EDP abre vagas para o Programa Jovem Aprendiz

A EDP, distribuidora de energia elétrica do Alto Tietê, abre inscrições para o Programa Jovem Aprendiz. Durante 12 meses, os contratados participam de um curso de capacitação e qualificação de eletricista com foco na atuação em rede aérea de distribuição de energia. Os interessados poderão se inscrever até 31 de maio de 2019, por meio do site www.vagas.com.br/v1878892.

O projeto é fruto de uma parceria da Companhia com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), através do Programa de Aprendizagem Industrial, que forma jovens no curso de Eletricista de Redes de Distribuição de Energia Elétrica.

Com carga horária total de 800 horas, sendo 20 horas semanais, o programa tem cerca de doze meses de duração. Os estudantes serão contratados em regime CLT por prazo determinado, receberão salário e benefícios durante o período do curso, ganharão um certificado chancelado pelo SENAI e permanecerão no banco de talentos da EDP, podendo participar futuramente de processos seletivos para vagas efetivas.

O curso terá aulas teóricas e práticas a respeito dos princípios e leis que regem o funcionamento de sistemas elétricos. O intuito é que os participantes aprendam sobre os procedimentos e técnicas necessárias para planejamento, execução, avaliação e inspeção das redes, bem como sobre manutenções preventivas e corretivas, dentro das normas técnicas e de segurança.

Inscrições:

O Programa Jovem Aprendiz será ministrado na sede do Senai e da EDP em Mogi das Cruzes, a partir de julho. Há 16 vagas disponíveis. Os requisitos para cursar a qualificação são os seguintes:

– Formação: Ensino Médio completo;

– Residir na região do Alto Tietê

– Ter nascido entre 27/06/1996 a 21/07/2001;

– Disponibilidade de horário no período da manhã

A inscrição deve ser realizada pelo site  da recrutadora, www.vagas.com.br/v1878892,  até 31 de maio. O processo de seleção inclui prova de português e matemática, teste prático, entrevista e avaliação psicossocial.

Vale ressaltar que a EDP oferece aos estudantes, salário, vale refeição, vale transporte e convênio médico, além de material didático, uniformes, Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e certificação com chancela do SENAI.

Anúncios