Prefeitura promove Passeio Ciclístico Interparques neste domingo, 16/02/2020

A Prefeitura de Mogi das Cruzes realiza neste domingo, 16/02/2020, o Passeio Ciclístico Interparques. O evento terá saída do parque Centenário a partir das 8h00, com direção ao parque Leon Feffer. No total, o percurso será de 21 quilômetros, com ida e volta entre os dois parques.

Os interessados podem se inscrever pelo site esportemogi.com.br e a participação é gratuita. É obrigatório o uso de capacete e a orientação é que os participantes também fiquem atentos à hidratação durante o percurso.

O Passeio Ciclístico é uma oportunidade de lazer para toda a família, que também podem praticar juntos uma atividade física. A Prefeitura preparou toda a estrutura para que seja um evento muito agradável e o percurso é acessível para todos”, destaca o secretário municipal de Esporte e Lazer, Nilo Guimarães.

O Passeio Ciclístico Interparques acontecerá neste domingo, a partir das 8 horas, com percurso de 21 quilômetros e participação gratuita da população. Foto: PMMC

As Secretarias Municipais de Esporte e Lazer, do Verde e Meio Ambiente e de Transportes montaram uma estrutura especial para atender os participantes. O Passeio Ciclístico contará com veículo de apoio e pontos para hidratação. Agentes municipais de trânsito acompanharão os ciclistas e orientarão os motoristas.

O percurso começa às 8h00, no parque Centenário. De lá, os participantes seguem pelas avenidas Francisco Rodrigues Filho, Pedro Romero, Lothar Waldemar Hoehne, Doutor Edison Consolmagno, Gonçalo Ferreira, Cavalheiro Nami Jafet e Tenente Onofre Rodrigues de Aguiar, até chegar à avenida Valentina de Mello Freire Borenstein e ao parque Leon Feffer. O percurso de volta será feito pelas mesmas vias.

O Passeio Ciclístico Interparques faz parte da programação desenvolvida pela Prefeitura de Mogi das Cruzes para os meses de verão e de férias escolares. Durante o mês de janeiro, foram realizadas edições do programa Brincando nas Férias, com atividades nos parques Centenário, Leon Feffer e da Cidade. Em três finais de semana, mais de 7 mil crianças foram atendidas.

Nos três parques, foram disponibilizados brinquedos infláveis, atividades com monitores, cama elástica, pintura facial e futebol de sabão, que foi uma novidade desta edição. A realização das atividades de forma simultânea nos três locais foi planejada para oferecer mais opções para os mogianos.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Parque Leon Feffer receberá provas práticas para habilitação de motoristas

O Parque Leon Feffer, no distrito de Braz Cubas, passará a receber as provas práticas para habilitação de motoristas. A transferência de local foi necessária devido ao início das obras de construção do novo ginásio de esportes, no Mogilar. Anteriormente, as provas vinham sendo lá.

A definição do novo local aconteceu após uma reunião entre o prefeito Marcus Melo e o superintendente do Detran no Vale do Paraíba, Eduardo Chaves da Silva. O novo local receberá provas para motoristas de automóveis, motocicletas e carretas.

A Secretaria Municipal de Transportes já realizou a pintura do espaço que será utilizado, enquanto a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos desenvolveu adequações, como a implantação da estrutura a ser utilizada para o teste de rampa.

Parque Leon Feffer receberá as provas práticas para habilitação de motoristas, que eram realizadas na área que receberá novo ginásio de esportes, no Mogilar. Foto: PMMC

“A mudança de local das provas permitirá um espaço adequado para a realização dos testes, sem que haja prejuízos para os frequentadores do parque Leon Feffer, que também continuarão com locais para o estacionamento de veículos e não terão interferências nas atividades lá desenvolvidas”, destacou o secretário municipal de Transportes, José Luiz Freire de Almeida.

O secretário lembrou ainda que a pasta também está realizando uma sinalização especial na estrutura do CIP, no bairro do Mogilar. O local será utilizado para algumas atividades desenvolvidas pelo Detran para a habilitação de motociclistas.

O secretário lembrou ainda que a pasta também está realizando uma sinalização especial na estrutura do CIP, no bairro do Mogilar. O local será utilizado para algumas atividades desenvolvidas pelo Detran para a habilitação de motociclistas.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Viveiro de Mudas do Parque Leon Feffer será reinaugurado nesta sexta, 15/06/2018

O viveiro de mudas do Parque Leon Feffer será reinaugurado nesta sexta-feira, 15/06/2018, a partir das 10h00, como parte da programação do Junho Verde. O espaço foi remodelado e manterá o objetivo de produzir mudas para a arborização de Mogi das Cruzes, mas passará a oferecer novas atividades, como os projetos Plantadores de Sombra e Circuito Escola.

O secretário municipal do Verde e Meio Ambiente, Daniel Teixeira de Lima, explica que a arborização do município é uma ação contínua e acontece de várias formas. Uma delas é a atuação da Prefeitura, por meio do plantio de árvores em praças e espaços públicos. Outra ocorre por parte da população – pessoas que cultivam plantas e árvores em casa ou em espaços comunitários. O programa de arborização da cidade prevê o plantio de 50 mil árvores até 2020.

Viveiro foi revitalizado e oferecerá, além de mudas para a população, ações de educação ambiental. Foto: Junior Lago/PMMC

A existência de um viveiro bem estruturado é fundamental neste processo. O espaço já existia aqui no Leon Feffer e, com algumas melhorias que fizemos, ele ficou mais funcional e diversificado”, observa o secretário. O projeto Plantadores de Sombra estimulará a população a plantar mudas e árvores, com orientações técnicas específicas. O resultado a médio e longo prazo é a ampliação da cobertura verde do município, o que aumenta o conforto térmico e a qualidade do ar.

Outra novidade do viveiro municipal é o Circuito Escola, uma atividade voltada para as escolas e população em geral. Os alunos e as pessoas que forem ao viveiro aprenderão mais sobre temas como erosão, ação das chuvas sobre áreas desmatadas e técnicas como plantio de mudas germinadas a partir de tubetes, onde é feito o transplantio para recipientes maiores com objetivo de “engordar” as mudas para aumentar o porte e plantio nas ruas e praças. “Também teremos uma horta no local, para demonstrar na prática os resultados de todo este trabalho”, complementa o secretário do Verde.

Os técnicos da Secretaria do Verde farão ainda a apresentação de um modelo de sintropia – um sistema de preparação natural do solo. Na prática, a sintropia prepara o solo para o plantio usando uma mescla de verduras, leguminosos e frutíferas. Para manter o solo úmido, a sintropia usa cobertura de folhas e material decomposto da própria plantação. O processo promove uma adubação natural e enriquece a terra, melhorando a qualidade da produção e dispensando a utilização de componentes químicos.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Vereadores e deputado anunciam verba de R$ 3,6 milhões para o Parque Leon Feffer

Em visita ao Parque Leon Feffer, o deputado federal Junji Abe, ao lado dos vereadores Mauro Araújo, Diegão Martins e Marcos Furlan e do vice-prefeito Juliano Abe, anunciou a conquista de uma verba extraordinária do Ministério do Turismo de R$ 3,6 milhões, que será destinada ao equipamento de lazer.

O dinheiro será usado para a construção de um Centro de Convenções (R$ 2,6 mi) e para a revitalização de uma das entradas do parque, que beneficiará, principalmente, os moradores da Vila Estação.

A maioria do público que frequenta este parque vem daquela região, por isso, em respeito a eles, vamos revitalizar aquela portaria”, ressaltou o vice-prefeito Juliano Abe.

Durante a visita, o secretário municipal do Verde e Meio Ambiente, Daniel Teixeira, com um mapa, mostrou aos demais representantes do poder público onde serão feitas as melhorias. Os vereadores também fizeram algumas sugestões, tais como pista de corrida, revitalização dos brinquedos do parque etc. No entanto, um dos maiores desafios, de acordo com os políticos, será atrair o comércio à região. Com as melhorias, uma base da Polícia Ambiental será instalada no local.

O dinheiro será usado para a construção de um Centro de Convenções e para a revitalização de uma das entradas do parque. Foto: CMMC

Como qualquer equipamento público, é importante fazer a manutenção do parque. Só de olhar a deterioração de alguns equipamentos aqui podemos ver o quanto o Leon Feffer precisa de atenção”, afirmou Junji.

O vereador Mauro Araújo enalteceu o trabalho de Junji Abe em conseguir a verba para revitalizar o parque e falou sobre novas possibilidades de levar melhorias ao lugar, entre elas a construção de um ginásio poliesportivo no parque, cujo convênio está em andamento, e equipamentos que deem ao local uma nova característica. “Acredito que o parque ainda precisa de uma identidade que atraia o público que a gente quer que frequente esse espaço. Acredito que turismo de aventuras seja uma ideia muito bacana para implementar aqui”, pontuou Araújo.

Há muitos anos as pessoas do distrito mais populoso de Mogi das Cruzes sentem que o parque está sendo deixado de lado. Com essa verba conseguiremos revitalizar e resgatar o público. Acredito até que ficará melhor que outros parques da cidade. Conseguiremos unir a família novamente nesse espaço”, comemorou o vereador Diegão.

O presidente da Comissão de Esportes da Câmara, vereador Marcos Furlan (DEM), exaltou a construção do centro de convenção. “Trará um novo público ao parque, que são aquelas pessoas interessadas em polos de negócios. Isso fará com que o parque seja mais visitado”, disse.

O Parque Leon Feffer foi inaugurado em agosto de 2004 pela Prefeitura de Mogi das Cruzes no Distrito de Braz Cubas, em uma área de aproximadamente 26 hectares, com o objetivo de dar uma maior integração da comunidade com a natureza. Inserido na Área de Proteção Ambiental da Várzea do Rio Tietê, o parque recebeu o plantio de 6 mil mudas.

Possui uma rica vegetação que margeia o Rio Tietê, que é conhecida como mata ciliar, responsável pela proteção das margens dos rios e pela formação de corredores ecológicos, ligando outros fragmentos de floresta. Entre as espécies encontradas estão ipês, maricá, ingá, aroeira, angico, araçá, cambuci e figueira-branca. A fauna local inclui várias espécies de aves, capivaras e ratão-do-banhado.

O Parque conta também com equipamentos para atividades físicas e artísticas. São quiosques, campo de futebol, campo de futebol de areia, quadras poliesportivas, quadras de voleibol, pista de skate, playgrounds, lago e trilha para caminhada.

Fonte: Câmara Municipal de Mogi das Cruzes

⚡️Curtas (09/06/2017)

– Passeio Ciclístico Interparques

Neste domingo, 11/06, os mogianos estão convidados a participar do Passeio Ciclístico Interparques, que incluirá também um plantio de mudas.

Os participantes que comparecerem ao Parque Centenário vão pedalar até o Leon Feffer, participar do plantio de mudas no local e retornar ao Centenário. O diretor da Universidade Livre do Meio Ambiente (UniLivre), André Miragaia, afirma que as inscrições podem ser feitas no dia do evento, no estacionamento do Parque Centenário, de onde partirá o passeio. Ele acrescenta que os 200 primeiros inscritos receberão camisetas alusivas ao evento e garrafas plásticas (squeezes). Para se inscrever, basta levar dois pares de meias, que serão doados para a Campanha do Agasalho do Fundo Social de Solidariedade.

O passeio terá concentração no estacionamento do Parque Centenário, às 8h00, e saída às 9h00 em direção ao Parque Leon Feffer.

– Mogianos ainda podem se vacinar contra a gripe

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe termina oficialmente nesta sexta-feira, 09/06, mas as doses continuarão disponíveis enquanto houver estoques nas unidades de saúde. Desde segunda-feira, 05/06, Mogi segue a orientação do Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Estado de São Paulo (Cosems), atendendo recomendações do Ministério da Saúde, com a liberação da vacina para o público em geral.

As crianças com indicação para a segunda dose têm até o dia 10 de julho para completar a imunização. A segunda dose necessária para crianças já foi reservada e precisa ser aplicada 30 dias após a primeira.

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe termina oficialmente nesta sexta-feira, 09/06, mas as doses continuarão disponíveis enquanto houver estoque. Foto: Guilherme Berti/ PMMC

Até o início desta semana, foram vacinadas 85.882 pessoas em Mogi das Cruzes, o que equivale a 80,88% do público-alvo, em média. A meta para este ano estabelecida pelo Ministério da Saúde é atingir 90% de cobertura, o que só ocorreu, até o momento, entre nos grupos de idosos e trabalhadores da saúde.

A dose disponibilizada neste ano garante proteção para os tipos mais graves da Influenza, que são os tipos B, A H1N1 e A H3N2.

Quem ainda não tomou a dose pode procurar uma unidade de saúde mais próxima de segunda a sexta-feira, das 8h00 às 16h30.

– Câmara aprova lei que obriga supermercados a fornecerem cadeiras motorizadas

A Câmara Municipal de Mogi das Cruzes aprovou em sessão ordinária nesta terça-feira, 06/06, o projeto de lei ordinária que obriga supermercados e hipermercados da Cidade a fornecerem cadeiras de rodas motorizadas para a clientes com deficiência ou mobilidade reduzida.

Caio Cunha disse que as cadeiras terão padrões a serem cumpridos. “O D’avó já oferece este benefício. O custo é irrelevante para esses empreendimentos comerciais já que uma cadeira dessas custa R$ 3.500,00”.

Vale destacar que não será qualquer cadeira motorizada. Será preciso estar adequada aos padrões da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas).

A nova legislação valerá para supermercados com área acima de 2.000 metros quadrados, sendo que aqueles estabelecimentos cujas dimensões não ultrapassarem os 5.000m² terão de oferecer uma cadeira motorizada com cesto para armazenamento de mercadorias. Caso a unidade comercial possua mais de 5.000m², serão exigidas duas cadeiras motorizadas, ambas do mesmo padrão.

Serão contados como áreas os espaços disponíveis aos consumidores, ou seja, a parte interna das lojas. Os lojistas terão ainda de fornecer funcionários que saibam orientar sobre o uso dos equipamentos. Placas avisando sobre a disponibilização das cadeiras terão de estar visíveis.

O projeto prevê que após a publicação da lei, serão concedidos dois meses de adaptação para os comerciantes e empresários.