Governo de SP anuncia abertura de 20 novas unidades do Poupatempo no Estado

O Governador João Doria assinou, nesta segunda-feira, 24/05/2021, autorizo para a implantação de novas unidades do Poupatempo em 20 cidades. Serão beneficiados os municípios de Arujá, Caçapava, Capão Bonito, Cubatão, Ferraz de Vasconcelos, Francisco Morato, Ibitinga, Itanhaém, Itapecerica da Serra, Itatiba, Jaboticabal, Jandira, Mococa, Mogi Mirim, Ribeirão Pires, Santana de Parnaíba, São Sebastião, Taquaritinga, Valinhos e Votorantim.

O Poupatempo é uma referência nacional e internacional, com agilidade, eficiência nos serviços e nível de satisfação acima de 90%. Temos o primeiro Poupatempo digital do Brasil. Nós somos um governo 100% sem papel. Hoje, as 645 prefeituras do estado de São Paulo operam digitalmente, essa é uma grande vitória, somos o primeiro Estado 100% digital do país”, destacou Doria.

As novas unidades fazem parte do plano de expansão, anunciado em agosto de 2020 pelo governo paulista, que prevê a incorporação dos serviços do Detran ao atendimento do Poupatempo. Com a integração, as Ciretrans serão transformadas em Poupatempo, permitindo que o cidadão seja atendido no mesmo local.

É um dia para comemorarmos. Que esse modelo Poupatempo nos sirva de referência como já serve e de inspiração para continuarmos essa trajetória mesmo com todas as dificuldades e atenção à saúde publica que a pandemia nos obriga, mas olhando de maneira transversal o nosso governo, prestando bons serviços à sociedade”, afirmou Rodrigo Garcia, Vice-Governador e Secretário de Governo do Estado.

Serão beneficiados mais de 2,2 milhões de pessoas em cidades do interior, litoral e Região Metropolitana de São Paulo. Foto: Bruno Santos/A2 FOTOGRAFIA.

As implantações serão viabilizadas em parceria com as prefeituras e contarão com estrutura mais moderna e tecnológica, proporcionando segurança e comodidade, atendendo mais de 2,2 milhões de pessoas.

O novo formato é por meio do sistema Balcão Único, com atendentes multitarefa, que inclui serviços municipais. O modelo já foi testado e aprovado pela população nas unidades inauguradas nesta gestão em Aguaí, Lençóis Paulista, Jales e Salto, escolhidas para o projeto piloto.

Entre os serviços oferecidos, além do Detran.SP, estão o Instituto de Identificação (IIRGD) e taxas cobradas pelas prefeituras, facilitando ainda mais a vida do munícipe, que precisa se deslocar menos para cumprir com suas obrigações. O investimento do Estado na implantação dos novos postos é de aproximadamente R$ 3,7 milhões.

Como os atendimentos serão realizados no mesmo local por diversos órgãos, o cidadão ganhará comodidade e autonomia, sem perder o padrão de qualidade, marca registrada do programa, que cada vez mais estará próximo da população”, explica André Arruda, presidente da Prodesp – empresa de tecnologia do Governo de São Paulo, responsável pela administração do Poupatempo no Estado.

Até o momento, sete Ciretrans se transformaram em Poupatempo e já estão em funcionamento. São eles: Franco da Rocha, Hortolândia, Piquete, Santa Bárbara D’Oeste, Serra Negra, Sumaré e Alesp.

Atualmente, 86% dos serviços realizados pelo Detran.SP são pelos canais digitais. Isso graças ao avanço da digitalização, o que permitiu a redução do atendimento presencial. Ao delegar o atendimento ao Poupatempo, conseguiremos aproveitar melhor nosso quadro de colaboradores, otimizando ainda mais a operação para serviços essenciais”, afirma Ernesto Mascellani Neto, presidente do Detran.SP.

Ainda neste primeiro semestre, outras três unidades do Poupatempo, com o novo formato, estão previstas para serem abertas ao público: Atibaia, Itatinga e Porto Ferreira. No último sábado (21), foi assinado autorizo para estudo e implantação de dois novos postos para a região do Vale do Paraíba: Cruzeiro e Lorena.

Serviços digitais

Atualmente, 85% dos atendimentos do Poupatempo são por meio das plataformas digitais. Entre os serviços online mais procurados, estão a pesquisa de pontuação, habilitação, licenciamento, as funcionalidades da vacinação contra a Covid-19, além da emissão do Atestado de Antecedentes Criminais, consulta de IPVA, entre outros.

Programa Poupatempo

Administrado pela Prodesp – empresa de Tecnologia do Estado – o Programa Poupatempo, possui 23 anos de existência e já beneficiou mais de 607 milhões de cidadãos

Com o início da pandemia, em março do ano passado, o programa acelerou o processo de digitalização dos serviços digitais, para melhor atender a população. Atualmente, são 137 opções no portal – poupatempo.sp.gov.br -, aplicativo Poupatempo Digital e totens de autoatendimento. Até o fim deste ano, o objetivo é chegar a 180 serviços digitais, e a mais de 240 em 2022.

Fonte: Governo do Estado de São Paulo

Obras das feiras de Jundiapeba e Braz Cubas tiveram início

Começaram as obras de cobertura dos pátios das feiras de Jundiapeba e Braz Cubas. Os espaços também receberão área para administração, sanitários e fechamento com alambrado. Os novos espaços trarão mais conforto e segurança para feirantes e frequentadores. O investimento total é de R$ 3.865.277,48.

O objetivo da Secretaria de Agricultura é viabilizar um espaço melhor para os feirantes e os consumidores, que terão um local mais seguro para fazer suas compras”, disse o secretário de Agricultura, Felipe Almeida. Serão beneficiados 217 feirantes com as obras.

Este é o terceiro pátio que receberá os serviços na cidade, como na Vila Nova Aparecida e Jundiapeba. Foto: Divulgação/PMMC

Além das feiras, os pátios poderão ser usados para outras atividades junto à comunidade dos bairros. “A partir dessa cobertura, os espaços poderão ter outras finalidades. As feiras ocorrem em duas datas por semana e a Prefeitura junto à comunidade pode ocupar esses espaços com outras ações”, completou o secretário.

Devido ao início das obras, as feiras foram deslocadas dos pátios para as ruas próximas e a programação continuará a mesma. As obras estão em andamento e deverão seguir o cronograma de trabalho. O varejão é realizado às quartas-feiras em Jundiapeba e às sextas-feiras em Braz Cubas. Aos domingos, os dois locais recebem a feira.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

EDP substituirá 514 pontos de iluminação pública em Mogi das Cruzes

A EDP, distribuidora de energia elétrica do Alto Tietê inicia 2021 com obras de modernização da iluminação de Mogi das Cruzes. Com um investimento de aproximadamente R$ 742,5 mil serão substituídos ao todo, 514 pontos de iluminação pública na cidade.

A ação da Companhia beneficiará seis importantes vias da cidade, sendo elas: Lothar Waldemar Hoehne, José Meloni, Manoel de Oliveira, Carlos Baratino, Yoshiteru Onishi e prefeito Carlos Ferreira Lopes. Além da melhor qualidade na iluminação, a iniciativa possibilitará uma economia de 553 MWh/ano, o equivalente ao consumo anual de 230 residências, além de diminuir também os custos de manutenção, uma vez que a durabilidade da luminária LED é muito superior ao sistema utilizado anteriormente.

Com a economia gerada por meio das lâmpadas LED na iluminação pública, o município de Mogi das Cruzes tem a possibilidade de redirecionar os recursos em prol da própria população. Além disso, uma melhor eficiência na iluminação das vias impacta positivamente na segurança pública da região”, destaca Thiago Lafalce, gestor Operacional de Eficiência Energética e Consumo Sustentável da EDP.

Com investimento de mais de R$ 742,5 mil, ação foi contemplada na Chamada Pública de Eficiência Energética e beneficiará seis importantes avenidas da cidade. Foto por Francesco Ungaro em Pexels.com

O projeto de substituição das luminárias de maior consumo por LED da iluminação pública de Mogi das Cruzes foi contemplado na Chamada Pública de Projetos – CPP 001/2019 do Programa de Eficiência Energética da EDP, que é regulado pela Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL.

Realizar projetos que resultem em eficiência energética é uma ação que reafirma o compromisso da EDP com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) – plano de ação global definido pelas Nações Unidas (ONU) para alcançar o desenvolvimento sustentável até 2030, e que está incorporado à agenda estratégica da Companhia para crescer gerando impactos positivos junto à sociedade e ao meio ambiente.

Sobre a EDP no Brasil

Com mais de 20 anos de atuação, a EDP é uma das maiores empresas privadas do setor elétrico a operar em toda a cadeia de valor. A Companhia, que tem mais de 10 mil colaboradores diretos e terceirizados, atua em Transmissão, Comercialização e Serviços de Energia, e possui seis unidades de geração hidrelétrica e uma termelétrica. Em Distribuição, atende cerca de 3,5 milhões de clientes em São Paulo e no Espírito Santo, além de ser a principal acionista da Celesc, em Santa Catarina. No Brasil, é referência em áreas como Inovação, Governança e Sustentabilidade, estando há 14 anos consecutivos no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da B3.

Jundiapeba recebe prédio da segunda unidade do Restaurante Popular na cidade

O prefeito Marcus Melo entregou nesta terça-feira, 22/12/2020, o prédio da segunda unidade do Restaurante Popular de Mogi das Cruzes. O novo equipamento está instalado na esquina da Avenida João de Souza Branco com a Rua Dr. Francisco Soares Marialva, ao lado da nova Unidade de Pronto de Atendimento 24 horas de Jundiapeba.

Trata-se de um importante investimento da Prefeitura para garantir segurança alimentar para uma região populosa e com muitas famílias em situação de vulnerabilidade social”, explicou a secretária Neusa Marialva.

O novo restaurante tem 300 metros quadrados de área construída, com amplo salão para 200 lugares. O objetivo é ampliar a rede de atendimento social já existente em Jundiapeba para atender às demandas da população local. O investimento da Prefeitura na obra foi de R$ 1.033.666,60. Com o prédio pronto, o próximo passo será a montagem e instalação do restaurante em parceria com o Governo do Estado.

Pandemia

Durante a pandemia, o Restaurante Bom Prato, localizado na área central, tem sido um importante aliado da população. Com a quarentena e os inevitáveis impactos no orçamento dos cidadãos, as unidades de todo o Estado passaram a servir também jantar, além de funcionar nos finais de semana e feriados. As refeições são servidas em embalagens descartáveis, já que não é possível se alimentar nas unidades.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Parque Municipal receberá investimento em modernização e infraestrutura

A Câmara de Compensação Ambiental da Secretaria Estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente (SIMA) aprovou, durante reunião por videoconferência realizada na segunda-feira, 14/12/2020, o Plano de Trabalho da Secretaria Municipal do Verde e Meio Ambiente que prevê investimento de R$ 193.816,54 na modernização da Infraestrutura do Parque Municipal Francisco Affonso de Mello – “Chiquinho Veríssimo”.

O projeto de melhoria no Parque Municipal tem como objetivo proteger os recursos naturais, assegurando a integridade dos ecossistemas. O secretário municipal do Verde e Meio Ambiente, Daniel Teixeira de Lima, explica que a aprovação foi muito importante: “Nosso plano de trabalho vai promover a segurança da unidade de conservação, permitindo a visitação de forma segura, tanto para o ambiente quanto para o visitante”, explica.

Com área de 352,3 hectares, o local é hoje ponto de referência para a comunidade científica e um referencial para a comunidade, que participa de visitas monitoradas. Foto: PMMC

O parque receberá sistema de cabos de energia elétrica subterrâneo, sistema de segurança por monitoramento remoto, além da manutenção e substituição da tubulação de água que abastece as edificações. O diretor da Secretaria do Verde, André Miragaia, e o engenheiro Emerson Mochizuki, que participaram da elaboração do Plano de Trabalho e da videoconferência, apontaram os benefícios para o parque:

É uma ação que pode deixar o Parque Municipal muito mais seguro e atrativo para uso dos espaços e trazer novas parcerias. O parque tem várias estruturas de imóveis que podem ser usadas para desenvolvimento de pesquisas científicas, museu sobre a história do abastecimento de água de Mogi, e tudo isso apresentado como novos atrativos para os visitantes. O turismo natural é uma das mais promissoras atividades econômicas para a cidade. O Parque, assim como a Ilha Marabá, são fontes inesgotáveis de atrativos naturais, informação para conscientização e integração entre o poder público e a sociedade”, disse Miragaia.

Para Mochizuki, o projeto contribuirá para melhorar a pontuação da cidade nas futuras edições. A cidade conquistou duas certificações do programa, em 2019 e 2020, além de três Prêmios André Franco Montoro.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes