⚡️Curtas (06/10/2017)

– Feira gastronômica “Sabores do Alto Tietê” acontece neste sábado, 07/10/2017

O público do Alto Tietê tem uma atração diferente para conferir neste sábado, 07/10/2017. Das 10h00 às 17h00, será realizado no Largo do Rosário, em Mogi das Cruzes, o “Sabores do Alto Tietê”, um evento com boa comida e uma programação cultural eclética, com música, dança e show de palhaços.

A iniciativa é do Conselho do Fundo Social de Solidariedade do Condemat – Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê e conta com a participação de 11 cidades – Arujá, Biritiba Mirim, Ferraz de Vasconcelos, Guararema, Guarulhos, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Poá, Salesópolis, Santa Isabel e Suzano.

Com o objetivo de estimular a solidariedade, divulgar as ações e arrecadar recursos para os projetos, os Fundos Sociais irão comercializar comidas diversificadas e com preços acessíveis. No cardápio tem fritas (em diferentes versões), esfiha, fogazza, doces, baião de dois, tapioca, churros, nhoque, pastel, pizza, pães, queijos e mel.

A proposta desse cardápio é mostrar um pouco do que é tradição nas festas que acontecem na cidade”, ressalta Vanessa Noronha Leite, coordenadora do Conselho do Fundo Social do Condemat.

A presidente do Fundo Social de Solidariedade de Mogi das Cruzes, Karin Melo, também fala sobre a importância da atividade. “O trabalho junto ao Condemat tem sido muito gratificante, pois podemos trocar experiências, debater ideias e projetos juntos. Espero que todos compareçam, prestigiem e aproveitem as opções gastronômicas ali oferecidas, ao mesmo tempo em que estarão contribuindo para uma causa nobre“, enfatiza.

A programação cultural começa logo na abertura do evento e se estende até o final da tarde com apresentações de taikô (Grupo Kouran Daiko – Suzano Bunkyo); zumba (Guararema); show com os palhaços Paçoca e Paçoquita (Suzano); moda de viola com Shirley Luzia & Prata Fina (Salesópolis) ; dança folclórica com Catiteiros de Salesópolis; MPB e sertanejo com o cantor Eduardo Henrique (Mogi das Cruzes) e, fechando a programação, a cantora Leandra Oliveira (Arujá) com música sertaneja.

O palco está montado na parte central do Largo do Rosário e as barracas de comida nas duas laterais. O local foi escolhido em virtude da grande circulação de pessoas, em especial aos sábados.

– Prefeitura amplia número de câmeras com imagens disponíveis pela internet

A Prefeitura de Mogi das Cruzes ampliou o número de câmeras de monitoramento que têm suas imagens disponibilizadas, em tempo real, na página da administração municipal na internet. Com a inclusão, as imagens de 30 equipamentos instalados em ruas, avenidas e praças da cidade podem ser consultados.

O projeto faz parte das ações da Prefeitura para a utilização de ferramentas tecnológicas para facilitar o dia a dia da população. O serviço ‘Câmeras Ao Vivo’ pode ser acessado pelo endereço eletrônico mogidascruzes.sp.gov.br/camera-ao-vivo. As imagens serão atualizadas a cada 5 segundos e o internauta pode verificar, em tempo real, a movimentação das regiões atendidas, as condições do trânsito, entre outras informações.

Imagens de 30 câmeras de monitoramento estão disponíveis na página da Prefeitura de Mogi das Cruzes na internet, com atualização a cada 5 segundos

Os novos equipamentos disponibilizados ficam no Centro (rua Coronel Cardoso de Siqueira x Largo Prefeito Francisco Ribeiro Nogueira e Rua Professor Flaviano de Melo X Praça Otaviano Augusto Malta Moreira – Totó), Cezar de Souza (Avenida João XXIII X Avenida Nilo Marcatto e Avenida Ricieri José Marcatto X Rua Maria do Nascimento Boz Vidal), Jundiapeba (Avenida Pres. Altino Arantes X Rua Pedro Paulo dos Santos e Avenida Áurea Martins dos Anjos X Alameda Santo Ângelo) e em Braz Cubas (Avenida Edith Inácia da Silva X Rua Shiguetoshi Suzuki).

No lançamento do projeto, em julho, já haviam sido disponibilizadas as imagens de 23 câmeras com tecnologia compatível para o envio automático para a internet. Estes equipamentos ficam nos bairros Jundiapeba, Jardim Universo, Centro, Centro Cívico, Cezar de Souza, Braz Cubas, Alto do Ipiranga, Vila Natal, Nova Mogilar, Ponte Grande, Vila Oliveira e Chácara Jafet.

Mogi das Cruzes possui atualmente cerca de 300 câmeras de monitoramento, entre equipamentos localizados em espaços públicos e em prédios municipais. O sistema é monitorado pela Central Integrada de Emergências Públicas (Ciemp).

– Novo PAC Central inicia atendimento na segunda-feira, 09/10

A Prefeitura de Mogi das Cruzes entregará, na próxima segunda-feira, 09/10/2017, às 9h00, as obras de reforma e modernização da unidade central do Pronto Atendimento ao Cidadão (PAC). O setor, que desde julho funciona provisoriamente no saguão do Paço Municipal, encerrou suas atividades às 12h00 desta sexta-feira, 06/10, para transferência de móveis e equipamentos para as novas instalações. O serviço ao público será retomado na segunda, a partir do meio-dia.

O investimento na melhoria do serviço foi de R$ 317 mil. A unidade central do PAC passará a funcionar em área fechada com vidros e terá ar-condicionado. Foram construídas três salas para o Procon, duas delas para audiências de conciliação, salas para coordenação do PAC, de atendimento e de convivência.

O PAC Central funciona no térreo do Prédio 1 da Prefeitura

O piso elevado foi substituído e há rampas e piso podotátil para garantir a acessibilidade. As instalações elétricas, hidráulicas, de lógica e telefonia foram trocadas.

Esta será a última etapa do processo de modernização do prédio da Prefeitura, que ganhou novo visual e melhorias estruturais nos últimos dois anos. O prédio foi construído na década de 80 e, desde então, não havia recebido atualizações.

Com investimento de R$ 7,4 milhões, a reforma garantiu acessibilidade, elevadores, novo sistema elétrico e de informática, trazendo mais conforto para cidadãos e servidores.

Anúncios

Casarão do Carmo será reinaugurado nesta quinta-feira, 28/09/2017

A Prefeitura de Mogi das Cruzes fará, às 11h00 desta quinta-feira, 28/09/2017, a solenidade de reinauguração do Casarão do Carmo. O prédio, que faz parte do patrimônio histórico, cultural e arquitetônico da cidade, passou por obras de reforma e conservação, com o objetivo de seguir em boas condições, para receber o público e as atividades de rotina.

Com investimento de R$ 115.703,80, as obras compreenderam revisão e manutenção geral do prédio, mais restauro de algumas estruturas, em respeito às suas características originais. Os trabalhos tiveram início em janeiro, foram executados pela empresa Topus Terra e acompanhados pelas Secretarias Municipais de Cultura e Obras.

Entre os serviços, foram feitos revisão e melhoria no telhado, para a retirada de vazamentos e infiltrações, revisão de calhas, rufos e condutores, revisão e reforma nas portas e janelas, tratamento e recomposição de forros, recomposição de rodapés, pintura geral e revisão nas instalações elétricas e hidráulicas. A obra também compreendeu a recuperação de algumas características originais do prédio, que acabaram modificadas com o passar dos anos, como o piso e a pintura das paredes externas.

No caso do piso, ele recebeu revestimento com cera de carnaúba, em substituição a cera sintética anteriormente aplicada, tendo em vista que o material é o mais adequado para assoalho de madeira. Também foi feita a troca, conforme identificada a necessidade, de tábuas e barrotes de madeira.

O Casarão do Carmo seguirá abrigando o Museu Visconde de Mauá – o antigo Museu Mogiano, que guarda em seu acervo parte significativa da história do município, com destaque para a bandeira deixada por D. Pedro I em sua passagem por Mogi das Cruzes, logo após a Proclamação da Independência do Brasil.

A novidade é que Coordenadoria Municipal de Turismo, até então alocada na Ilha Marabá, passará a atender no Casarão do Carmo. O objetivo da transferência é gerar uma maior aproximação entre a equipe do Turismo e a população, tendo em vista a localização mais central e acessível do prédio.

Já os programas permanentes que costumavam ocorrer no Casarão do Carmo, como as reuniões do Terças Literárias e a Roda de Choro do Seu Julinho, continuarão acontecendo no prédio-sede da Banda Santa Cecília, que também foi reformado pela Prefeitura de Mogi. Isso porque o Espaço do Meio Clarice Jorge agora servirá como mais uma sala de exposição do acervo do Museu Visconde de Mauá.

As salas do anexo construído nos fundos do Casarão continuarão a disposição para reuniões, encontros, fóruns, palestras e quaisquer outras atividades.

O Casarão do Carmo é uma obra do século XIX, em estilo colonial, feito em taipa de mão e taipa de pilão. O prédio é tombado pelo Comphap (Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Artístico, Cultural e Paisagístico) desde 2012. Foi erguido originalmente para servir de residência à importante família Bourroul.

A partir dos anos 30, passou a abrigar atividades culturais e comerciais, até que, na década de 80 foi desapropriado pela Prefeitura de Mogi das Cruzes. Desde então, tornou-se um espaço para atividades culturais de diversos segmentos. O prédio possui área construída (e tombada) de 381,18 m². Os anexos somam 192,72 m². Já o terreno tem área total de 798,20 m².

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Desfile Cívico-Militar e 1º Mogi FestConfaban irão comemorar os 457 anos de Mogi

A programação pelos 457 anos de Mogi das Cruzes contará com o Desfile Cívico-Militar, no dia 01/09/2017 às 9h00 na Avenida Cívica, e o 1º Mogi FestConfaban – Festival Interno de Bandas e Fanfarras de Mogi das Cruzes e Concurso Aberto de Fanfarras e Bandas, no dia 02/09, a partir das 9h00, no mesmo local. Os eventos, organizados pela Secretaria Municipal de Educação, estão na fase final de preparativos com apoio de instituições da cidade.

Confira a programação completa do aniversário de Mogi

A parte Militar dará início ao desfile em homenagem aos 457 anos de Mogi das Cruzes. Na sequência, escolas, universidades e instituições da cidade apresentarão na Avenida Cívica, as ações e os projetos de inovação realizados na cidade. “O objetivo é mostrar que Mogi das Cruzes é uma cidade conectada com o futuro. Vamos apresentar uma cidade que busca inovar e informatizar os serviços, melhorando a qualidade de vida dos cidadãos”, disse a secretária municipal de Educação, Juliana Guedes.

1º Mogi FestConfaban será uma das atrações da programação de aniversário da cidade. Foto: Ney Sarmento/ PMMC

Um dos destaques do desfile será a apresentação de um pelotão formado por mais de 200 alunos do Projeto Pequenos Músicos… Primeiros Acordes na Escola, que farão companhia às bandas e fanfarras da cidade, que também marcam presença no evento. Os pelotões abordarão os primeiros passos na tecnologia, inovações para melhorar a qualidade de vida, tecnologia educacional e ainda a inovação compartilhada, tema do Polo Digital de Mogi das Cruzes.

Festival e Concurso de Bandas e Fanfarras

No sábado, 02/09, das 9h00 às 20h00 na Avenida Cívica, será a vez do resgate da tradição de Bandas e Fanfarras de Mogi das Cruzes com a realização do 1º Mogi FestConfaban – Festival Interno de Bandas e Fanfarras de Mogi das Cruzes e Concurso Aberto de Fanfarras e Bandas, organizado em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura e a Associação dos Regentes de Fanfarras e Bandas de Mogi das Cruzes.

O evento tem a finalidade de estimular o gosto pela música; incentivar a organização de Fanfarras e Bandas; promover o congraçamento de escolas e estudantes por meio da apresentação, competição sadia; possibilitar o aprimoramento da música dança e técnicas artísticas. O festival para as corporações de Mogi das Cruzes terá início às 9h00 e o concurso com grupos de outras cidades será às 13h30. Não há divisão de idade para o concurso, que terá três categorias: Fanfarra simples, Banda Marcial e Fanfarra com 1 Pisto.

O Congresso técnico do evento será realizado nesta sexta-feira, 25/08, às 18h30, na sede da SME – Secretaria Municipal de Educação, que definirá a ordem das apresentações. Todas das corporações participantes receberão um Troféu de Participação. Serão premiados os três primeiros colocados das categorias: corpo musical, corpo coreográfico, baliza, Mor e Regência. Receberá o “Troféu de Campeão Geral” a Corporação que obtiver a maior pontuação. A educação musical em Mogi é referência, com projetos como a Orquestra Sinfônica de Mogi das Cruzes, o Canarinhos do Itapety, o Pequenos Músicos e o Pra ver a banda passar.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

⚡️Curtas (01/08/2017)

– Obras interrompem abastecimento de água em 6 bairros a partir de quarta, 02/08

A partir das 6h00 de quarta-feira, 02/08/2017, a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) fará uma série de obras em sua adutora de água bruta, Estação de Tratamento de Água e adutora de distribuição do Sistema Rio Claro, que abastece alguns bairros de Mogi das Cruzes. Haverá interrupção do fornecimento de água até a madrugada de sábado, 05/08, para cerca de 1.600 ligações, o que dá aproximadamente 6.400 pessoas. Os locais afetados serão Chácara das Flores, Chácara Santa Lúcia, Jardim Fukamizu, Quatinga, São Sebastião e Taiaçupeba.

A previsão é de que a normalização do abastecimento ocorra até a noite de sábado, 05/08. Foto: PMMC

Nesses bairros, o atendimento é feito pelo Serviço Municipal de Águas e Esgotos (Semae), com água adquirida da Sabesp. A previsão é de que a normalização do abastecimento ocorra até a noite de sábado, 05.

A autarquia recomenda aos moradores que utilizem água de forma racional, reduzindo o tempo de banho, evitando lavar carros e quintais e combatendo o desperdício ao executar as tarefas domésticas indispensáveis como a lavagem de louças e roupas.

– Casarão do Chá promove o 4º Festival de Cerâmica

Neste domingo, 06/08, das 9h00 às 17h00, o Casarão do Chá, no Cocuera, promove a quarta edição do Festival de Cerâmica. O evento vai reunir mais de 40 ceramistas, que estarão expondo e comercializando mais de 2 mil peças. O festival também contará com atrações demonstrativas e workshops, além de algumas novidades.

Uma das novidades é a oficina de Raku, que consiste em fazer a pintura de uma peça semiqueimada, que irá ao forno durante o evento. A abertura da queima, em que as peças são retiradas incandescentes do forno, acontecerá a partir das 14h00. Os participantes poderão levar as peças queimadas para casa. Os interessados para esta, bem como qualquer outra oficina, devem se inscrever assim que chegarem ao evento.

Outra novidade do festival deste ano será a presença de artesãos de diferentes ramos da tradicional Feira de Artes da praça Benedito Calixto, que acontece aos sábados no bairro de Pinheiros, em São Paulo. Existente desde 1987, a feira é hoje um ponto de referência intelectual, cultural e já faz parte do calendário turístico e de lazer da capital paulista. Os expositores estarão presentes no festival, mostrando e comercializando trabalhos manuais diferenciados.

A expectativa de público, com base nas três edições já realizadas anteriormente, é de 2 mil pessoas. Nesta edição, participarão ceramistas renomados, como Kenjiro Ikoma, Iweth Kusano, Porcelana Kojima, Acácia Azevedo, Cristina Rocha e Akinori Nakatani, além de jovens artistas com designs diferenciados e iniciantes criativos, o que reforça a característica do festival, de troca de experiências e incentivo à formação de novos ceramistas.

Como sempre, o Festival de Cerâmica será acompanhado pela Feira de Cultura e Lazer, que é realizada todos os domingos no Casarão do Chá. Assim, o turista e visitante contará também com diversas barracas de alimentação, oferecendo comidas artesanais preparadas na hora. O chá preto, produto que originou a construção da fábrica, também poderá ser apreciado.

A entrada é gratuita. Mais informações podem ser obtidas junto à Associação Casarão do Chá, no telefone 4792-2164 ou 9 7222-7543 (Whatsapp). Também há uma página no Facebook, com todas as informações sobre o 4º Festival de Cerâmica. A Associação Casarão do Chá tem um e-mail de contato (acasaraodocha@gmail.com) e um site.

O Casarão do Chá fica na Estrada do Chá cx 05, bairro Cocuera.

 

 

Festival de Inverno Serra do Itapety 2017 começa no próximo sábado, 01/07

O Festival de Inverno Serra do Itapety 2017 vai se estender de 1º de julho a 1º de agosto. Ao longo deste um mês de programação, o público poderá conferir um total de 55 atrações, distribuídas por 14 palcos. São eles: Centro Cultural, Cemforpe, Parque da Cidade, sede da Banda Santa Cecília, Theatro Vasques, Museu Taro Konno, Museu Guiomar Pinheiro Franco, Praça Monsenhor Roque Pinto de Barros, Casarão do Carmo, Largo do Carmo, Ciarte, Estação Sabaúna, Largo do Rosário e Pinacoteca.

Estão presentes na programação do festival deste ano os tradicionais segmentos da música, teatro, dança, literatura e cinema. A programação também inclui eventos de capoeira, visitas a museus da cidade, pelo segmento de patrimônio, evento que vai falar sobre a tatuagem como expressão artística, feira de antiguidades, feira de livro, alguns cursos, como de manuseio e cuidado com orquídeas e há também o convite aberto para visitas à Pinacoteca de Mogi das Cruzes.

Um dos destaques da programação é a entrega, no dia 19 de julho, das obras de reforma e conservação do Casarão do Carmo. Os trabalhos, iniciados em janeiro deste ano, tiveram como intuito manter a edificação histórica em boas condições e compreenderam trabalhos de revisão e manutenção geral do prédio, mais restauro de algumas estruturas, em respeito às suas características originais. Foram seis meses de trabalho e um investimento total de R$ 115.703,80.

Outro destaque da programação será o ciclo de lançamentos de CDs gravados no Estúdio Municipal de Áudio e Música (EMAM). Serão 10 obras lançadas, de artistas locais e também de grupos e programas da cidade, como o Arena MC e a Orquestra Sinfônica Jovem, por meio do Quarteto de Cordas e Quinteto de Metais. Além de CDs musicais, também serão lançados dois audiolivros, outra categoria que o estúdio também contempla.

Além das ações pontuais, o Festival de Inverno também abarca programas que já fazem parte da agenda semanal da Secretaria de Cultura e eventos com maior tempo de duração. Entram neste rol as sessões de cinema do programa Pontos MIS, a Roda de Choro do Seu Julinho, a Pinacoteca, que ficará aberta durante todo o mês para livre visitação, a exposição “Além da Tatuagem”, que ocupara o Centro Cultural de 03 a 29 de julho e a Feira do Livro, que vai durar um mês (de 1º de julho a 1º de agosto), sempre de segunda a sábado, das 8h00 às 18h00, no Largo do Rosário.

Toda a programação do Festival de Inverno Serra do Itapety é gratuita. Mais informações podem ser obtidas no telefone 4798-6900.

Fonte: Secretaria Municipal de Cultura