Braz Cubas realiza atendimentos de Optometria abertos ao público

Para quem é de Mogi das Cruzes e região, a clínica de Optometria do Centro Universitário Braz Cubas, instituição pertencente ao grupo Cruzeiro do Sul Educacional, está realizando atendimento para as crianças e adultos de forma gratuita, sendo sugerido levar 1kg de alimento não perecível ou item de higiene pessoal, que posteriormente serão destinados a instituições carentes.

Realizado pelo curso de Optometria da instituição, os atendimentos acontecem de segunda, terça e quarta-feira, das 14h00 às 22h00, pelos alunos, sob supervisão dos professores.

Instituição oferece avaliações e serviços visuais e oculares para todas as idades, de forma gratuita. Foto de Paul Diaconu por Pixabay

Entre as especialidades de atendimento estão: todos os testes visuais e oculares, sendo selecionada determinada condutas de acordo com a queixa do paciente, idade e comportamento visual, exame de vista para verificação de grau, e teste de fundo de olho em todos os pacientes, a fim de buscar alguma alteração na retina. Os serviços são destinados a todas as idades, desde crianças a idosos.

Não é necessário qualquer tipo de encaminhamento. Todavia, se o paciente tiver algum documento ou exame prévio, é recomendável trazer para melhor entendimento do caso.

Os interessados nos atendimentos devem entrar em contato através do telefone (11) 4791-8240, para realização do cadastro e agendamento prévio.

Os atendimentos optométricos à comunidade ocorrem desde 2006 na Braz Cubas, e mais de 10 mil pessoas já foram atendidas.

Serviço

Atendimentos de optometria da Braz Cubas

  • Horário dos atendimentos: segunda, terça e quarta-feira, das 14h00 às 22h00
  • Agendamento: através do telefone (11) 4791-8240, para realização do cadastro e agendamento prévio.
  • Endereço da Braz Cubas: Av. Francisco Rodrigues Filho, 1233 – Vila Mogilar, Mogi das Cruzes – SP, 08773-380.

Sobre Braz Cubas

Com 80 anos de história e tradição, o Centro Universitário Braz Cubas é reconhecido pelo ensino e formação de qualidade de profissionais de diversas áreas de atuação, em Mogi das Cruzes e, também, na Região Metropolitana de São Paulo e Alto Tietê. Oferece cursos de graduação presencial e a distância, além de cursos técnicos e de pós-graduação, todos de forma inovadora, aliando a tradição com o que há de mais atual no mercado educacional. A Instituição agora integra o grupo Cruzeiro do Sul Educacional, um dos mais representativos do País, que reúne instituições academicamente relevantes e marcas reconhecidas em seus respectivos mercados, como Universidade Cruzeiro do Sul e Universidade Cidade de São Paulo – Unicid (São Paulo/SP), Universidade de Franca – Unifran (Franca/SP), Centro Universitário do Distrito Federal – UDF (Brasília/DF, Centro Universitário Nossa Senhora do Patrocínio – Ceunsp (Itu e Salto/SP), Faculdade São Sebastião – FASS (São Sebastião/SP), Centro Universitário Módulo (Caraguatatuba/SP), Centro Universitário Cesuca (Cachoeirinha/RS), Centro Universitário da Serra Gaúcha – FSG (Bento Gonçalves e Caxias do Sul/RS), Centro Universitário de João Pessoa – Unipê (João Pessoa/PB), Centro Universitário Braz Cubas (Mogi das Cruzes/SP) e Universidade Positivo (Curitiba, Londrina e Ponta Grossa /PR), além de colégios de educação básica e ensino técnico.

Visite: www.brazcubas.br e conheça o Nosso Jeito de Ensinar.

EDP abre vagas para o Programa Jovem Aprendiz em Mogi

A EDP, distribuidora de energia elétrica do Alto Tietê e Vale do Paraíba, abre inscrições para o Programa Jovem Aprendiz. Durante 12 meses os contratados serão remunerados para participar de um curso de capacitação e qualificação de eletricista com foco na atuação em rede aérea de distribuição de energia. As pessoas interessadas poderão se inscrever até 03 de Junho de 2022, por meio do site brasil.edp.com/pt-br/escola-de-eletricistas.

Em linha com as diretrizes de seu Programa de Inclusão e Diversidade, a empresa destinará 50% das vagas para pessoas negras, valorizando as interseccionalidades de gênero, raça, deficiência e LGBTQIAP+ em todas as posições. Todas as etapas, incluindo entrevistas e dinâmicas, serão realizadas de forma online, a fim de preservar os candidatos. O projeto é fruto de uma parceria da Companhia com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), através do Programa de Aprendizagem Industrial, que forma jovens no curso de Eletricista de Redes de Distribuição de Energia Elétrica.

Podem participar do Programa, pessoas com idade entre 18 e 23 anos

Com carga horária total de 800 horas, sendo 20 horas semanais, o programa tem cerca de doze meses de duração. Os estudantes serão contratados em regime CLT por prazo determinado, receberão salário e benefícios durante o período do curso, ganharão um certificado chancelado pelo SENAI e permanecerão no banco de talentos da EDP, podendo participar futuramente de processos seletivos para vagas efetivas.

O curso terá aulas online e presenciais respeitando os protocolos de saúde em relação à pandemia do COVID-19. O intuito é que os participantes aprendam sobre os procedimentos e técnicas necessárias para planejamento, execução, avaliação e inspeção das redes, bem como sobre manutenções preventivas e corretivas, dentro das normas técnicas e de segurança.

Inscrições

O Programa Jovem Aprendiz será ministrado na sede do Senai em Mogi das Cruzes e de Taubaté, a partir de Julho. Ao todo são 36 vagas, sendo 18 disponíveis para cada unidade. Os requisitos para cursar a qualificação são os seguintes:

  • Formação: Ensino Médio completo;
  • Para as vagas de Mogi das Cruzes, residir preferencialmente nas cidades de Mogi das Cruzes, Biritiba Mirim, Suzano, Ferraz de Vasconcelos, Poá, Itaquaquecetuba, Guararema e Salesópolis.
  • Para as vagas de Taubaté, residir preferencialmente na cidade, Guaratinguetá ou municípios vizinhos
  • Ter nascido entre 01/08/1999 a 19/07/2004
  • Disponibilidade de horário para período integral

A inscrição deve ser realizada pelo site brasil.edp.com/pt-br/escola-de-eletricistas até 03 de junho. O processo de seleção inclui prova de português e matemática, teste prático, entrevista. O curso iniciará em julho.

Vale ressaltar que a EDP oferece aos estudantes, salário, vale refeição, vale transporte e convênio médico, além de material didático, Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e certificação com chancela do SENAI.

Serviço:

Programa Jovem Aprendiz – Mogi das Cruzes e Taubaté

  • Inscrições até 03 de Junho
  • Site para cadastro no processo seletivo: brasil.edp.com/pt-br/escola-de-eletricistas
  • Local do curso: sede do Senai em Mogi das Cruzes / sede do Senai em Taubaté
  • Horário: Segunda a Sexta (20 horas semanais)
  • Salário: R$ 900,00
  • Benefícios: Vale Refeição (R$ 344,00), Vale Transporte, Assistência Médica Sul America e Seguro de Vida

Ao final do curso receberão o certificado chancelado pelo SENAI e ficarão no banco de talentos da EDP com possibilidade de participar futuramente de processos seletivos para vagas efetivas.

Educação abrirá inscrições para cursos em parceria com o Sebrae-SP nesta sexta, 04/02/2022

A Secretaria Municipal de Educação de Mogi das Cruzes abrirá, nesta sexta-feira, 04/02/2022, as inscrições para seis cursos gratuitos, em  parceria com o Sebrae-SP. A inscrição para quatro destes cursos deve ser feita presencialmente na sede da Escola de Empreendedorismo e Inovação, no Centro, onde também serão ministradas as aulas. Os outros dois serão remotos, incluindo a inscrição. Cada curso oferecerá 18 vagas por turma.

São seis cursos oferecidos, sendo dois on-line e quatro presenciais na Escola de Empreendedorismo e Inovação. Foto: Divulgação/PMMC

Os cursos oferecidos no formato presencial são Alongamento de cílios, Aromaterapia, Reiki – Nível 1 e 2 e Fotografia para E-Commerce. No formato remoto, os interessados podem escolher entre Técnicas para a criação de uma loja virtual e Aprender a vender melhor no varejo. As aulas serão ministradas por profissionais do SENAC e fazem parte do programa Empreenda Rápido, do Sebrae-SP.

Links para inscrição dos cursos no formato remoto. É necessário fazer o cadastro na plataforma do Sebrae-SP.

Técnicas para a criação de uma loja virtual

Aprenda a vender melhor no varejo

As vagas são destinadas para mogianos a partir dos 18 anos. Para se inscrever é preciso apresentar o CPF, documento de identidade (RG) e comprovante de endereço. As vagas são limitadas e serão preenchidas por ordem de chegada.

A Escola de Empreendedorismo e Inovação fica na Rua Senador Dantas, 326, no Centro. O atendimento para as inscrições dos cursos presencias será feito nesta sexta-feira, 04/02/2022, das 9h00 às 16h30. Mais informações pelo telefone 4798-5902.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Mogi terá 100 vagas em nova etapa do programa Bolsa Trabalho

Mogi das Cruzes contará com 100 vagas na nova etapa do programa Bolsa Trabalho, divulgado pelo Governo do Estado nesta quarta-feira, 19/01/2022. A Prefeitura já fez a adesão junto ao sistema estadual. As inscrições para os participantes estão previstas para serem feitas entre os dias 25 de janeiro e 7 de fevereiro pelo site www.bolsadopovo.sp.gov.br.

O programa Bolsa Trabalho  tem objetivo de gerar renda, qualificação e empregabilidade para as pessoas em situação vulnerável. Poderão se inscrever  pessoas que estão desempregadas, maiores de 18 anos e com renda familiar de até R$ 550 por pessoa. De acordo com o Governo do Estado, a prioridade será para as mulheres e a divulgação dos selecionados será feita pelo Diário Oficial.

As inscrições para os participantes estão previstas para serem feitas entre os dias 25 de janeiro e 7 de fevereiro pelo site bolsadopovo.sp.gov.br. Foto: Pedro Chavedar/PMMC

A iniciativa garante ocupação profissional por cinco meses e o selecionado vai atuar junto a órgãos públicos municipais e estaduais, com bolsa auxilio de R$ 540,00 por mês, além de 80 horas de qualificação, promovida pela Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp). Os inscritos poderão escolher entre os cursos profissionalizantes de Auxiliar de Controle de Produção e Estoque, Gestão Administrativa, Gestão de Pessoas, Organização de Eventos, Rotinas e Serviços Administrativos e Secretariado e Recepção.

A carga horária de atuação dos selecionados será de 4 horas diárias, cinco dias por semana, e o benefício poderá ser pago por cinco meses consecutivos. Além do curso de qualificação profissional, os participantes também terão apoio à empregabilidade.

Esta será a segunda turma do Bolsa Trabalho realizada em Mogi das Cruzes. No ano passado, 100 pessoas foram selecionadas para atuar durante cinco meses, recebendo o auxílio e com direito a qualificação profissional. O contrato termina em 16 de fevereiro e cerca de 70% dos participantes chegaram ao fim da atuação.

O programa Bolsa Trabalho é uma iniciativa do Governo do Estado, desenvolvida pelas Secretarias Estaduais de Desenvolvimento Econômico e de Governo, em parceria com os municípios. O investimento no programa é de R$ 415 milhões.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

CDHU oferece acordos especiais para 42,3 mil mutuários endividados pela pandemia

A Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), empresa pública vinculada à Secretaria de Estado da Habitação, está lançando uma campanha de final de ano para regularizar a dívida contraída por 42.395 mutuários a partir de janeiro de 2020 em razão da perda de emprego ou renda por causa das medidas restritivas impostas durante a pandemia. A companhia oferece condições para que os mutuários possam quitar suas dívidas sem juros, multa ou entrada.

Queremos incentivar os nossos mutuários a regularizar suas dívidas e assim começar o ano com mais tranquilidade. Por isso estamos oferecendo condições muito especiais para as famílias aderirem a esse acordo”, explicou o secretário de Estado da Habitação, Flavio Amary.

Os acordos são direcionados para dois grupos de mutuários que estão com parcelas atrasadas a partir de janeiro de 2020 por causa da pandemia. Foto: Governo do Estado de São Paulo

A maioria dos nossos mutuários está em dia com suas mensalidades, mas uma parcela foi afetada pela pandemia e acabou atrasando os seus pagamentos mensais. Essa campanha de final de ano é direcionada justamente para ajudar esse grupo a manter seus imóveis”, completou o presidente da CDHU, Silvio Vasconcellos.

Dois grupos

Os acordos são direcionados para dois grupos de mutuários que estão com parcelas atrasadas a partir de janeiro de 2020 por causa da pandemia. No primeiro grupo, estão incluídos 15.714 contratos inadimplentes que não tinham realizado nenhum acordo anterior com a CDHU. O segundo grupo é formado por 26.681 mutuários que já tem algum tipo de acordo administrativo ou judicial com a CDHU. Em ambos os casos, a CDHU oferece pagamento à vista ou parcelamento do débito sem cobrança de juros, multa e entrada. E a parcela mínima é de R$ 55,00.

A diferença é que no primeiro grupo o parcelamento da dívida – sem juro, mora, multa e entrada, é feito ao longo da vigência do contrato de financiamento e a primeira prestação pode ser paga em até 60 dias. No segundo grupo, a negociação prevê a suspensão das prestações em atraso do acordo vigente para serem pagas ao final do contrato, sendo que a retomada dos pagamentos deve ocorrer em até 30 dias.

Para os mutuários com dívidas anteriores a 2020, num total de 8.003, a CDHU também oferece a oportunidade de efetivação de acordo administrativo com o pagamento de entrada de apenas uma prestação.

Além de assegurar a manutenção dos imóveis dos mutuários endividados, essa campanha também irá propiciar o aumento da arrecadação, cujos valores serão reinvestidos na produção de novas moradias, beneficiando mais famílias. No total, a dívida dos mutuários contemplados pelo acordo atinge R$ 113,1 milhões.

Adesão pelos canais oficiais da CDHU

Para aderir ao acordo administrativo, sem entrada, o mutuário com dívidas a partir de janeiro de 2020 deverá acessar o site da CDHU (www.cdhu.sp.gov.br/acordoespecial). Já o mutuário que tem um acordo e ficou em atraso a partir de janeiro de 2020 deverá ingressar no site www.cdhu.sp.gov.br/suspensao. Em ambos os casos, o mutuário também pode obter informações no Alô CDHU pelo número 0800 000 2348 ou agendando atendimento presencial nas gerencias regionais da companhia

Fonte: Governo do Estado de São Paulo