Crescer abre inscrições para mais de 6,1 mil vagas nesta quinta, 23/08/2018

O Crescer – Centro Municipal de Apoio à Educação de Jovens e Adultos, da Secretaria Municipal de Educação de Mogi das Cruzes, está com inscrições abertas para o preenchimento de 6.150 vagas em cursos de qualificação profissional oferecidas nas seis unidades do programa, localizadas na Vila Natal, Braz Cubas, Vila Brasileira, Centro, Jundiapeba e Cezar de Souza. Os mogianos podem se inscrever de forma presencial, diretamente na unidade onde desejam fazer o curso ou pelo site da Prefeitura (links abaixo), nesta quinta, 23/08/2018, e sexta-feira, 24, das 8h00 às 18h00 e no sábado, 25, das 8h00 às 12h00.

Lista de primeira chamada:
Braz Cubas \ Centro \ César de Sousa
Jundiapeba \ Vila Brasileira \ Vila Natal

Os convocados deverão comparecer de 4 a 6 de setembro ou na primeira aulas do curso para o qual foi sorteado com a documentação necessária.

Inscreva-se nos links abaixo: (inscrições encerradas)
Braz Cubas \ Centro \ César de Sousa \ Jundiapeba \ Vila Brasileira \ Vila Natal

Cursos e vagas:
Braz Cubas \ Centro \ César de Sousa \ Jundiapeba \ Vila Brasileira \ Vila Natal

O maior número de vagas disponíveis está na unidade de Braz Cubas com 1.855 vagas. O Crescer Vila Natal oferece 1.485 oportunidades. Na Vila Brasileira são 870 vagas e no Centro, 700. As unidades de Cezar e Jundiapeba oferecem o mesmo número de vagas, 620. Estão disponíveis cursos de confecção de embalagem de Natal, confecção de peças natalinas em feltro, culinária natalina, panetones e colombas, decoração fácil para o Natal, além de crochê e biscuit sobre o tema. Sucessos nos minicursos, os cursos de comida árabe e gastronomia e harmonização de vinhos também fazem parte da programação deste módulo.

Caso o número de inscrições seja superior ao de vagas, será realizado sorteio nas unidades no dia 28 de agosto a partir das 9h00. A primeira chamada será divulgada no dia 3 de setembro a partir das 14h00 no site da Prefeitura e nas unidades do Crescer. O inscrito deverá ter a idade mínima exigida para o curso.

As matrículas poderão ser feitas de 4 a 6 de setembro ou na primeira aula do curso selecionado nas unidades CRESCER. Para fazer a matrícula, é preciso apresentar RG, comprovante escolaridade, se for necessário e comprovante de endereço, que pode ser no próprio nome (moradores de Mogi das Cruzes), comprovante de aluguel ou em nome do conjugue ou dos pais.

Centro
Rua Ipiranga, 579
Tel.: 4727-4971

Braz Cubas
Rua Capitão Francisco de Almeida, 47
Tel.: 4798-5729

Vila Natal
Rua dos Vicentinos, 1216
Tel.: 4725-1985

Vila Brasileira
Rua João Gualberto Mafra Machado, 221
Tel.: 4721-2423

César de Souza
Rua Rômulo Pasqualini, 304
Tel.: 4699-1294

Jundiapeba
Av. Lourenço de Souza Franco, 1479
Tel.: 4725-3876

Anúncios

Assinatura de convênios garante ao Fundo Social a oferta de dois novos cursos profissionalizantes

O prefeito de Mogi das Cruzes, Marcus Melo, e a presidente do Fundo Social de Solidariedade, Karin Melo, estiveram no Palácio dos Bandeirantes na tarde desta segunda-feira, 11/06/2018, para a assinatura de dois convênios que vão garantir a implantação na cidade de dois novos projetos de qualificação profissional, garantidos a partir da parceria com o Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo (FUSSESP): “Natal Espetacular” e “Costurando o Futuro”

A solenidade, que foi comandada pela presidente do FUSSESP, Lúcia França, teve por objetivo disseminar a realização de projetos destinados à qualificação profissional de pessoas em situação de vulnerabilidade social, a fim de proporcionar oportunidades de geração de emprego e renda.

O FUSSESP vai disponibilizar a capacitação dos monitores que ficarão responsáveis pelas turmas e destinar recursos, que deverão ser utilizados para a aquisição de insumos e concessão de bolsa-auxílio e auxílio-deslocamento a todos os participantes. As duas ações terão início em caráter imediato e devem estar finalizadas até o final deste ano.

O projeto “Natal Espetacular” tem por objetivo qualificar cinco pessoas em situação de vulnerabilidade social em técnicas de artesanato e reciclagem, para confeccionarem enfeites natalinos a partir de garrafas pet. As garrafas pet devem ser arrecadadas por meio de gincanas escolares, a serem promovidas pelo Fundo Social de Mogi.

Os novos projetos têm por objetivo capacitar pessoas em situação de vulnerabilidade social para confeccionarem enfeites de Natal e uniformes escolares. Foto: Junior Lago/PMMC

Segundo o cronograma, as gincanas devem ter início ainda em junho e a capacitação dos participantes e produção de enfeites deve se estender até novembro. Já o acender das luzes está previsto para acontecer entre os dias 1 e 2 de dezembro. O valor total destinado pelo FUSSESP para este projeto é de R$ 17.848,00.

Já o projeto “Costurando o Futuro” tem por objetivo capacitar 20 alunos em técnicas de corte e costura industrial, mais serigrafia (estamparia), para confeccionarem parte dos uniformes escolares utilizados nas creches municipais. A ideia é que sejam produzidos 500 kits, contendo um agasalho, uma calça, uma bermuda e duas camisetas de manga curta cada um.

Para este curso, o município deverá adquirir três máquinas de costura, nos modelos galoneira, overloque e costura reta. O FUSSESP vai disponibilizar a capacitação dos monitores e repasse financeiro no valor total de R$ 74.422,00 para a aquisição de maquinário, insumos e aviamentos, além de bolsa-auxílio e auxílio-deslocamento para os participantes.

O curso terá dois meses de duração, com carga horária total de 160 horas. Segundo o cronograma, os kits devem ser entregues às crianças em novembro de 2018 e passarão a ser utilizados em janeiro de 2019.

A presidente do Fundo Social de Solidariedade de Mogi das Cruzes, Karin Melo, falou sobre o importante acréscimo que esses projetos trarão ao rol de cursos já oferecidos. “Nossa meta é ampliar cada vez mais o número de cursos profissionalizantes oferecidos à população e neste ano já estamos trabalhando fortemente nessa política de formar mais turmas e alunos. É, portanto, uma grande alegria poder contar com mais essa parceria do Fundo Social do Estado, para diversificar e atender ainda mais pessoas com ações de qualificação”, frisou, lembrando que nesta quinta-feira acontecerá, a partir das 10h00, a cerimônia de formatura de 327 alunos que concluíram cursos do Fundo Social.

O prefeito, Marcus Melo, também enalteceu a iniciativa. “A qualificação profissional segue sendo uma das premissas para termos um mercado de trabalho cada vez mais forte e competitivo e, nesse tipo de ação, ainda conseguimos aliar isso a um incentivo à geração de renda e, consequentemente, à melhoria na qualidade de vida dos cidadãos mogianos. Por isso, parcerias assim são fundamentais para o município“.

A cerimônia como um todo contou com a assinatura de 246 convênios, beneficiando dezenas de municípios paulistas.

Ficamos extremamente agradecidos por estarem conosco hoje. O Natal Espetacular é um projeto que, além da qualificação de mão-de-obra, tem como prioridade a conscientização e a educação dos jovens para o meio ambiente. Já o Costurando para o Futuro tem como objetivo principal ajudar os municípios, que vão conseguir economizar a partir da produção independente de uniformes escolares”, destacou a primeira-dama do Estado, Lúcia França.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

EDP abre inscrições para primeira Escola de Eletricistas exclusiva para mulheres

A EDP, empresa que atua em todos os segmentos do setor elétrico no País, vai lançar o primeiro curso de formação de eletricistas exclusivo para mulheres. As aulas serão realizadas na área de concessão da Companhia, em Mogi das Cruzes, São Paulo, e as interessadas poderão se inscrever entre os dias 25 de abril e 30 de maio de 2018, por meio do site soulan.com.br/eletricistas-edp.

A iniciativa faz parte do compromisso do Grupo com o desenvolvimento de ações para promover a igualdade de oportunidades entre gêneros. Em 2017, a EDP endossou os Princípios de Empoderamento das Mulheres, criados pela ONU, e aderiu ao esforço global em prol dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), que colocam a Igualdade de Gênero como uma das grandes metas globais a serem atingidas até 2020.

O projeto, pioneiro, vai ao encontro das diretrizes de cultura da EDP, que valorizam a diversidade em todas as suas dimensões. Fomentar a inclusão de mulheres em um setor conhecido como masculino possibilita a multiplicação de possibilidades de forma mais igualitária e justa”, afirma Fernanda Pires, diretora de recursos humanos da Empresa.

O projeto é fruto de uma parceria da Companhia com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI). Com carga horária de 556 horas, cerca de quatro meses de duração, o programa é gratuito e tem como foco a qualificação e capacitação como eletricista de redes de distribuição. As estudantes receberão bolsa-auxílio durante o período do curso, ganharão um certificado chancelado pelo SENAI e permanecerão no banco de talentos da EDP, podendo participar futuramente de processos seletivos para vagas efetivas.

O curso terá aulas teóricas e práticas a respeito dos princípios e leis que regem o funcionamento de sistemas elétricos. O intuito é que as participantes aprendam sobre os procedimentos e técnicas necessárias para planejamento, execução, avaliação e inspeção das redes, bem como sobre manutenções preventivas e corretivas, dentro das normas técnicas e de segurança.

Inscrições:

A Escola de Eletricistas será ministrada na sede da EDP em Mogi das Cruzes de julho a outubro. Há 16 vagas disponíveis. Os requisitos para cursar a qualificação são os seguintes:

– Formação: Ensino Médio completo;
– Residir na região do Alto do Tietê ou proximidade;
– Ter, no mínimo, 18 anos de idade;
– Disponibilidade de horário para estudo em período integral durante 70 dias;
– Preferencialmente possuir CNH “B”.

A inscrição deve ser realizada pelo site soulan.com.br/eletricistas-edp, até 30 de maio de 2018. O processo de seleção inclui prova teórica e prática, avaliação psicossocial e entrevista.

Vale ressaltar que a EDP oferece às estudantes bolsa-auxílio, material didático, uniformes e Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), almoço e certificação com chancela do SENAI.

Crescer abrirá inscrições para mais de 5,8 mil vagas a partir de quinta, 10/05/2018

O Crescer – Centro Municipal de Apoio à Educação de Jovens e Adultos, da Secretaria Municipal de Educação de Mogi das Cruzes, abrirá nos dias 10, 11 e 12/05/2018 inscrições para 5.845 vagas em 104 cursos gratuitos diferentes nas áreas de gestão, estética, culinária, artesanato, entre outros. As inscrições poderão ser feitas pelo site da Prefeitura de Mogi das Cruzes na quinta e sexta-feira, 10 e 11/05, das 8h00 às 18h00 e no sábado, 12/05, das 8h00 às 12h00.

Ao todo serão oferecidas 5.845 vagas nas seis unidades do programa. Estão disponíveis 1.800 vagas na unidade Braz Cubas, 1.435 na Vila Natal, 790 na Vila Brasileira, 700 no Centro, 560 em Cezar de Souza e 560 em Jundiapeba. Em 2018, já foram oferecidas 6.495 vagas, sendo 5.795 no primeiro módulo e 700 em seis minicursos.

Lista de segunda chamada:
Braz Cubas \ Centro \ César de Sousa
Jundiapeba \ Vila Brasileira \ Vila Natal

Lista de primeira chamada:
Braz Cubas \ Centro \ César de Sousa \ Jundiapeba \ Vila Brasileira \ Vila Natal

Inscreva-se nos links abaixo: (inscrições encerradas)
Braz Cubas \ Centro \ César de Sousa \ Jundiapeba \ Vila Brasileira \ Vila Natal

Relação completa de vagas:
Braz Cubas \ Centro \ César de Sousa \ Jundiapeba \ Vila Brasileira \ Vila Natal

As novidades para este bloco de cursos são gastronomia e harmonização de vinhos, artesanato com material reciclável, alimentação infantil saudável e jardinagem. “Sempre procuramos atender as demandas apresentadas pelos nossos alunos e as tendências do mercado. O Crescer é um diferencial na formação dos mogianos que buscam uma oportunidade de mudar sua carreira ou mesmo ingressar no mercado de trabalho”, destacou a secretária de Educação, Juliana Guedes.

Caso o número de inscrições seja superior ao de vagas, será realizado sorteio nas unidades no dia 15 de maio a partir das 9h00. A primeira chamada será divulgada no dia 18 de maio a partir das 14h00 no site da Prefeitura e nas unidades do Crescer. O inscrito deverá ter a idade mínima exigida para o curso. O Crescer oferece cursos para mogianos a partir dos 11 anos.

A efetivação das matrículas poderá ser feita de 21 a 23 de maio e na primeira aula do curso. É preciso apresentar RG, comprovante de endereço e comprovante de escolaridade, caso seja exigido pelo curso. As aulas terão início a partir do dia 24 de maio. O Crescer une educação e qualificação profissional básica com a oferta de cursos gratuitos e função qualificadora das turmas de EJA – Educação para Jovens e Adultos.

Centro
Rua Ipiranga, 579
Tel.: 4727-4971

Braz Cubas
Rua Capitão Francisco de Almeida, 47
Tel.: 4798-5729

Vila Natal
Rua dos Vicentinos, 1216
Tel.: 4725-1985

Vila Brasileira
Rua João Gualberto Mafra Machado, 221
Tel.: 4721-2423

César de Souza
Rua Rômulo Pasqualini, 304
Tel.: 4699-1294

Jundiapeba
Av. Lourenço de Souza Franco, 1479
Tel.: 4725-3876

Mogilínguas abre inscrições de cursos on-line em três idiomas

Mogianos a partir dos 16 anos já podem se inscrever no projeto Mogilínguas, uma parceria entre a Prefeitura de Mogi das Cruzes, por meio da Secretaria de Educação e a empresa belga Altissia International. As inscrições foram abertas na manhã desta terça-feira, 20/02/2018, durante evento no Auditório do Cemforpe, que reuniu mais de 700 pessoas. O público conheceu a plataforma on-line que oferecerá os cursos de inglês, espanhol e francês gratuitamente. Serão atendidos 300 mil mogianos.

O prefeito Marcus Melo, acompanhado pela presidente do Fundo Social de Solidariedade, Karin Melo, destacou a importância da capacitação dos jovens. “Nós temos total interesse em levar conhecimento a esses jovens e para os adultos também e prepará-los para as novas oportunidades que estão surgindo. Mogi é uma cidade que está se prepalinerando cada vez mais para estar pronta para os desafios do futuro e ficar no radar do Brasil e do mundo para novos investimentos”, disse.

A plataforma foi apresentada pela gerente de projetos da Altissia, Sheila Kiss, que esteve acompanhada pelo CEO da empresa, Nicolas Louis Boël. possível aprender os três idiomas ao mesmo tempo. “O Mogilínguas possibilita mais que a aprendizagem de um idioma, mas também aprender uma cultura”, disse a gerente de projetos. O mogiano fará sua inscrição no site mogilinguas.com.br e cadastrará uma senha. A orientação é de que o primeiro acesso seja feito pelo computador. É possível aprender os três idiomas ao mesmo tempo.

A plataforma on-line em que serão feitos os cursos gratuitos de inglês, espanhol e francês. Foto: Divulgação

De acordo com o nível de aprendizagem de cada estudante será traçado um percurso personalizado de aprendizado na plataforma on-line. Os módulos disponibilizados atendem às necessidades dos iniciantes, intermediários e aqueles de nível avançado. “É um projeto que assiste de forma indistinta toda a população mogiana a partir dos 16 anos. É resultado da credibilidade e da capacidade de inovação da Administração Municipal”, disse o vice-prefeito Juliano Abe.

Melo destacou que o projeto atende dois segmentos econômicos que estão em pleno desenvolvimento da cidade, o turismo e a tecnologia. “Estamos trabalhando dois eixos de desenvolvimento importantes, o turismo e a tecnologia, por meio do Polo Digital de Mogi das Cruzes. É a cidade oferecendo novas oportunidades de emprego e empreendedorismo para os mogianos. O Mogilínguas oferece a oportunidade para a cidade continuar crescendo e evoluindo.”, disse Melo.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes