Estado anuncia retomada obrigatória às aulas presenciais a partir de 18 de outubro

O Governador João Doria anunciou nesta quarta-feira, 13/10/2021, a retomada obrigatória dos estudantes às aulas presenciais para as redes estadual, municipais e privada vinculadas ao Conselho Estadual de Educação a partir de 18 de outubro. Todos os protocolos sanitários serão mantidos até o final de outubro, assim como o esquema de revezamento planejado por cada escola, de acordo com sua capacidade física.

Tenho certeza que, como eu, pai de três adolescentes, todos aqueles que são mães e pais estão felizes com a possibilidade de seus filhos retomarem as aulas. Para garantir a segurança do retorno às aulas presenciais, todos os protocolos sanitários, como o distanciamento de um metro entre os alunos, uso obrigatório de máscara e álcool em gel, serão mantidos até o final de outubro”, afirmou Doria.

Distanciamento de um metro com revezamento entre os alunos, conforme a capacidade física das escolas, será mantido até o fim do mês

A partir de 3 de novembro, novas mudanças passarão a ser implementadas, como a não obrigatoriedade do distanciamento de um metro e, por consequência, a descontinuidade do revezamento entre os alunos nas aulas presenciais. A medida vai ampliar o acesso e a frequência dos estudantes da educação básica à unidade escolar para 100% dos estudantes presentes simultaneamente.

A imunização de 97% dos profissionais da educação, com esquema vacinal completo, garante maior segurança para a retomada por completo das aulas. Além disso, 90% dos adolescentes de 12 a 17 anos já tomaram a primeira dose da vacina contra a COVID-19.

A educação precisa ser prioridade da sociedade. Fizemos todos os investimentos necessários para o cumprimento dos protocolos e essa volta tem total respaldo do Comitê Científico do Estado”, destacou o Secretário da Educação, Rossieli Soares.

Linha do tempo

Desde o início da pandemia, o Governo de SP e a Seduc-SP vêm se empenhando para promover o avanço na retomada das atividades presenciais nas escolas de forma segura e assertiva.

Em 8 de setembro de 2020, as escolas foram abertas para atividades presenciais e no dia 3 de novembro foram autorizadas aulas regulares para Ensino Médio (EM) e Educação para Jovens e Adultos (EJA).

Em janeiro de 2021, a recuperação aconteceu de forma presencial e facultativa e em 8 de fevereiro ocorreu a abertura das escolas para o ano letivo de 2021.

Em março, durante a fase emergencial do Plano São Paulo, as escolas abriram só para os estudantes mais vulneráveis, de acordo com o CadÚnico. No mês seguinte, em 14 de abril, já na fase vermelha do Plano São Paulo, a presença permitida era de até 35% dos alunos. Em julho também houve recuperação presencial.

No último dia 2 de agosto foi dado início ao segundo semestre letivo presencial e, hoje, anunciado o retorno total dos estudantes, com presença obrigatória em sala de aula, que antecede o último avanço na escalada para a retomada das atividades presenciais na educação – o retorno, sem revezamento, de todos os estudantes.

Exceção à obrigatoriedade

Poderão permanecer em atividade remota os seguintes grupos:

– Jovens pertencentes ao grupo de risco, com mais de 12 anos, que não tenham completado seu ciclo vacinal contra COVID-19;

– Jovens gestantes e puérperas;

– Crianças menores de 12 anos pertencentes ao grupo de risco para COVID-19 para as quais não há vacina contra a doença aprovada no país;

– Jovens com mais de 12 anos com comorbidades e que não tenham completado o ciclo vacinal contra COVID-19;

– Estudantes com condição de saúde de maior fragilidade à COVID-19, mesmo com o ciclo vacinal completo, comprovada com prescrição médica para permanecer em atividades remotas.

O resumo com as informações anunciadas pelo Governo de São Paulo está disponível na página
https://issuu.com/governosp/docs/coletiva_retomada_integral_da_educac_a_o_ba_sica_-_13.

Fonte: Governo do Estado de São Paulo

Alunos da rede municipal farão avaliação online de 11 a 14 de fevereiro

Os alunos do 1º ao 9º ano do ensino fundamental da rede municipal de ensino de Mogi das Cruzes farão, entre os dias 11 e 14 de fevereiro de 2021, a avaliação online APRENDI Diagnóstica. A atividade é uma das ações do início do ano letivo e auxiliará no planejamento das ações que serão desenvolvidas pela Secretaria de Educação e pelas escolas.

A avaliação será aplicada pela plataforma do Simulados, que pode ser acessada na versão web ou pelo aplicativo disponível na Play Store. Foto: Divulgação/PMMC

O objetivo da atividade é mensurar, no contexto de pandemia, as aprendizagens construídas no ensino remoto, bem como levantar dados e informações para o replanejamento de ações. A avaliação será aplicada pela plataforma do Simulados, que pode ser acessada na versão web ou pelo aplicativo disponível na Play Store. Os pais e responsáveis terão acesso a tutorais em PDF e vídeo para auxiliar no acesso à plataforma.

As crianças já fazem uso dessa plataforma, pois o sistema Simulados, além das avaliações online, também oferece atividades nos componentes curriculares de Língua Portuguesa e Matemática com acompanhamento dos professores. Neste período, as escolas se organizarão para dar suporte e atender aos estudantes que não têm acesso a internet ou recursos tecnológicos. Para as turmas de 6º ao 9º ano do Cempre Benedito Ferreira Lopes, na Vila Lavínia, a avaliação foi elaborada pela equipe da unidade escolar.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Etecs e Fatecs divulgam o calendário dos processos seletivos para 2021

O Centro Paula Souza divulga o calendário dos processos seletivos das Escolas Técnicas (Etecs) e Faculdades de Tecnologia (Fatecs) estaduais para o primeiro semestre de 2021. Assim como ocorreu na última edição do Vestibulinho e do Vestibular, o ingresso se dará novamente pela análise do histórico escolar, sem a realização de prova presencial ou online.

A mudança do critério se fez necessária para atender ao distanciamento social, recomendado pelo Governo do Estado de São Paulo e autoridades sanitárias, visando preservar a saúde dos candidatos, e observando as notas atribuídas aos estudantes antes da pandemia.

Seleção será pelo histórico escolar, sem prova presencial ou online; inscrições para isenção e redução das taxas começam nesta quinta (19)

As datas para as inscrições dos dois processos seletivos são diferentes e ambos serão realizados somente pelos canais oficiais: vestibulinhoetec.com.br e vestibularfatec.com.br. Os interessados devem ler atentamente os Manuais do Candidato que estarão disponíveis nos sites, antes de fazer a inscrição.

Confira os calendários do Vestibulinho das Etecs e do Vestibular das Fatecs:

Vestibulinho das Etecs para o primeiro semestre de 2021

De 19 a 23 de novembro – Pedidos de redução da taxa de inscrição e envio da documentação comprobatória até as 15 horas do último dia, por meio digital, via upload, no site vestibulinhoetec.com.br;

De 24 de novembro a 14 de dezembro – Inscrições para processo seletivo até as 15h00 do último dia no site do Vestibulinho;

1º de dezembro – Resultado dos pedidos de redução da taxa de inscrição no site do Vestibulinho;

31 de dezembro – Divulgação da lista preliminar de inscrições deferidas e indeferidas;

4 e 5 de janeiro de 2021 – Período de recurso dos candidatos para regularizarem a situação de indeferimento;

14 de janeiro de 2021 – Divulgação da lista de convocados para a prova de aptidão para os cursos técnicos de Canto, Dança, Regência e Teatro;

15 de janeiro de 2021 – Prova de aptidão dos cursos técnicos de Canto, Dança, Regência e Teatro;

19 de janeiro de 2021 – Divulgação da lista de classificação geral e convocação para envio dos documentos de matrícula;

20 e 21 de janeiro de 2021 – Matrícula dos convocados na 1ª lista;

22 de janeiro de 2021 – Divulgação da lista de classificação dos convocados na 1ª chamada dos cursos técnicos de Canto, Dança, Regência e Teatro, e envio dos documentos de matrícula;

26 e 27 de janeiro de 2021 – Matrícula dos convocados na 1ª chamada dos cursos técnicos de Canto, Dança, Regência e Teatro, e envio de documentação no Portal do Candidato;

29 de janeiro de 2021 – Divulgação da 2ª lista de convocação;

1º e 2 de fevereiro de 2021 – Matrícula da 2ª lista de convocação;

2 de fevereiro de 2021 – Divulgação dos convocados na 2ª chamada dos cursos técnicos de Canto, Dança, Regência e Teatro;

3 e 4 de fevereiro de 2021 – Matrícula dos convocados na 2ª chamada dos cursos técnicos de Canto, Dança, Regência e Teatro, e envio de documentação no Portal do Candidato;

Mais informaçõesvestibulinhoetec.com.br.

Vestibular das Fatecs para o primeiro semestre de 2021

De 19 a 23 de novembro – Pedidos de isenção e redução da taxa de inscrição e envio da documentação comprobatória até as 15 horas do último dia, por meio digital, via upload, no site vestibularfatec.com.br;

De 25 de novembro a 15 de dezembro – Inscrições para processo seletivo até as 15h00 do último dia no site do Vestibular;

1º de dezembro – Resultado dos pedidos de isenção e redução da taxa de inscrição no site do Vestibular;

30 de dezembro – Divulgação da lista preliminar de inscrições deferidas e indeferidas;

4 e 5 de janeiro de 2021 – Período de recurso dos candidatos para regularizarem a situação de indeferimento;

20 de janeiro de 2021 – Divulgação da lista de classificação geral e da 1ª lista de convocação dos candidatos;

21 e 22 de janeiro de 2021 – Envio de documentos para matrícula;

28 e 29 janeiro de 2021 – Matrícula dos convocados na 1ª lista;

1º de fevereiro de 2021 – Divulgação da 2ª lista de convocação;

2 de fevereiro de 2021 – Matrícula dos convocados na 2ª lista;

Mais informaçõesvestibularfatec.com.br.

Alunos da Fatec Mogi das Cruzes são campeões da InterFatecs

A Faculdade de Tecnologia do Estado (Fatec) Mogi das Cruzes, localizada no Alto Tietê, foi a vencedora da nona Maratona de Programação InterFatecs, realizada pela primeira vez em ambiente virtual, no último sábado, 07/11/2020, pela Fatec Guaratinguetá. Esta edição contou com a participação de cerca de 800 estudantes e 200 professores de 42 unidades.

Divididos em 212 equipes, os participantes foram desafiados a solucionar problemas utilizando linguagens de programação (C, C++, Java ou Python). Formada pelos alunos Marco de Sá Junior, Thiago da Silva, Yehoshua Silva, e pelo professor Leandro Luque, a equipe Saudações à Mandioca ficou com o primeiro lugar.

A partir da esquerda, os estudantes Marco, Thiago, Yehoshua e o professor Leandro, da equipe vencedora da maratona. Foto: Divulgação

A equipe No Main No Gain, da Fatec Sorocaba, composta pelos estudantes Davi de Paula, Fernando Pereira, Julio Almeida, e professor Antonio Munari, foi a segunda colocada. Em terceiro ficou a Hadouken Team, da Fatec São José dos Campos, formada por Gabriel Giraud, Marcos Toledo e Nicolas Fujisawa, com o professor Fabiano Sabha – confira aqui a classificação completa da competição.

Também participam desta edição equipes das Fatecs localizadas nos seguintes municípios: Americana, Araçatuba, Araras, Bauru, Botucatu, Bragança Paulista, Campinas, Capital (Fatec Ipiranga, São Paulo, Zona Leste e Zona Sul), Carapicuíba, Catanduva, Cruzeiro, Ferraz de Vasconcelos, Franca, Franco da Rocha, Garça, Guaratinguetá, Guarulhos, Itapetininga, Itu, Jales, Jaú, Jundiaí, Mococa, Mogi Mirim, Ourinhos, Praia Grande, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santana de Parnaíba, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, São José do Rio Preto, São Sebastião, Taquaritinga, Tatuí e Taubaté.

A InterFatecs contou com apoio da Certho, Fatecoins, Fundação de Apoio à Tecnologia (FAT), IBM e TreinaWeb.

Fonte: Governo do Estado de São Paulo

Coronavírus: Câmara Municipal é contra volta às aulas presenciais

A Câmara Municipal de Mogi das Cruzes, na sessão ordinária desta terça-feira, 04/08/2020, aprovou a Moção 32/2020, apresentada pelo vereador Iduigues Martins, que fez um apelo à Prefeitura Municipal para que não retorne as aulas durante a pandemia. No documento apresentado ao Plenário, Iduigues pediu que a Secretaria Municipal de Educação intensifique a disponibilização de meios tecnológicos para que as aulas possam ser feitas de forma remota para os alunos.

O parlamentar ainda citou uma consulta pública, realizada pela Prefeitura, que colheu a opinião dos cidadãos sobre a volta às aulas no segundo semestre no ano. Na pesquisa, 89% das pessoas disseram não concordar com a volta às aulas no momento e 89% responderam que não levariam seus filhos caso as aulas retornem. “A sociedade está se manifestando contra o retorno das aulas nesse ano e este vereador é contra também”, ressaltou Iduigues.

Câmara Municipal de Mogi das Cruzes

O vereador Mauro Araújo votou favorável à Moção de Iduigues, mas pontuou que é necessário debater mais sobre o assunto. “Uma discussão simplista sobre o tema é muito ruim porque não demonstra a realidade da sociedade hoje. Não dá para as crianças simplesmente perderem o ano. Não é uma decisão simples. E as mães que precisam deixar as crianças na creche para trabalhar?”, questionou o vereador Mauro Araújo.

Mauro Araújo ainda fez um Requerimento verbal para que a Câmara convide a secretária municipal de Educação, Juliana Guedes, para falar sobre o tema com os vereadores, no Plenário. Em seguida, o vereador Protássio Nogueira, também fez um Requerimento pedindo que o convite seja estendido à dirigente regional de Ensino, representando o Estado de São Paulo. Ambos os pedidos foram aprovados pelos vereadores.

O vereador Otto Rezende também se manifestou sobre o tema: “Quero parabenizar o vereador Iduigues, que pensando em Educação e Saúde, tem toda razão. Não podemos voltar às aulas porque estamos em pandemia e todas as vidas são importantes”, ressaltou.

Os vereadores Jean Lopes, Cuco Pereira, pastor Carlos Evaristo e Rodrigo Valverde também fizeram o uso da palavra para declarar apoio à Moção aprovada.

Fonte: Câmara Municipal de Mogi das Cruzes