Mogi promove mutirão oftalmológico

A Prefeitura de Mogi das Cruzes e a Santa Casa de Misericórdia lançaram nesta manhã de segunda-feira, 27/03/2017, o maior Mutirão Oftalmológico dos últimos anos. De 28 de março a 30 de junho, serão realizadas 5 mil consultas e 500 cirurgias de catarata. O prefeito Marcus Melo, o secretário municipal de Saúde, Téo Cusatis, e o provedor Austelino Mattos, acompanhados de demais autoridades, apresentaram detalhes do atendimento.

O Mutirão “Um Novo Olhar” é destinado aos pacientes que já aguardavam pelos procedimentos. Os contatos estão sendo feitos pela Secretaria Municipal de Saúde. “A Oftalmologia é uma das especialidades de maior demanda e conseguir concretizar esse mutirão é mais um importante avanço do SIS – Sistema Integrado de Saúde. É fundamental que os pacientes contatados não faltem às consultas ou exames nas datas e horários agendados”, explicou o secretário municipal de Saúde, Téo Cusatis.

Serão realizadas 5 mil consultas e 500 cirurgias de catarata. Foto: Guilherme Berti/ PMMC

A Oftalmologia está entre as especialidades ofertadas pelo Governo do Estado e o mutirão é uma iniciativa da Prefeitura de Mogi das Cruzes para garantir atendimento à fila de espera. “Desde o ano passado, em nossas caminhadas e reuniões pela cidade, sempre ouvíamos sobre a espera por uma consulta de Oftalmologia e o esforço da Prefeitura é sempre encontrar caminhos para melhorar a vida das pessoas. Quero agradecer pelo empenho de todos em tornar essa proposta uma realidade e, principalmente, pela união dos serviços de saúde”, afirmou o prefeito.

O Mutirão “Um Novo Olhar” terá investimento total de R$ 458.095,40, repassados por meio de verba MAC – Financiamento do Governo Federal para Alta e Média Complexidade Ambulatorial e Hospitalar.

Exames

Exames pré-operatórios, como hemograma, glicemia, eletrocardiograma, avaliação cardiológica, e procedimentos oftalmológicos, como fundoscopia, mapeamento de retina e tonometria, estão incluídos no mutirão e estão sendo agendados de acordo com as necessidades de cada paciente. O aposentado Marisvaldo dos Santos, 76 anos, aguardava há três meses pela cirurgia de catarata. “Passei hoje pelo exame de fundo de olho e a cirurgia será marcada”, comemorou ele, que mora na Vila Joia, em Braz Cubas.

O Mutirão “Um Novo Olhar” será realizado de segunda a sexta-feira, das 7h00 às 17h00, no Setor de Oftalmologia da Santa Casa de Misericórdia. Os pacientes que aguardam pelas consultas, exames e cirurgias oftalmológicas devem aguardar um contato da Secretaria Municipal de Saúde.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Prefeitura aumentará repasse da AACD

A Prefeitura de Mogi das Cruzes ampliará de R$ 960 mil para R$ 1.440.000,00 o repasse anual à Associação de Assistência à Criança com Deficiência (AACD), no Bairro do Rodeio, a partir do próximo dia 1º de dezembro de 2016.

O projeto de lei que autoriza o aumento deve ser votado pela Câmara Municipal até o próximo mês de novembro. Além do aumento no repasse, o prefeito informou que a regulação de vagas da unidade passará a ser feita pelo Sistema Integrado de Saúde (SIS). O novo convênio será válido por mais cinco anos.

AACD de Mogi das Cruzes
O Centro de Reabilitação Luiz Roberto Barradas Barata fica na Avenida Pedro Romero, nº 241, no Bairro do Rodeio

Desde que foi inaugurada, em 2011, a unidade mogiana da AACD cadastrou 1.052 pacientes e realizou 86.265 atendimentos diversos, como sessões de Fisioterapia Solo, Fisioterapia Aquática, Terapia Ocupacional, Psicologia, Fonoaudiologia, Pedagogia, Serviço Social e Enfermagem. “A AACD desenvolve um importante trabalho de reabilitação e qualidade de vida para diversos adultos e crianças da nossa cidade. Por isso, vamos apertar o cinto e garantir esse aumento para que o serviço seja mantido para os pacientes de Mogi das Cruzes”, afirmou Bertaiolli.

Inaugurado em dezembro de 2011 no bairro do Rodeio, a AACD atende crianças e adultos com deficiências físicas e trabalha para que esses pacientes possam atingir seu máximo potencial e evoluir além de suas limitações. A unidade foi construída com recursos da edição 2010 do Teleton (maratona televisiva de arrecadação), que escolheu Mogi das Cruzes graças a uma série de investimentos feitos pela Administração Municipal na inclusão de deficientes como frota de ônibus 100% adaptada para o transporte de cadeirantes; referência regional da Santa Casa de Misericórdia para a realização de cirurgias ortopédicas e o engajamento da Prefeitura em todo o processo, incluindo a doação da área de 5 mil metros quadrados.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Usuários de equipamentos elétricos essenciais à sobrevivência podem ter desconto na conta de luz

A energia elétrica, como um serviço de utilidade pública, é também prioritária para usuários em tratamento médico domiciliar que requer o uso de equipamentos elétricos essências à vida, como respiradores, aparelhos para hemodiálise, entre outros. Assim, a EDP, distribuidora de energia elétrica do Alto Tietê, Vale do Paraíba e Litoral norte de São Paulo, alerta sobre o cadastramento para atendimento especial de residências (unidades consumidoras) com pessoas nessas condições.

O cadastro auxilia tanto no atendimento e prestação de serviços às unidades consumidoras, quanto na otimização de manutenções programadas da rede, que visam assegurar a qualidade da energia fornecida aos 1,8 clientes atendidos na área de concessão no estado”, afirma Marcos Scarpa, relações institucionais da EDP.

O objetivo é facilitar a comunicação entre a empresa e o consumidor sobre interrupções programadas ou não do fornecimento de energia elétrica, de maneira a minimizar possíveis transtornos. Após o cadastro, as faturas passam a disponibilizar a mensagem UNIDADE CONSUMIDORA CADASTRADA PARA AVISO PREFERENCIAL.

A inscrição da unidade consumidora deve ser formalizada junto à EDP diretamente na agência de atendimento presencial mais próxima, acompanhado das seguintes informações:

– Endereço completo;
– Nome do titular da fatura de energia elétrica;
– Número da instalação também informado na fatura;
– Telefone e e-mail;
– Laudo médico confirmando o nome da pessoa que utiliza o equipamento, assim como a justificativa sobre a necessidade do uso.

Se o dependente do equipamento não for o titular responsável pela unidade consumidora, é importante que providencie também a transferência de titularidade. Não sendo possível, a mesma deve apresentar um Termo de Autorização (disponível nas agências de atendimento presenciais da EDP) assinado pelo titular autorizando a Distribuidora a efetuar o cadastro.

Como obter o desconto na fatura de energia

O benefício pode ser adquirido por meio do programa Tarifa Social de Energia Elétrica, que garante de 10% a 65% de desconto na conta de luz para os primeiros 220 kW/h consumidos mensalmente.

É necessário que a família esteja inscrita no Cadastro Único dos Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). Caso não esteja cadastrada e possua renda mensal de até três salários mínimos, é importante buscar informações na Prefeitura Municipal. Posteriormente ao cadastro, deve dirigir-se a agência de atendimento da EDP.

Com a inscrição no CadÚnico, o paciente ou familiar deve se dirigir a uma agência de atendimento da EDP ou entrar em contato com a Central de Atendimento no 0800 721 0123, 24 horas e com ligação gratuita.

Diretoria de Ensino realiza ação para o Dia Mundial da Atividade Física

Nesta sexta-feira, 08/04/2016, um mega evento promete agitar Mogi das Cruzes. Como parte das homenagens ao Dia Mundial da Atividade Física, celebrado no dia 6 de abril, a Diretoria Regional de Ensino, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde da região, reunirá escolas e comunidade para uma série de demonstrações de atividades físicas que podem fazer parte da rotina das pessoas.

Quem for ao Largo do Rosário, a partir das 08h00, poderá participar de inúmeras atividades como ginástica natural, zumba, sessão de alongamento e até mesmo de uma aula de rugby. As atividades serão ministradas por professores de Educação Física e por profissionais da área da saúde.

Largo do Rosário
Participantes poderão praticar ginástica, alongamento, zumba e rugby

Para o evento, a diretoria espera a participação de aproximadamente mil alunos das escolas da região. “Nós entendemos que se a criança ou adolescente é estimulado a praticar atividade física e se alimentar de forma saudável e constante, ele se tornará um adulto saudável, com menos riscos de ter problemas cardíacos. Nesse sentido a escola tem obrigação, como formadora de cidadãos, de incentivar as práticas saudáveis em seu ambiente”, afirma Mickael Nunes dos Santos, diretor técnico do Núcleo Pedagógico da Diretoria de Ensino.

Programação do evento:

Das 08h00 às 08h30: Sessão de alongamentos – Aquecimento.
Das 08h35 às 09h25: Ginástica Natural
Das 09h35 às 10h30: Zumba
Das 10h35 às 11h25: Rugby
Das 11h30 às 12h00: Alongamentos – Encerramento

Fonte: Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Campanha de Vacinação contra a Paralisia Infantil começa neste sábado (15/08/2015)

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Paralisia Infantil e Multivacinação começa neste sábado (15/08/2015), com todos os postos de saúde e unidades do Programa Saúde da Família (PSFs) abertos das 8h00 às 17h00. Haverá, ainda, postos volantes instalados em locais estratégicos, como o Largo do Rosário, no Centro. A campanha é direcionada para crianças de seis meses a 5 anos incompletos (4 anos, 11 meses e 29 dias), o que compreende uma população estimada em mais de 26 mil crianças.

A vacinação é indicada para todas as crianças dentro desta faixa etária, independente de terem sido vacinadas ou não no calendário de rotina, “A meta estipulada pelo Ministério da Saúde é vacinar 95% do total estimado, mas nosso objetivo é imunizarmos 100% das crianças da cidade”, afirma a chefe da Divisão de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde, Lilian Peres Mendes.

Campanha de Vacinação contra a Paralisia Infantil
SP pretende vacinar cerca de 2,3 milhões de crianças no Estado. Foto: A2img/ Ciete Silvério

A imunização em massa atua como uma barreira natural contra o vírus que transmite a paralisia infantil. Com as doses aplicadas durante a campanha, o vírus atenuado se multiplica no intestino e é eliminado pelas fezes, espalhando-se pelo meio ambiente. Por isso a importância de levar as crianças ao posto de saúde na data inicial da campanha. “A vacinação de rotina garante a proteção individual da criança, mas a campanha tem importância coletiva”, explica a médica da Vigilância Epidemiológica, Tereza Nihei.

Além da vacina contra a paralisia infantil, que é a Sabin, aplicada em gotas direto na boca da criança, as crianças que estiverem com a caderneta de vacinação em atraso receberão as doses necessárias para atualização da caderneta. Para isso, é fundamental que as crianças comparecem portando a caderneta de vacinação para verificação e eventual atualização.

Rotary Club

O Rotary Internacional financia a vacinação contra a paralisia infantil em todo o mundo há 35 anos. Desde o ano passado, Rotary Club promove um evento especial no sábado para colaborar com a campanha, em sua sede localizada na Rua Franz Steiner, nº 200, no Alto Ipiranga, das 8h30 às 17h00. Além da vacinação, serão realizadas outras atividades e serviços no local.

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Paralisia Infantil prossegue até o dia 31 de agosto, em todas as unidades de saúde. Mais informações pelo telefone 4798-6768.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes