Agenda Cultural: 06 a 08 de Maio/2016

Confira a Agenda Cultural deste fim de semana em Mogi das Cruzes:

06/05 – SEXTA-FEIRA

Das 8h00 às 20h00 (Sesi Mogi das Cruzes)
Evento: Exposição ‘Reflexos pelo Caminho’ [até 15/05]
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Renan Rosa (1979) percorreu de forma autônoma, durante 12 anos, mais de 50 países, buscando retratar a singularidade de diferentes culturas, tradições e práticas que integram um mosaico humano. Atualmente, é colaborador de agências fotográficas no exterior e, numa parceria com a curadora Aline Stürmer, produz materiais editoriais, exposições e ensaios fotográficos ao redor do globo. Sua vida na estrada e sua obra são indissociáveis. Com o instinto de transitar entre diversas realidades, tornou-se passageiro do mundo, em um caminho infinito em direção à arte. Conheça mais sobre o seu trabalho em renanrosa.viewbook.com.

Exposição ‘Reflexos pelo Caminho’

Das 10h00 às 15h00 (Praça Oswaldo Cruz)
Evento: Feira de Artesanato ‘Mogi feita à Mão’
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Além de atrações musicais do projeto Arte na Praça, cerca de 60 artesãos expõem seus trabalhos em madeira, tecido, fibras, contas e miçangas, biscuit, arames, papel, cosméticos, linhas e lãs, bambu, PVC, EVA, cabaça, entre outros materiais. A feira conta também com barracas de alimentação.

Das 10h00 às 22h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Exposição Congada Popular Brasileira [até 07/05]
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
O Casarão da Mariquinha recebe a exposição “Congada Popular Brasileira”, que é parte da programação do lV Festival de Arte Popular do Alto Tietê. Uma realização da Malungada Produtos Culturais e Casa do Congado, em parceria com o Governo do Estado de São Paulo. As fotografias em exposição trazem as assinaturas de Pedro Chavedar e Danilo Duvilierz.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

A partir das 17h00 (Largo do Rosário)
Evento: Palco Aberto
Festival de Arte Popular do Alto Tietê
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
17h00 – Banda Fogo Corredor / 18h30 – Banda Cirilo Amém / 20h00 – Déo Miranda / 21h30 – As Mercenárias

19h00 (Centro Cultural)
Evento: Clube do Xadrez
Recomendação: Livre
Encontro semanal do Clube do Xadrez. O grupo é uma entidade sem fins lucrativos, fundada em 2007, que tem como uma de suas principais finalidades, o incentivo, a promoção e o desenvolvimento da prática do xadrez no Alto Tietê.

Centro Cultural de Mogi das Cruzes
Centro Cultural de Mogi das Cruzes

20h00 (Centro Cultural)
Evento: Exibição do filme ‘Vida de Menina’, Pontos MIS
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Duração: 101 minutos
Pouco após a abolição da escravatura e a proclamação da república no Brasil, Helena Morley começa a escrever seu diário, que revela seu universo e um país adolescente como a menina. Além de se achar feia, ela é magra, desengonçada e sardenta. Não é boa aluna nem comportada como sua irmã. Mas Helena, como nenhuma outra garota de Diamantina, escreve. É neste diário que ela debocha e desmascara as pretensas virtudes alheias, procurando com sofreguidão não perder uma infantil alegria de viver, e reinventando o mundo à sua maneira. O filme é baseado no livro escrito por Alice Dayrell Caldeira Brant sob o pseudônimo de Helena Morley.

20h00 (Centro Municipal Integrado Deputado Mauricio Nagib Najar)
Espetáculo: Apresentação da Orquestra Bachiana Filarmônica SESI-SP
Ingressos: GRATUITO 🙂 (lugares limitados)
Recomendação: Livre
Duração: 60 minutos
Mantida pelo SESI-SP, a orquestra, formada por jovens e experientes instrumentistas de diversas idades, sob a direção do maestro João Carlos Martins, representa ação relevante no apoio à música erudita e ao desenvolvimento de seus integrantes. Assim, ao mesmo tempo em que contribui para a formação de talentos e abre múltiplas oportunidades profissionais, leva a cultura da música erudita a milhares de brasileiros, apresentando-se no interior do Estado, em periferias das grandes cidades e em renomados teatros, difundindo e valorizando a música clássica de alta qualidade técnica e artística.
João Carlos Martins (1940), maestro considerado um dos maiores intérpretes de Johann Sebastian Bach (1685-1750), atingiu um patamar raramente alcançado por outros músicos brasileiros no século XX. Um dos pontos altos de sua carreira foi a gravação da obra completa para teclado desse gênio da música. Logo após, devido a problemas físicos, teve que abandonar a carreira de pianista, canalizando sua paixão para a regência.

Bachiana Filarmônica SESI-SP
Orquestra Bachiana Filarmônica SESI-SP. Foto: Ayrton Vignola

20h00 (Galpão Arthur Netto)
Espetáculo: ‘Inimigo’ (Cia do Escândalo)
Ingressos: Contribuição Livre
Recomendação: 12 anos
Duração: 90 minutos
O espetáculo narra a história de Gjorg Berisha, um rapaz que faz parte de uma família envolvida numa relação de vingança e morte há mais de 70 anos com uma outra família, os Kryeqiq. A trama se passa na Albânia dos anos de 1930 e todas as relações sociais são reguladas por um código moral chamado Kanun, onde é formalmente previsto o direito de cada família, na sua vez, matar o inimigo com arma de fogo.
Informações: facebook.com/galpaoarthurnetto

07/05 – SÁBADO

Das 9h00 às 18h00 (Sesi Mogi das Cruzes)
Evento: Exposição ‘Reflexos pelo Caminho’ [até 15/05]
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Renan Rosa (1979) percorreu de forma autônoma, durante 12 anos, mais de 50 países, buscando retratar a singularidade de diferentes culturas, tradições e práticas que integram um mosaico humano. Atualmente, é colaborador de agências fotográficas no exterior e, numa parceria com a curadora Aline Stürmer, produz materiais editoriais, exposições e ensaios fotográficos ao redor do globo. Sua vida na estrada e sua obra são indissociáveis. Com o instinto de transitar entre diversas realidades, tornou-se passageiro do mundo, em um caminho infinito em direção à arte. Conheça mais sobre o seu trabalho em renanrosa.viewbook.com.

Das 10h00 às 15h00 (Praça Oswaldo Cruz)
Evento: Feira de Artesanato ‘Mogi feita à Mão’
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Além de atrações musicais do projeto Arte na Praça, cerca de 60 artesãos expõem seus trabalhos em madeira, tecido, fibras, contas e miçangas, biscuit, arames, papel, cosméticos, linhas e lãs, bambu, PVC, EVA, cabaça, entre outros materiais. A feira conta também com barracas de alimentação.

Das 10h00 às 22h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Exposição Congada Popular Brasileira [último dia]
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
O Casarão da Mariquinha recebe a exposição “Congada Popular Brasileira”, que é parte da programação do lV Festival de Arte Popular do Alto Tietê. Uma realização da Malungada Produtos Culturais e Casa do Congado, em parceria com o Governo do Estado de São Paulo. As fotografias em exposição trazem as assinaturas de Pedro Chavedar e Danilo Duvilierz.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

Exposição Congada Popular Brasileira

Das 14h00 às 16h00 (Centro Cultural)
Evento: Tardes Hispânicas
Recomendação: Livre

 Tardes Hispânicas

20h00 (Galpão Arthur Netto)
Espetáculo: ‘Inimigo’ (Cia do Escândalo)
Ingressos: Contribuição Livre
Recomendação: 12 anos
Duração: 90 minutos
O espetáculo narra a história de Gjorg Berisha, um rapaz que faz parte de uma família envolvida numa relação de vingança e morte há mais de 70 anos com uma outra família, os Kryeqiq. A trama se passa na Albânia dos anos de 1930 e todas as relações sociais são reguladas por um código moral chamado Kanun, onde é formalmente previsto o direito de cada família, na sua vez, matar o inimigo com arma de fogo.
Informações: facebook.com/galpaoarthurnetto

20h00 (Sesi Mogi das Cruzes)
Evento: Apresentação do grupo ‘As Choronas’
Ingressos: GRATUITO 🙂
Confira a disponibilidade de ingressos e faça sua pré-reserva pelo Meu SESI
Recomendação: Livre
Duração: 60 minutos
‘As Choronas’ tem mais de 20 anos de carreira, três CDs gravados, muitos projetos desenvolvidos e mais de 1.000 shows apresentados no Brasil e no exterior. Este show é composto por uma retrospectiva que abrange a trajetória artística do grupo, contando com o que há de melhor no seu repertório: choro, baião, maxixe, samba, os mais brasileiros ritmos da nossa música popular. Obras tradicionais se alternam com outras mais recentes nas apresentações do grupo, que já se apresentou acompanhado por importantes orquestras brasileiras e, participou de shows de artistas consagrados. O amplo conhecimento musical de suas integrantes permitiu ao grupo elaborar também projetos culturais e pedagógicos, valores que já foram reconhecidos pela crítica especializada. Essa trajetória de múltiplas atividades está registrada em quatro CDs, e tem motivado convites para apresentações em programas de TV no Brasil e no exterior.
Flauta Transversal: Maicira Trevisan | Cavaquinho: Ana Cláudia César | Violão de sete cordas: Paola Picherzky | Percussão: Miriam Cápua.

20h00 (Centro Cultural)
Evento: Exibição do filme ‘Vida de Menina’, Pontos MIS
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Duração: 101 minutos
Pouco após a abolição da escravatura e a proclamação da república no Brasil, Helena Morley começa a escrever seu diário, que revela seu universo e um país adolescente como a menina. Além de se achar feia, ela é magra, desengonçada e sardenta. Não é boa aluna nem comportada como sua irmã. Mas Helena, como nenhuma outra garota de Diamantina, escreve. É neste diário que ela debocha e desmascara as pretensas virtudes alheias, procurando com sofreguidão não perder uma infantil alegria de viver, e reinventando o mundo à sua maneira. O filme é baseado no livro escrito por Alice Dayrell Caldeira Brant sob o pseudônimo de Helena Morley.

‘Vida de Menina’

21h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Katya Teixeira no Casarão da Mariquinha
Ingressos: R$ 15
Recomendação: Não Informada
Duração: Não Informada
Cantora, instrumentista e compositora paulistana, que também é pesquisadora da cultura popular brasileira e que traz em seu trabalho musical o resultado de suas andanças pelo Brasil. Garimpando saberes e sonoridades que incorpora a sua musicalidade, fazendo reverência aos mestres populares e as manifestações culturais autênticas do nosso país.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

08/05 – DOMINGO

Das 9h00 às 17h00 (Casarão do Chá)
Evento: Feira de Artesanato /  Exposição ‘A Caverna dos Sonhos Esquecidos’ (Máyy Koffler)
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Artesanatos, comidas (lanche de pernil, pernil de porco assado no rolete, espetinhos de carne e de frango, comida árabe, galinhada, paella, entre outros) e produtos típicos.
O Casarão do Chá tem a honra de convidar para a exposição da ceramista Máyy Koffler, intitulada “A Caverna dos Sonhos Esquecidos”.  A exposição estará aberta à visitação até o dia 29 de Maio.
Informações: Associação Casarão do Chá

Casarão do Chá. Foto: Guilherme Berti
Casarão do Chá. Foto: Guilherme Berti

10h00 (Parque Centenário)
Evento: City Tour ‘Mogi para os Mogianos’
Ingressos: R$ 10 (a primeira pessoa) e R$ 5 (até o terceiro acompanhante)
Com o objetivo de estimular os mogianos a conhecerem a própria cidade, a Prefeitura de Mogi criou o city tour “Mogi para os Mogianos”. Composto por quatro roteiros – Rural, Religioso, Cultural e Ecoturismo, as saídas são sempre aos domingos, às 10h00, do Parque Centenário, que por si só já merece uma visita.
O City Tour conta com ônibus preparado para receber o turista com todo o conforto e guias devidamente treinados para levar toda a família aos principais pontos turísticos da cidade.
Roteiro: Orquidário Oriental e o Mosteiro Beneditino Camaldolense, ambos na região do Itapeti.
No Orquidário, é possível contemplar o cultivo e a produção das mais variadas espécies desta bela flor. O roteiro é uma boa opção para quem deseja conhecer o admirável mundo das orquídeas e também um pouco da história do mosteiro, que abriga uma comunidade de monges camaldolenses. O mosteiro oferece retiros espirituais individuais e para grupos, semanas de formação espiritual, missa cotidiana e no domingo, tempos de oração e meditação. Os visitantes ainda podem comprar mel e velas de produção artesanal.
Reservas: devem ser antecipadas e feitas no Centro de Informações Turísticas, no Parque Centenário.
Informações: (11) 4726-9920

Orquidário Oriental
Orquidário Oriental

11h00 (Centro Cultural)
Espetáculo: ‘Palhaçadas em Esquetes’ (Cia de Rua)
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Apresentação circense, envolvendo atores da região do Alto Tietê. A Cia. de Rua tem em seu repertório várias esquetes circenses. Comandam diversos projetos voltados ao público infanto–juvenil, como Danças Urbanas e Oficinas Circenses, além de stand up comedy. Um humor atual praticado por atores/comediantes com espetáculos tanto para o público adulto, como o infantil.

20h00 (Galpão Arthur Netto)
Espetáculo: ‘Inimigo’ (Cia do Escândalo) [última apresentação]
Ingressos: Contribuição Livre
Recomendação: 12 anos
Duração: 90 minutos
O espetáculo narra a história de Gjorg Berisha, um rapaz que faz parte de uma família envolvida numa relação de vingança e morte há mais de 70 anos com uma outra família, os Kryeqiq. A trama se passa na Albânia dos anos de 1930 e todas as relações sociais são reguladas por um código moral chamado Kanun, onde é formalmente previsto o direito de cada família, na sua vez, matar o inimigo com arma de fogo.
Informações: facebook.com/galpaoarthurnetto

‘Inimigo’

ACONTECE EM MOGI:

Festa do Divino Espírito Santo 2016

Agenda Cultural: 22 a 24 de Abril/2016

Confira a Agenda Cultural deste fim de semana em Mogi das Cruzes:

22/04 – SEXTA-FEIRA

Das 8h00 às 20h00 (Sesi Mogi das Cruzes)
Evento: Exposição ‘Reflexos pelo Caminho’ [até 15/05]
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Renan Rosa (1979) percorreu de forma autônoma, durante 12 anos, mais de 50 países, buscando retratar a singularidade de diferentes culturas, tradições e práticas que integram um mosaico humano. Atualmente, é colaborador de agências fotográficas no exterior e, numa parceria com a curadora Aline Stürmer, produz materiais editoriais, exposições e ensaios fotográficos ao redor do globo. Sua vida na estrada e sua obra são indissociáveis. Com o instinto de transitar entre diversas realidades, tornou-se passageiro do mundo, em um caminho infinito em direção à arte. Conheça mais sobre o seu trabalho em renanrosa.viewbook.com.

Exposição ‘Reflexos pelo Caminho’

Das 8h00 às 22h00 (Centro Cultural)
Evento: Exposição ‘Repertório, Memória, Vicência’ (Gláucia Caravièri)
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre

Exposição ‘Repertório, Memória, Vicência’

Das 10h00 às 15h00 (Praça Oswaldo Cruz)
Evento: Feira de Artesanato ‘Mogi feita à Mão’
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Além de atrações musicais do projeto Arte na Praça, cerca de 60 artesãos expõem seus trabalhos em madeira, tecido, fibras, contas e miçangas, biscuit, arames, papel, cosméticos, linhas e lãs, bambu, PVC, EVA, cabaça, entre outros materiais. A feira conta também com barracas de alimentação.

Das 10h00 às 22h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Exposição Congada Popular Brasileira [até 07/05]
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
O Casarão da Mariquinha recebe a exposição “Congada Popular Brasileira”, que é parte da programação do lV Festival de Arte Popular do Alto Tietê. Uma realização da Malungada Produtos Culturais e Casa do Congado, em parceria com o Governo do Estado de São Paulo. As fotografias em exposição trazem as assinaturas de Pedro Chavedar e Danilo Duvilierz.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

Das 12h00 às 21h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Exposição FEB 71 Anos [até 30/04]
Ingressos: Não Informado
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
Exposição FEB 71 anos – Expedicionários Mogianos. Com Curadoria de João Camargo.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

20h00 (Centro Cultural)
Espetáculo: ‘Não é o que estão pensando’ (EK Produções)
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: 14 anos
Duração: Não Informada
Em meio à crise do desemprego, um ator em apuros por não conseguir emprego em sua profissão, resolve trabalhar como empregada doméstica e vai parar na casa de um casal desajustado. A patroa foi vítima de assaltantes e por ter ficado trancada dentro do banheiro, tem medo de tomar banho sozinha e diz que a empregada (o ator) precisa dar banho nela.
O Patrão um conquistador barato, diz ser um grande diretor de cinema, televisão e teatro, joga seu charme sobre a empregada e começa a confusão. Presentes, viagens, aumento de salário e a oportunidade de atuar no cinema, são oferecidos a empregada para que ela aceite seus galanteios, a partir daí acontecem situações hilárias. Uma comédia de situações que envolvem a plateia do começo ao fim do espetáculo.

20h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Gui Cardoso no Casarão da Mariquinha
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Não Informada
Duração: Não Informada
A apresentação faz parte da programação do 4º Festival de Arte Popular do Alto Tietê, organizado por Malungada Produtos Culturais e Casa do Congado. Gui Cardoso se apresenta ao lado dos músicos Danilo Silva, Rangel Cruz e Fábio Faustino.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

Gui Cardoso

23/04 – SÁBADO

Das 08h00 às 22h00 (Centro Cultural)
Evento: Exposição ‘Repertório, Memória, Vicência’ (Gláucia Caravièri)
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre

Centro Cultural de Mogi das Cruzes
Centro Cultural de Mogi das Cruzes

Das 9h00 às 18h00 (Sesi Mogi das Cruzes)
Evento: Exposição ‘Reflexos pelo Caminho’ [até 15/05]
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Renan Rosa (1979) percorreu de forma autônoma, durante 12 anos, mais de 50 países, buscando retratar a singularidade de diferentes culturas, tradições e práticas que integram um mosaico humano. Atualmente, é colaborador de agências fotográficas no exterior e, numa parceria com a curadora Aline Stürmer, produz materiais editoriais, exposições e ensaios fotográficos ao redor do globo. Sua vida na estrada e sua obra são indissociáveis. Com o instinto de transitar entre diversas realidades, tornou-se passageiro do mundo, em um caminho infinito em direção à arte. Conheça mais sobre o seu trabalho em renanrosa.viewbook.com.

Das 10h00 às 15h00 (Praça Oswaldo Cruz)
Evento: Feira de Artesanato ‘Mogi feita à Mão’
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Além de atrações musicais do projeto Arte na Praça, cerca de 60 artesãos expõem seus trabalhos em madeira, tecido, fibras, contas e miçangas, biscuit, arames, papel, cosméticos, linhas e lãs, bambu, PVC, EVA, cabaça, entre outros materiais. A feira conta também com barracas de alimentação.

Das 10h00 às 22h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Exposição Congada Popular Brasileira [até 07/05]
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
O Casarão da Mariquinha recebe a exposição “Congada Popular Brasileira”, que é parte da programação do lV Festival de Arte Popular do Alto Tietê. Uma realização da Malungada Produtos Culturais e Casa do Congado, em parceria com o Governo do Estado de São Paulo. As fotografias em exposição trazem as assinaturas de Pedro Chavedar e Danilo Duvilierz.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

Exposição Congada Popular Brasileira

Das 12h00 às 21h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Exposição FEB 71 Anos [até 30/04]
Ingressos: Não Informado
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
Exposição FEB 71 anos – Expedicionários Mogianos. Com Curadoria de João Camargo.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

20h00 (Galpão Arthur Netto)
Espetáculo: ‘Inimigo’ (Cia do Escândalo)
Ingressos: Contribuição Livre
Recomendação: 12 anos
Duração: 90 minutos
O espetáculo narra a história de Gjorg Berisha, um rapaz que faz parte de uma família envolvida numa relação de vingança e morte há mais de 70 anos com uma outra família, os Kryeqiq. A trama se passa na Albânia dos anos de 1930 e todas as relações sociais são reguladas por um código moral chamado Kanun, onde é formalmente previsto o direito de cada família, na sua vez, matar o inimigo com arma de fogo.
Informações: facebook.com/galpaoarthurnetto

‘Inimigo’

20h00 (Centro Cultural)
Evento: PH e Trio Aperto de Mão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
Apresentação musical em comemoração ao Dia Nacional do Choro.

24/04 – DOMINGO

Das 9h00 às 17h00 (Casarão do Chá)
Evento: Feira de Artesanato /  Exposição ‘A Caverna dos Sonhos Esquecidos’ (Máyy Koffler)
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Artesanatos, comidas (lanche de pernil, pernil de porco assado no rolete, espetinhos de carne e de frango, comida árabe, galinhada, paella, entre outros) e produtos típicos.
O Casarão do Chá tem a honra de convidar para a exposição da ceramista Máyy Koffler, intitulada “A Caverna dos Sonhos Esquecidos”.  A exposição estará aberta à visitação até o dia 29 de Maio.
Informações: Associação Casarão do Chá

Casarão do Chá. Foto: Guilherme Berti
Casarão do Chá. Foto: Guilherme Berti

10h00 (Parque Centenário)
Evento: City Tour ‘Mogi para os Mogianos’
Ingressos: R$ 10 (a primeira pessoa) e R$ 5 (até o terceiro acompanhante)
Com o objetivo de estimular os mogianos a conhecerem a própria cidade, a Prefeitura de Mogi criou o city tour “Mogi para os Mogianos”. Composto por quatro roteiros – Rural, Religioso, Cultural e Ecoturismo, as saídas são sempre aos domingos, às 10h00, do Parque Centenário, que por si só já merece uma visita.
O City Tour conta com ônibus preparado para receber o turista com todo o conforto e guias devidamente treinados para levar toda a família aos principais pontos turísticos da cidade.
Roteiro: Sítio Águas da Mata, no bairro do Rodeio, e os museus Visconde de Mauá e do Divino Espírito Santo, ambos na região central.
O Sítio Águas da Mata fica a aproximadamente dez minutos da região central de Mogi das Cruzes e possui diversas atividades voltadas ao meio ambiente. O local possui 20 alqueires de área, sendo um terço da área de preservação ambiental. Os visitantes podem aproveitar a trilha ecológica com aproximadamente 1 km de extensão e a corredeira que deságua em uma piscina natural. O sítio conta ainda com área para camping, campo de futebol e um miniviveiro de mudas de árvores nativas e frutíferas.
O Museu do Divino Espírito Santo retrata uma das mais antigas manifestações religiosas do País, a Festa do Divino Espírito Santo de Mogi das Cruzes. O local tem exposição de peças raras que fazem parte da história da festa na cidade, como o chapéu de Nhá Zefa, uma das devotas mais conhecidas da festividade e um “livro de ouro” de 1934 para o recebimento de doações, assinado pelo casal Joaquim e Francisca de Mello Freire.
A última parada do roteiro será no Museu Visconde de Mauá, destinado a abrigar várias peças que remetem à história da população de Mogi das Cruzes e região. Fazem parte do acervo do museu duas raras bandeiras, sendo uma de 1822, época do Império quando da passagem de D. Pedro I por Mogi das Cruzes após o grito do Ipiranga e outra do século XVIII da Câmara Municipal da cidade.
Reservas: devem ser antecipadas e feitas no Centro de Informações Turísticas, no Parque Centenário.
Informações: (11) 4726-9920

Das 10h00 às 14h00 (Centro Cultural)
Evento: Exposição ‘Repertório, Memória, Vicência’ (Gláucia Caravièri)
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre

Das 10h00 às 22h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Exposição Congada Popular Brasileira [até 07/05]
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
O Casarão da Mariquinha recebe a exposição “Congada Popular Brasileira”, que é parte da programação do lV Festival de Arte Popular do Alto Tietê. Uma realização da Malungada Produtos Culturais e Casa do Congado, em parceria com o Governo do Estado de São Paulo. As fotografias em exposição trazem as assinaturas de Pedro Chavedar e Danilo Duvilierz.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

11h00 (Centro Cultural)
Espetáculo: ‘O Flautista de Hamelim’ (EK Produçõe)
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Uma rainha sem nenhum conceito de higiene e limpeza transforma o seu reino num verdadeiro lixão, causando uma grande infestação de ratos. Desesperada sem saber o que fazer, contrata um flautista, cujo som de sua flauta encanta os ratos, levando-os para fora do reino.
Resolvido o problema, o flautista volta para receber da rainha a quantia combinada para o serviço, mas ela se recusa a pagar. O flautista indignado com a falta de palavra da majestade e para lhe dar um corretivo, resolve tocar sua flauta e levar todas as crianças do reino.
Um espetáculo interativo, que mostra a importância do cumprimento da palavra numa verdadeira lição de saúde e boas maneiras. Através da história a criança vai perceber que sem higiene, o meio ambiente e o planeta ficarão doentes.

‘O Flautista de Hamelim’
‘O Flautista de Hamelim’. Foto: Divulgação/ Internet

Das 18h00 às 21h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Exposição FEB 71 Anos [até 30/04]
Ingressos: Não Informado
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
Exposição FEB 71 anos – Expedicionários Mogianos. Com Curadoria de João Camargo.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

Exposição FEB 71 Anos

20h00 (Galpão Arthur Netto)
Espetáculo: ‘Inimigo’ (Cia do Escândalo)
Ingressos: Contribuição Livre
Recomendação: 12 anos
Duração: 90 minutos
O espetáculo narra a história de Gjorg Berisha, um rapaz que faz parte de uma família envolvida numa relação de vingança e morte há mais de 70 anos com uma outra família, os Kryeqiq. A trama se passa na Albânia dos anos de 1930 e todas as relações sociais são reguladas por um código moral chamado Kanun, onde é formalmente previsto o direito de cada família, na sua vez, matar o inimigo com arma de fogo.
Informações: facebook.com/galpaoarthurnetto

Agenda Cultural: 15 a 17 de Abril/2016

Confira a Agenda Cultural deste fim de semana em Mogi das Cruzes:

15/04 – SEXTA-FEIRA

Das 8h00 às 20h00 (Sesi)
Evento: Exposição ‘Reflexos pelo Caminho’ [até 15/05]
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Renan Rosa (1979) percorreu de forma autônoma, durante 12 anos, mais de 50 países, buscando retratar a singularidade de diferentes culturas, tradições e práticas que integram um mosaico humano. Atualmente, é colaborador de agências fotográficas no exterior e, numa parceria com a curadora Aline Stürmer, produz materiais editoriais, exposições e ensaios fotográficos ao redor do globo. Sua vida na estrada e sua obra são indissociáveis. Com o instinto de transitar entre diversas realidades, tornou-se passageiro do mundo, em um caminho infinito em direção à arte. Conheça mais sobre o seu trabalho em renanrosa.viewbook.com.

Exposição ‘Reflexos pelo Caminho’
Exposição ‘Reflexos pelo Caminho’. Foto: Divulgação/ Internet

Das 10h00 às 15h00 (Praça Oswaldo Cruz)
Evento: Feira de Artesanato ‘Mogi feita à Mão’
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Além de atrações musicais do projeto Arte na Praça, cerca de 60 artesãos expõem seus trabalhos em madeira, tecido, fibras, contas e miçangas, biscuit, arames, papel, cosméticos, linhas e lãs, bambu, PVC, EVA, cabaça, entre outros materiais. A feira conta também com barracas de alimentação.

Das 10h00 às 22h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Exposição Congada Popular Brasileira
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
O Casarão da Mariquinha recebe a exposição “Congada Popular Brasileira”, que é parte da programação do lV Festival de Arte Popular do Alto Tietê. Uma realização da Malungada Produtos Culturais e Casa do Congado, em parceria com o Governo do Estado de São Paulo. As fotografias em exposição trazem as assinaturas de Pedro Chavedar e Danilo Duvilierz.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

Exposição Congada Popular Brasileira

Das 12h00 às 21h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Exposição FEB 71 Anos
Ingressos: Não Informado
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
Exposição FEB 71 anos – Expedicionários Mogianos. Com Curadoria de João Camargo.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

19h00 (Sesi)
Espetáculo: ‘De Malas Prontas’ (Pé de Vento Teatro)
Ingressos: Confira a disponibilidade de ingressos e faça sua pré-reserva pelo Meu SESI
Recomendação: 14 anos
Duração: 65 minutos
De malas prontas é uma comédia irreverente sem falas, que conta a história de duas mulheres obrigadas a compartilhar o mesmo banco de um aeroporto. No desenrolar do espetáculo se percebe que compartilhar não é tão fácil assim e, os conflitos se sucedem velozmente até a situação chegar a um ponto sem retorno, e só há uma saída: a guerra! De maneira bem humorada mergulha-se no mundo dos conflitos que povoam nosso cotidiano.

19h00 (Centro Cultural)
Evento: Clube do Xadrez
Recomendação: Livre
Encontro semanal do Clube do Xadrez

20h00 (Centro Cultural)
Evento: ‘Cine-concerto’ com a Banda Jovem E.M. Profª Noemia Real Fidalgo
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
Na apresentação, os pequenos músicos, com idades entre 7 e 14 anos, executam um repertório exclusivamente formado por temas de filmes, acompanhando a projeção de clipes em um telão. Entre as trilhas que serão apresentadas estão “O Mágico de Oz”, “2001 – Uma Odisseia no Espaço”, “O Poderoso Chefão”, além de filmes mais atuais, como “Sherek”, “Piratas do Caribe”, entre outros. A regência é do maestro Allan Caetano.

Cine-concerto
Cine-concerto. Foto: Divulgação/ Internet

20h00 (Galpão Arthur Netto)
Evento: Show com Amauri Falabella
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
O cantador Amauri Falabella faz apresentação especial no IV Festival de Arte Popular do Alto Tietê, e mostra canções do seu novo disco “Parceria”
Amauri é vencedor do Prêmio Especial do Júri Popular do Festival da Música Brasileira da Rede Globo com a música Brincos, que recebeu 60% da votação, Falabella empunha o violão a viola caipira para cantar temas nos quais acredita e da maneira que gosta.
Lançado recentemente, o CD Parcerias tem a participação de Fernando Guimarães, Consuelo de Paula, Socorro Lira, Daniela Lasalvia, Kátia Teixeira, entre outros.
Informações: facebook.com/galpaoarthurnetto

Amauri Falabella

21h30 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Coco de Oyá no Casarão da Mariquinha
Ingressos: R$ 15
Recomendação: Não Informada
Duração: Não Informada
Uma grande festa que mistura o coco de roda , o baianá alagoano e a ciranda praieira. O grupo formado por mulheres soma a força da percussão com a energia do sagrado feminino. No repertório, cantigas da cultura tradicional e autorais.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

16/04 – SÁBADO

Das 9h00 às 18h00 (Sesi)
Evento: Exposição ‘Reflexos pelo Caminho’ [até 15/05]
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Renan Rosa (1979) percorreu de forma autônoma, durante 12 anos, mais de 50 países, buscando retratar a singularidade de diferentes culturas, tradições e práticas que integram um mosaico humano. Atualmente, é colaborador de agências fotográficas no exterior e, numa parceria com a curadora Aline Stürmer, produz materiais editoriais, exposições e ensaios fotográficos ao redor do globo. Sua vida na estrada e sua obra são indissociáveis. Com o instinto de transitar entre diversas realidades, tornou-se passageiro do mundo, em um caminho infinito em direção à arte. Conheça mais sobre o seu trabalho em renanrosa.viewbook.com.

Das 10h00 às 15h00 (Praça Oswaldo Cruz)
Evento: Feira de Artesanato ‘Mogi feita à Mão’
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Além de atrações musicais do projeto Arte na Praça, cerca de 60 artesãos expõem seus trabalhos em madeira, tecido, fibras, contas e miçangas, biscuit, arames, papel, cosméticos, linhas e lãs, bambu, PVC, EVA, cabaça, entre outros materiais. A feira conta também com barracas de alimentação.

Das 10h00 às 22h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Exposição Congada Popular Brasileira
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
O Casarão da Mariquinha recebe a exposição “Congada Popular Brasileira”, que é parte da programação do lV Festival de Arte Popular do Alto Tietê. Uma realização da Malungada Produtos Culturais e Casa do Congado, em parceria com o Governo do Estado de São Paulo. As fotografias em exposição trazem as assinaturas de Pedro Chavedar e Danilo Duvilierz.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

Das 12h00 às 21h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Exposição FEB 71 Anos
Ingressos: Não Informado
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
Exposição FEB 71 anos – Expedicionários Mogianos. Com Curadoria de João Camargo.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

Exposição FEB 71 Anos

A partir das 13h00 (Parque Botyra)
Evento: 2º Festival Caquizada
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
A música autoral é o destaque na programação do ‘Festival Caquizada’, realizado pelo Poranduba Coletivo Cultural com apoio da Secretaria de Cultura de Mogi das Cruzes, no Parque Botyra Camorim, no Centro Cívico. O evento terá início no sábado (16/04), às 13h00, e reunirá diversas bandas independentes de Mogi das Cruzes e região. A programação continuará no domingo (17/04).

19h00 (Sesi)
Espetáculo: ‘De Malas Prontas’ (Pé de Vento Teatro)
Ingressos: Confira a disponibilidade de ingressos e faça sua pré-reserva pelo Meu SESI
Recomendação: 14 anos
Duração: 65 minutos
De malas prontas é uma comédia irreverente sem falas, que conta a história de duas mulheres obrigadas a compartilhar o mesmo banco de um aeroporto. No desenrolar do espetáculo se percebe que compartilhar não é tão fácil assim e, os conflitos se sucedem velozmente até a situação chegar a um ponto sem retorno, e só há uma saída: a guerra! De maneira bem humorada mergulha-se no mundo dos conflitos que povoam nosso cotidiano.

De Malas Prontas
Espetáculo: ‘De Malas Prontas’. Foto: Cristiane Fontinha

20h00 (Galpão Arthur Netto)
Evento: Workshow com Alexandre Vianna Trio
Ingressos: R$ 15 (meias-entradas tradicionais)
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
Alexandre Vianna trio teve início a partir do desejo de explorar a sonoridade na formação de trio, tanto na performance quanto nas composições. Com repertório autoral e inédito, Alexandre tem influências musicais que percorrem tanto o jazz, a música erudita e a música brasileira instrumental. O trio está em constante evolução. A música que tocamos é um reflexo de quem somos como seres humanos. Nossa missão é atenuar as diferenças entre a vida e a música, e tentar expressar a forma mais crua de nosso ser. Aprendemos que a música pode conter tudo: a beleza do nosso ser, e também o nosso lado “feio”. Trata-se de apresentar uma imagem completa do músico, não filtrada. Temos o interesse em aprender e desenvolver a nossa expressão na música. O Trio é formado por Alexandre Vianna (Piano), Rafael Lourenço (Bateria) e João Benjamim (Contrabaixo).
Informações: facebook.com/galpaoarthurnetto

Alexandre Vianna Trio
Alexandre Vianna Trio

20h30 (Centro Cultural)
Espetáculo: ‘O Corpo’ – Fernanda Moretti Arte do Movimento
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada

Centro Cultural de Mogi das Cruzes
Centro Cultural de Mogi das Cruzes

21h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Waldir Vera no Casarão da Mariquinha
Ingressos: R$ 10
Recomendação: Não Informada
Duração: Não Informada
No repertório Waldir trará composições próprias, assim como alguns clássicos do cancioneiro brasileiro.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

17/04 – DOMINGO

Das 9h00 às 17h00 (Casarão do Chá)
Evento: Feira de Artesanato /  Exposição ‘A Caverna dos Sonhos Esquecidos’ (Máyy Koffler)
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Artesanatos, comidas (lanche de pernil, pernil de porco assado no rolete, espetinhos de carne e de frango, comida árabe, galinhada, paella, entre outros) e produtos típicos.
O Casarão do Chá tem a honra de convidar para a exposição da ceramista Máyy Koffler, intitulada “A Caverna dos Sonhos Esquecidos”.  A exposição estará aberta à visitação até o dia 29 de Maio.
Informações: Associação Casarão do Chá

Casarão do Chá. Foto: Guilherme Berti
Casarão do Chá. Foto: Guilherme Berti

10h00 (Parque Centenário)
Evento: City Tour ‘Mogi para os Mogianos’
Ingressos: R$ 10 (a primeira pessoa) e R$ 5 (até o terceiro acompanhante)
Com o objetivo de estimular os mogianos a conhecerem a própria cidade, a Prefeitura de Mogi criou o city tour “Mogi para os Mogianos”. Composto por quatro roteiros – Rural, Religioso, Cultural e Ecoturismo, as saídas são sempre aos domingos, às 10h00, do Parque Centenário, que por si só já merece uma visita.
O City Tour conta com ônibus preparado para receber o turista com todo o conforto e guias devidamente treinados para levar toda a família aos principais pontos turísticos da cidade.
Roteiro: Museu Guiomar Pinheiro Franco, no Centro, e os ateliês dos artistas Lúcio Bittencourt e Maurício Chaer, ambos no Botujuru.
O museu Guiomar, localizado no Centro Histórico de Mogi das Cruzes, conta a história da cidade a partir da saga da família Pinheiro Franco. No solar remanescente do final do século XVIII estão expostos um conjunto de objetos e todo o mobiliário da família.
Já nos ateliês dos artistas mogianos, os participantes poderão conferir um pouco do trabalho de dois dos principais nomes do setor em Mogi das Cruzes. Lúcio Bittencourt explora a sucata de metal, criando novas formas e provando que a imaginação gera resultados estéticos vigorosos e harmoniosos. O artista recebeu cerca de 200 prêmios e produziu mais de 12 mil peças. Suas obras estão instaladas em cidades importantes do Brasil e do exterior.
Maurício Chaer é conhecido em Mogi das Cruzes pelas curvas, volume e cores de suas peças. Com ateliê no bairro do Botujuru desde 1979, ele tem na cerâmica sua paixão. Suas obras estão instaladas em Suzano, Ribeirão Pires, Cuiabá, São Paulo e até no exterior, como Madri e Lisboa.
Reservas: devem ser antecipadas e feitas no Centro de Informações Turísticas, no Parque Centenário.
Informações: (11) 4726-9920

Museu Profª Guiomar Pinheiro Franco
Museu Profª Guiomar Pinheiro Franco

Das 10h00 às 22h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Exposição Congada Popular Brasileira
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
O Casarão da Mariquinha recebe a exposição “Congada Popular Brasileira”, que é parte da programação do lV Festival de Arte Popular do Alto Tietê. Uma realização da Malungada Produtos Culturais e Casa do Congado, em parceria com o Governo do Estado de São Paulo. As fotografias em exposição trazem as assinaturas de Pedro Chavedar e Danilo Duvilierz.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

11h00 (Centro Cultural)
Espetáculo: ‘Os Piratas na Ilha do Tesouro Perdido’ (EK Produções)
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Curiosidade e imaginação conduzem essa emocionante história para um verdadeiro conto infantil. Com efeitos, sustos e muita confusão, os piratas chegam à ilha do tesouro perdido. Porém, eles encontram na ilha uma menina que também está com uma parte do mapa. Para encontrar o tão falado tesouro, eles precisam unir as três partes do mapa e decifrar um enigma. Para isso contam com a ajuda da menina Ariel e de toda a platéia para encontrarem o baú do tesouro. O tesouro encontrado é a fórmula secreta para tornar o planeta cada vez melhor, deixando claro a importância e o valor de uma amizade.

A partir das 13h00 (Parque Botyra)
Evento: 2º Festival Caquizada
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
A música autoral é o destaque na programação do ‘Festival Caquizada’, realizado pelo Poranduba Coletivo Cultural com apoio da Secretaria de Cultura de Mogi das Cruzes, no Parque Botyra Camorim, no Centro Cívico. O evento terá início no sábado (16/04), às 13h00, e reunirá diversas bandas independentes de Mogi das Cruzes e região. A programação continuará no domingo (17/04).

2º Festival Caquizada

Das 18h00 às 21h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Exposição FEB 71 Anos
Ingressos: Não Informado
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
Exposição FEB 71 anos – Expedicionários Mogianos. Com Curadoria de João Camargo.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

18h30 (Theatro Vasques)
Espetáculo: ‘Morrendo e Aprendendo’ (Cia Amigos da Luz)
Ingressos: R$ 50 (inteira) / R$ 25 (meia)
Recomendação: Não Informada
Duração: Não Informada
Informações: 4790-1920 / 9 8185-3391 (Vinicius)
A morte é um assunto bastante controverso e cheio de tabus. Nesse espetáculo, o público, ao entrar no teatro, já se depara com um clima tenso de velório, com a “pobre” perua velada em seu caixão. Mas rapidamente tudo muda, e a morte passa a ser simplesmente o ponto de partida para uma comédia deliciosa, que aborda,com muito bom humor, temas relevantes da Doutrina Espírita como a lei de causa e efeito, a reencarnação e a evolução do indivíduo, tendo como pano-de-fundo a vida e a morte de Dona Lourdes Thereza.
Esse espírito, que reencarna como uma mulher muito rica mas sem qualquer preocupação com a caridade ou com seu próprio aperfeiçoamento, ao desencarnar depara-se com as dificuldades por ela mesma cultivadas em uma vida farta materialmente mas sem riqueza espiritual. Indignada com o tratamento recebido após sua morte, onde julgava nada não ter nada mais que o sono eterno, reencontra um desafeto de suas vidas passadas que a persegue por muitos anos em busca de vingança.
Orientados por amigos iluminados, esses dois espíritos infelizes ligados entre si pela lei da afinidade, finalmente reconhecem seus erros e depois de novas descobertas valorosas, preparam-se para uma nova tentativa na existência corpórea. Esse é um espetáculo edificante que, utilizando uma linguagem simples e acessível a todos, nos trás uma mensagem de amor e responsabilidade.

ACONTECE EM MOGI:

Akimatsuri 2016

Agenda Cultural: 29 a 31 de Janeiro/2016

Confira a Agenda Cultural deste fim de semana em Mogi das Cruzes:

29/01 – SEXTA-FEIRA

Das 8h00 às 22h00 (Centro Cultural)
Evento: Exposição ‘Entre Muros e Miragens’ com o artista Galo [até 31/01]
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
‘Entre Muros e Miragens’ é uma mostra individual do artista Galo, Arquiteto e Urbanista de formação, nascido em São Bernardo do Campo e residente em Mogi das Cruzes há 3 anos.
Galo se encantou com a linguagem do graffiti em 2009, época em que trabalhava em São Paulo. Desde então, o artista vem percorrendo a periferia da capital deixando seus graffitis nos muros e participando de exposições coletivas e individuais por todo o Brasil e, inclusive, no exterior, onde expôs, em 2012, em uma mostra coletiva na Noruega.

Exposição ‘Entre Muros e Miragens’
Exposição ‘Entre Muros e Miragens’

Das 10h00 às 15h00 (Praça Oswaldo Cruz)
Evento: Feira de Artesanato ‘Mogi feita à Mão’
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Além de atrações musicais do projeto Arte na Praça, cerca de 60 artesãos expõem seus trabalhos em madeira, tecido, fibras, contas e miçangas, biscuit, arames, papel, cosméticos, linhas e lãs, bambu, PVC, EVA, cabaça, entre outros materiais. A feira conta também com barracas de alimentação.

19h00 (Casa do Hip Hop)
Evento: Arena MC Especial
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Batalhas de MC’s

casa-do-hip-hop-01
Casa do Hip Hop

20h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: ‘Cinismo’, com o Teatro da Neura no Casarão da Mariquinha
Ingressos: R$ 15
Recomendação: Não Informada
‘Cinismo, Substantivo Masculino’ abre o ano do Teatro da Neura em rascunho de mais uma fase do projeto de revisita-e-estudo dentro da vida e da obra de Nelson Rodrigues.
Livremente inspirado na primeira dramaturgia do Pernambucano, “A Mulher Sem Pecado”, a leitura encenada traz o drama de Olégario que acredita que sua mulher o trai até com a própria sombra enquanto outros juram ser ela a esposa mais fiel do Rio do Janeiro.
O Teatro da Neura traz a Mogi das Cruzes, em uma leitura encenada concebida especialmente para o inspirador Casarão da Mariquinha, todo o universo rodriguiano em seus quase 12 anos de estudo do autor.
Com trilha sonora composta de experimentos autorais, atores e músicos convidados.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

20h30 (Centro Cultural)
Evento: Show com a banda Matuto Baião
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
A banda de forró Matuto Baião apresenta um repertório de composições e arranjos próprios, além de releituras de obras de artistas que compõe suas referências, passeando pelos ritmos Forró, Baião, Xote, Côco, Xaxado, Arrastapé, Samba. Formada por Evandro dos Reis (voz, violão e cavaco), João Paulo Lopes (zabumba e voz) e Tiago Nepomuceno (voz e triângulo), tem como proposta principal a criação de músicas autorais, com elementos presentes no regionalismo brasileiro tendo como linguagem principal o forró pé de serra.

Banda Matuto Baião. Foto: Ricardo Galvão Fontes
Banda Matuto Baião. Foto: Ricardo Galvão Fontes

30/01 – SÁBADO

Das 8h00 às 22h00 (Centro Cultural)
Evento: Exposição ‘Entre Muros e Miragens’ com o artista Galo [até 31/01]
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
‘Entre Muros e Miragens’ é uma mostra individual do artista Galo, Arquiteto e Urbanista de formação, nascido em São Bernardo do Campo e residente em Mogi das Cruzes há 3 anos.
Galo se encantou com a linguagem do graffiti em 2009, época em que trabalhava em São Paulo. Desde então, o artista vem percorrendo a periferia da capital deixando seus graffitis nos muros e participando de exposições coletivas e individuais por todo o Brasil e, inclusive, no exterior, onde expôs, em 2012, em uma mostra coletiva na Noruega.

10h00 (Parque Centenário)
Evento: City Tour ‘Mogi para os Mogianos’
Ingressos: R$ 5 (a primeira pessoa) e R$ 2,50 (as demais, até 3 acompanhantes)
Com o objetivo de estimular os mogianos a conhecerem a própria cidade, a Prefeitura de Mogi criou o city tour “Mogi para os Mogianos”. Composto por quatro roteiros – Rural, Religioso, Cultural e Ecoturismo, as saídas são sempre aos domingos, às 10h00, do Parque Centenário, que por si só já merece uma visita.
O City Tour conta com ônibus preparado para receber o turista com todo o conforto e guias devidamente treinados para levar toda a família aos principais pontos turísticos da cidade.
Roteiro: Mesquita Islâmica, Centro de Memória e Cultura Júlio Simões e o Museu Visconde de Mauá. Todo o trajeto é acompanhado por guia especializado.
Reservas: devem ser antecipadas e feitas no Centro de Informações Turísticas, no Parque Centenário
Informações: (11) 4726-9920

Centro de Memória e Cultura Júlio Simões
Centro de Memória e Cultura Júlio Simões

Das 10h00 às 15h00 (Praça Oswaldo Cruz)
Evento: Feira de Artesanato ‘Mogi feita à Mão’
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Além de atrações musicais do projeto Arte na Praça, cerca de 60 artesãos expõem seus trabalhos em madeira, tecido, fibras, contas e miçangas, biscuit, arames, papel, cosméticos, linhas e lãs, bambu, PVC, EVA, cabaça, entre outros materiais. A feira conta também com barracas de alimentação.

16h00 (Parque Centenário)
Evento: Show com a banda Pedra Letícia
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
A banda Pedra Letícia vem conquistando o Brasil com seu pop rock irreverente e malicioso. Formada em 2005, em Goiânia, a banda tem Fabiano Cambota nos vocais, Thiago Sestini na percussão, Pedro Torres na bateria, Kuky Sanchez no baixo e Xiquinho Mendes na guitarra. O sucesso do grupo se dá pela soma do humor e qualidade musical, além da manutenção da sua originalidade e irreverência em shows.

20h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: 11º Sarau da Mariquinha
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Não Informada
Em sua primeira edição de 2016, o 11º Sarau da Mariquinha chega com muitos convidados: Marineis Dias, Everyday Mogi, Brendo de Lima, Livia Barros, Gustavo de Castro Lima, Pérsio Rodrigues, Espaço da Carochinha, O Gato por Dentro.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

20h30 (Theatro Vasques)
Evento: Show com o pianista André Mehmari
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Pianista, arranjador, compositor e multiinstrumentista. Músico de destaque no cenário nacional, André Mehmari é autor de composições e arranjos para algumas das formações orquestrais e câmera mais expressivas do país, como OSESP, Quinteto VIlla-Lobos, OSB, Quarteto de Cordas da Cidade de SP, entre outros. Como instrumentista, já atuou em importantes festivais brasileiros, como Chivas, Heineken, Tim Festival, e no exterior, no Spoleto USA e Blue Note Tokyo. A discografia já reúne oito cds solo, além de participações em numerosos projetos.

31/01 – DOMINGO

Das 9h00 às 14h00 (Centro Cultural)
Evento: Exposição ‘Entre Muros e Miragens’ com o artista Galo [último dia]
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
‘Entre Muros e Miragens’ é uma mostra individual do artista Galo, Arquiteto e Urbanista de formação, nascido em São Bernardo do Campo e residente em Mogi das Cruzes há 3 anos.
Galo se encantou com a linguagem do graffiti em 2009, época em que trabalhava em São Paulo. Desde então, o artista vem percorrendo a periferia da capital deixando seus graffitis nos muros e participando de exposições coletivas e individuais por todo o Brasil e, inclusive, no exterior, onde expôs, em 2012, em uma mostra coletiva na Noruega.

Centro Cultural de Mogi das Cruzes
Centro Cultural de Mogi das Cruzes

Das 9h00 às 17h00 (Casarão do Chá)
Evento: Feira de Artesanato / Exposição ‘Chaer Geométrico e Orgânico’ [até 20/03]
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Artesanatos, comidas (lanche de pernil, pernil de porco assado no rolete, espetinhos de carne e de frango, comida árabe, galinhada, paella, entre outros) e produtos típicos.
Artista plástico, Mauricio Chaer é conhecido em Mogi das Cruzes pelas curvas, volume e cores de suas peças. Possui ateliê no bairro do Botujuru desde 1979, e tem na cerâmica e escultura sua paixão. Suas obras estão instaladas em diversas localidades como em Mogi das Cruzes, Suzano, Ribeirão Pires, Cuiabá, São Paulo e até no exterior, em cidades como Madri e Lisboa.
Informações: Associação Casarão do Chá

Casarão do Chá. Foto: Guilherme Berti
Casarão do Chá. Foto: Guilherme Berti

10h00 (Parque Centenário)
Evento: City Tour ‘Mogi para os Mogianos’
Ingressos: R$ 5 (a primeira pessoa) e R$ 2,50 (as demais, até 3 acompanhantes)
Com o objetivo de estimular os mogianos a conhecerem a própria cidade, a Prefeitura de Mogi criou o city tour “Mogi para os Mogianos”. Composto por quatro roteiros – Rural, Religioso, Cultural e Ecoturismo, as saídas são sempre aos domingos, às 10h00, do Parque Centenário, que por si só já merece uma visita.
O City Tour conta com ônibus preparado para receber o turista com todo o conforto e guias devidamente treinados para levar toda a família aos principais pontos turísticos da cidade.
Roteiro: Centro de Estudos Holísticos Vale do Sol e da Lua. Fundado em 1994 por Evani Neme Carrasco, em um sítio emprestado por amigos, o centro teve grande procura e em 1998 foi transferido para uma Chácara no Jardim Nove de Julho, em Jundiapeba, onde se consolidou e se encontra até hoje.
O espaço promove atendimento espiritual, desenvolvimento mediúnico, rituais, cursos nas áreas de terapias holísticas e eventos. Neste passeio, os visitantes poderão contemplar as belas paisagens com a represa de Taiaçupeba e aprender mais sobre as culturas religiosas desenvolvidas no local.
Reservas: devem ser antecipadas e feitas no Centro de Informações Turísticas, no Parque Centenário
Informações: (11) 4726-9920

14h00 (Parque Centenário)
Evento: Show ‘Reggae Resistência’ com Ubaldo Waru e Guerrilheiros de Jah
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Ubaldo Waru é músico, compositor, arranjador, professor de percussão e mutiinstrumentista. Em seus shows, Ubaldo mostra músicas próprias e alguns covers de grandes nomes do reggae. Ganhador do troféu Caymmi como melhor percussionista de Salvador, já fez turnê pela Europa integrando a Banda Massa, levando mensagem de paz aos amantes do reggae nacional.

16h00 (Parque Centenário)
Evento: Show ‘Até todos estarem livres’ com a banda Clã Roots
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre

18h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Samba no Quintal
Ingressos: R$ 10
Recomendação: Não Informada
Com Guilherme Bandeira, Alex Constantino, Claudia Trindade, Felipe Cravo, Juan Silva, Vanderlei Oliveira, Evandro dos Reis e Eurico de Souza.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

 

Agenda Cultural: 22 a 24 de Janeiro/2016

Confira a Agenda Cultural deste fim de semana em Mogi das Cruzes:

22/01 – SEXTA-FEIRA

Das 8h00 às 22h00 (Centro Cultural)
Evento: Exposição ‘Entre Muros e Miragens’ com o artista Galo [até 31/01]
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
‘Entre Muros e Miragens’ é uma mostra individual do artista Galo, Arquiteto e Urbanista de formação, nascido em São Bernardo do Campo e residente em Mogi das Cruzes há 3 anos.
Galo se encantou com a linguagem do graffiti em 2009, época em que trabalhava em São Paulo. Desde então, o artista vem percorrendo a periferia da capital deixando seus graffitis nos muros e participando de exposições coletivas e individuais por todo o Brasil e, inclusive, no exterior, onde expôs, em 2012, em uma mostra coletiva na Noruega.

Exposição ‘Entre Muros e Miragens’
Exposição ‘Entre Muros e Miragens’

Das 10h00 às 15h00 (Praça Oswaldo Cruz)
Evento: Feira de Artesanato ‘Mogi feita à Mão’
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Além de atrações musicais do projeto Arte na Praça, cerca de 60 artesãos expõem seus trabalhos em madeira, tecido, fibras, contas e miçangas, biscuit, arames, papel, cosméticos, linhas e lãs, bambu, PVC, EVA, cabaça, entre outros materiais. A feira conta também com barracas de alimentação.

20h30 (Centro Cultural)
Evento: Show ‘Brega Sim, Trash Não’ com Big Charles and The Little Big Band
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
A Big Charles and The Little Big Band  é composta pelos músicos Carlos Mello (Big Charles) voz, violão, guitarra e teclado;  Célia Fonseca (voz);  André Luíz Mello (voz, teclado e acordeom); Ricardo Vergueiro (baixo e voz); Diodio Battanni (guitarra e voz); Rafael Pereira (bateria e voz) e Flávia Caruso (percussão).
No repertório, além do trabalho autoral, as clássicas Sandra Rosa Madalena, Sorria de Evaldo Braga, Fogo e Paixão do Wando, as infantis dos anos 80, como Superfantástico, canções românticas, como Não se Vá de Jane e Herondy, até o que não é considerado Brega por muitos, mas indiscutivelmente são canções populares, como Não quero Dinheiro de Tim Maia e sambas de Alcione e Eliana de Lima. Entre as autorais estão As Noites em Claro, de Carlos Mello e A Menina da vez, de Ricardo Vergueiro.

Centro Cultural de Mogi das Cruzes
Centro Cultural de Mogi das Cruzes

23/01 – SÁBADO

Das 8h00 às 22h00 (Centro Cultural)
Evento: Exposição ‘Entre Muros e Miragens’ com o artista Galo [até 31/01]
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
‘Entre Muros e Miragens’ é uma mostra individual do artista Galo, Arquiteto e Urbanista de formação, nascido em São Bernardo do Campo e residente em Mogi das Cruzes há 3 anos.
Galo se encantou com a linguagem do graffiti em 2009, época em que trabalhava em São Paulo. Desde então, o artista vem percorrendo a periferia da capital deixando seus graffitis nos muros e participando de exposições coletivas e individuais por todo o Brasil e, inclusive, no exterior, onde expôs, em 2012, em uma mostra coletiva na Noruega.

10h00 (Parque Centenário)
Evento: City Tour ‘Mogi para os Mogianos’
Ingressos: R$ 5 (a primeira pessoa) e R$ 2,50 (as demais, até 3 acompanhantes)
Com o objetivo de estimular os mogianos a conhecerem a própria cidade, a Prefeitura de Mogi criou o city tour “Mogi para os Mogianos”. Composto por quatro roteiros – Rural, Religioso, Cultural e Ecoturismo, as saídas são sempre aos domingos, às 10h00, do Parque Centenário, que por si só já merece uma visita.
O City Tour conta com ônibus preparado para receber o turista com todo o conforto e guias devidamente treinados para levar toda a família aos principais pontos turísticos da cidade.
Roteiro: Sítio Querência. Localizada no bairro da Volta Fria, a propriedade conta com uma grande área cercada por muito verde, com trilhas para caminhadas ecológicas e espaço reservado para a realização de eventos, como aeromodelismo e campeonato de pipas artesanais.
Reservas: devem ser antecipadas e feitas no Centro de Informações Turísticas, no Parque Centenário
Informações: (11) 4726-9920

Das 10h00 às 15h00 (Praça Oswaldo Cruz)
Evento: Feira de Artesanato ‘Mogi feita à Mão’
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Além de atrações musicais do projeto Arte na Praça, cerca de 60 artesãos expõem seus trabalhos em madeira, tecido, fibras, contas e miçangas, biscuit, arames, papel, cosméticos, linhas e lãs, bambu, PVC, EVA, cabaça, entre outros materiais. A feira conta também com barracas de alimentação.

16h00 (Centro Cultural)
Espetáculo: ‘Cauda de Serpente, asas de Dragão’ (Cia. Duo Encantado)
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Baseado no livro de mesmo nome, a narração explora o dia a dia de crianças e sua relação com diferentes adultos que têm como papel cuidar delas, como pais, tios, babás e avós. Misturando realidade e fantasia, os contos são cheios de situações inusitadas e divertidas sobre a relação entre pequenos e grandes.

‘Cauda de Serpente, asas de Dragão’. Foto: Divulgação/ Internet
‘Cauda de Serpente, asas de Dragão’. Foto: Divulgação/ Internet

17h00 (Parque Centenário)
Evento: Show com Luana Camarah
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
A banda de rock, formada em 2005, tem três CDs lançados e é composta pela vocalista Luana Camarah, o guitarrista Joziel Wagner, o baixista Bruno Freire e o baterista Luiz Cunha. A projeção nacional da banda veio após a participação da vocalista, Luana Camarah, em um programa de talentos na TV.

Luana Camarah. Foto: Divulgação/ Internet
Luana Camarah. Foto: Divulgação/ Internet

20h30 (Theatro Vasques)
Espetáculo: ‘A Exceção e a Regra’ (TWL Ousadia)
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Duração: 50 minutos
Um pequeno grupo participa de uma disputa em direção à cidade de Urga. A expedição que chegar primeiro ganha como prêmio uma concessão para explorar petróleo. Durante a viagem são expostos de modo radical a relação entre explorador e explorado, assim como os mecanismos que legitimam o abuso de um e a submissão do outro.

20h30 (Centro Cultural)
Evento: Show ‘Não sei Pousar’ com Gui Cardoso
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Duração: 90 minutos
Gui Cardoso é músico e compositor. No espetáculo “Não Sei Pousar”, Gui  apresentará, ao lado dos músicos Danilo Silva (guitarra, violões e produção musical), Fabio Faustino (bateria) e Rangel Cruz (contrabaixo), canções compostas em parceria com alguns dos mais influentes compositores da região, entre eles, Henrique Abib, Paulo Henrique (PH), Pedro Abib, Rabicho, Guilherme Bandeira, Léo Zerrah, Gabriel Tarragô e Kacá Novais. O repertório inclui ritmos variados que vão do Samba ao bolero até o pop e baladas jazzísticas.

Gui Cardoso. Foto: Divulgação/ Internet
Gui Cardoso. Foto: Divulgação/ Internet

21h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Bico do Corvo no Casarão da Mariquinha
Ingressos: R$ 10
Recomendação: Não Informada
O Bico Do Corvo se apresenta pela primeira vez no Casarão da Mariquinha. Venga, Venga! A república do milharal precisa do seu empenho como cidadão!
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

Bico do Corvo

24/01 – DOMINGO

Das 9h00 às 14h00 (Centro Cultural)
Evento: Exposição ‘Entre Muros e Miragens’ com o artista Galo [até 31/01]
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
‘Entre Muros e Miragens’ é uma mostra individual do artista Galo, Arquiteto e Urbanista de formação, nascido em São Bernardo do Campo e residente em Mogi das Cruzes há 3 anos.
Galo se encantou com a linguagem do graffiti em 2009, época em que trabalhava em São Paulo. Desde então, o artista vem percorrendo a periferia da capital deixando seus graffitis nos muros e participando de exposições coletivas e individuais por todo o Brasil e, inclusive, no exterior, onde expôs, em 2012, em uma mostra coletiva na Noruega.

Das 9h00 às 17h00 (Casarão do Chá)
Evento: Feira de Artesanato /  Exposição ‘Chaer Geométrico e Orgânico’ [até 20/03]
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Artesanatos, comidas (lanche de pernil, pernil de porco assado no rolete, espetinhos de carne e de frango, comida árabe, galinhada, paella, entre outros) e produtos típicos.
Artista plástico, Mauricio Chaer é conhecido em Mogi das Cruzes pelas curvas, volume e cores de suas peças. Possui ateliê no bairro do Botujuru desde 1979, e tem na cerâmica e escultura sua paixão. Suas obras estão instaladas em diversas localidades como em Mogi das Cruzes, Suzano, Ribeirão Pires, Cuiabá, São Paulo e até no exterior, em cidades como Madri e Lisboa.
Informações: Associação Casarão do Chá

10h00 (Parque Centenário)
Evento: City Tour ‘Mogi para os Mogianos’
Ingressos: R$ 5 (a primeira pessoa) e R$ 2,50 (as demais, até 3 acompanhantes)
Com o objetivo de estimular os mogianos a conhecerem a própria cidade, a Prefeitura de Mogi criou o city tour “Mogi para os Mogianos”. Composto por quatro roteiros – Rural, Religioso, Cultural e Ecoturismo, as saídas são sempre aos domingos, às 10h00, do Parque Centenário, que por si só já merece uma visita.
O City Tour conta com ônibus preparado para receber o turista com todo o conforto e guias devidamente treinados para levar toda a família aos principais pontos turísticos da cidade.
Roteiro: Orquidário Oriental e Mosteiro Beneditino. No Orquidário, é possível contemplar o cultivo e a produção das mais variadas espécies dessa belíssima flor. O roteiro é uma boa opção para quem deseja conhecer o admirável mundo das orquídeas e também um pouco da história do mosteiro, que abriga uma comunidade de monges camaldolenses.
O mosteiro oferece retiros espirituais individuais e para grupos, semanas de formação espiritual, missa cotidiana e no domingo, tempos de oração e meditação. Os visitantes ainda podem comprar mel e velas de produção artesanal.
Reservas: devem ser antecipadas e feitas no Centro de Informações Turísticas, no Parque Centenário
Informações: (11) 4726-9920

Orquidário Oriental
Orquidário Oriental

11h00 (Centro Cultural)
Espetáculo: ‘De Bem com o Planeta’ (Cia. Duo Encantado)
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Histórias da tradição oral de diversos países que falam da importância do cuidado com o planeta. Através das diferentes culturas do mundo, em cada história, tem-se uma lição de amor e de bom convívio com os ritmos e padrões da natureza. O jardim mágico (Cazaquistão); A lagartixa irritada (Bali); Alimentar com carne de língua (conto da tradição árabe); Por que o céu é tão longe (Nigéria).

A partir das 13h00 (Parque Centenário)
Evento: Roda de Samba com a Comunidade Samba Mogi
Festival de Verão
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
A Comunidade Samba Mogi surgiu em 2009 após alguns encontros de amigos para a realização de rodas de samba. Desses encontros cujo objetivo sempre foi resgatar o samba antigo e de raiz, o grupo fundou a Associação Beneficente Comunidade Samba Mogi,  uma associação sem fins lucrativos que ajuda instituições e pessoas carentes com os alimentos arrecadados nas apresentações beneficentes que acontecem todo o segundo sábado de cada mês. O grupo é formado por 12 músicos e alguns colaboradores, e cantam relíquias de compositores como Manaceia, Cartola, Nelson Cavaquinho, Geraldo Filho, dentre outros.

18h00 (Casarão da Mariquinha)
Evento: Samba no Quintal
Ingressos: R$ 10
Recomendação: Não Informada
Com Evandro dos Reis, Vanderlei Oliveira, Juan Silva, Eurico de Souza, Felipe Cravo, Alex Constantino, Claudia Trindade e Guilherme Bandeira.
Informações: facebook.com/AssociacaoCasaraodaMariquinha

Samba no Quintal