenciam pelo fato de o primeiro ter sabor adocicado e textura macia, e o segundo ser doce e crocante. Já variedade rama-forte é a que deve ser consumida bem madura.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes