Projeto Tampinha Solidária será lançado nesta quinta-feira, 28/03/2019

Nesta quinta-feira, 28/03/2019, às 16h00, o Fundo Social de Mogi das Cruzes, em parceria com o programa Família Solidária, fará o lançamento oficial do projeto Tampinha Solidária. Inédita na cidade, a iniciativa visa beneficiar ONGs e protetores independentes de animais como cães e gatos, a partir de uma mudança de postura ligada diretamente à questão da reciclagem.

A ideia do Fundo Social é mobilizar todos os cidadãos, para que eles passem a separar as tampinhas plásticas de produtos diversos, como refrigerante, água mineral, xampu, detergente, requeijão e até canetas ou potes de sorvete, por exemplo. Essas tampinhas serão encaminhadas para a reciclagem e a verba obtida com a venda será inteiramente revertida para as entidades e pessoas que resgatam e cuidam de animais abandonados.

Para recolher as tampinhas, haverá galões de água com a identificação visual da campanha, mas esse processo também pode ser feito com outros materiais, como, por exemplo, caixas de papelão. Para obter a identificação oficial da campanha, basta aos envolvidos buscar cartazes e filipetas do projeto na sede do Fundo Social.

Com lançamento marcado para esta quinta-feira, o projeto Tampinha Solidária visa transformar tampinhas plásticas em apoio para ONGs e protetores de animais da cidade

Após o recolhimento das tampinhas, as mesmas serão encaminhadas para o Pró-Hiper, no Mogilar, onde uma equipe de voluntários do programa Família Voluntária estará a postos, para fazer a separação do material por cores. A etapa é importante, pois impacta diretamente no valor de venda do produto, que é bem maior quando já existe a separação por cor. Na sequência, as tampinhas serão encaminhadas para a reciclagem.

Trata-se, portanto, de um projeto que mescla conscientização ambiental, sustentabilidade ecológica, combate aos maus tratos aos animais e também o estímulo à posse responsável. Paralelamente ao projeto já está sendo idealizada uma feira de doação de animais, que acontecerá uma vez ao mês no Varejão de Mogi das Cruzes, aos domingos.

A inspiração para o projeto veio do programa Tampinha Legal, desenvolvido no Rio Grande do Sul, pelo Instituto SustenPlást. Entre março de 2017 e dezembro de 2018, o projetou do Sul arrecadou 130.543,43 quilos de tampinhas plásticas , que foram direcionadas para o processo adequado de reciclagem, ajudando 78 entidades assistenciais cadastradas no projeto. Em Mogi, já há cerca de 60 protetores cadastrados, para participarem e serem beneficiados pelo projeto.

O lançamento do Tampinha Solidária acontecerá no auditório do prédio-sede da Prefeitura de Mogi das Cruzes, a partir das 16h00. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 4798-5143.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Anúncios

Dia D de Combate ao Aedes aegypti será realizado nesta sexta-feira, 30/11/2018

A Prefeitura de Mogi das Cruzes, por meio do Núcleo de Controle e Prevenção das Arboviroses, promove nesta semana uma série de vistorias de prevenção e orientação dentro da Semana Nacional de Combate ao Aedes aegypti. O Dia D está marcado para sexta-feira, 30/11/2018, com uma ação de mobilização e distribuição de material informativo no Largo do Rosário, das 9h00 às 16h00. Também será realizada a vacinação contra febre amarela.

Desde o início do mês, as equipes do Núcleo de Controle e Prevenção das Arboviroses estão percorrendo escolas, creches, unidades de saúde, hospitais e instituições para vistoriar e reforçar as orientações sobre como prevenir a proliferação do mosquito Aedes aegypti. Nos prédios públicos, o trabalho conta com apoio dos grupos de brigadistas. Nesta sexta-feira, o trabalho será concentrado nos bairros quem registraram maiores índices de infestação, conforme a última Avaliação de Densidade Larvária (ADL).

As unidades costumam manter os cuidados necessários para evitar a proliferação do Aedes aegypti, mas é importante ressaltarmos sempre as informações, principalmente em função da presença do mosquito em toda a cidade“, explica o coordenador do Núcleo de Controle e Prevenção das Arboviroses, Jefferson Renan de Araújo Leite. “Nos bairros, o cuidado precisa ser constante“, acrescentou.

Como o mosquito está presente em todo o território mogiano, os trabalhos de prevenção não podem parar. A principal orientação aos munícipes é eliminar todo e qualquer recipiente ou situação que possa facilitar o acúmulo de água e, consequentemente, a proliferação do Aedes aegypti.

Outra grande preocupação neste período do ano é a febre amarela. A principal orientação é a vacinação. “A vacina é indicada para todos, principalmente para quem pretende viajar para o Litoral neste final de ano. Quem ainda não tomou a vacina contra a febre amarela deve procurar uma unidade de saúde mais próxima e garantir a proteção”, explica a médica da Vigilância Epidemiológica Municipal, Tereza Nihei.

A dose é única e válida pela vida toda, mas é contraindicada para bebês menores de 9 meses de vida, gestantes, mães que amamentam bebês menores de seis meses e pessoas que apresentam algum tipo de imunossupressão por uso de medicamentos ou portadores de doenças imunossupressoras. Pessoas portadoras de doenças crônicas importantes devem consultar o médico.

Confira algumas dicas de prevenção:

  • Não acumule materiais desnecessários e sem uso. Se forem destinados à reciclagem, guarde-os em local coberto e abrigado da chuva.
  • Trate a piscina com cloro. Se ela não estiver em uso, esvazie-a completamente. Mantenha lagos, cascatas ou espelhos sempre limpos ou crie peixes que se alimentem de larvas.
  • Entregue pneus velhos para reciclagem ou guarde-os, sem água, em locais cobertos.
  • Verifique se os ralos da casa não estão entupidos. Limpe-os pelo menos uma vez por semana e, se não os estiver usando, deixe-os fechados.
  • Guarde as garrafas, baldes ou latas vazias de cabeça para baixo.
  • Lave com escova e sabão as vasilhas de água e comida de seus animais.
  • Retire a água da bandeja externa da geladeira e lave a bandeja com sabão.
  • Não deixe acumular água na parte debaixo das torneiras de bebedouros e filtros.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Campanha de Vacinação Antirrábica 2018 prossegue até o dia 12/09

A Campanha de Vacinação Antirrábica 2018 de Mogi das Cruzes prossegue até o dia 12 de setembro. Neste período, os agentes do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) irão visitar 153 pontos da cidade para garantir a imunização de cães e gatos. A expectativa é vacinar cerca de 50 mil animais.

Veja todos as datas e locais de vacinação

A vacina contra a raiva é indicada para cães e gatos a partir dos três meses de vida. Para a vacinação, não é obrigatório que o animal tenha algum documento e a principal orientação é para que os cães e gatos sejam transportados de maneira segura, tanto para os profissionais, como para a população em geral.

Os cães devem ser levados em guias e coleiras e os gatos devem ser transportados em caixas especiais, caixotes de papelão ou qualquer outro recurso que garanta a segurança do animal e dos profissionais.

A imunização prossegue até o dia 12/09. Foto: PMMC

A raiva é transmitida por meio de vírus que, quando acomete os animais, é quase sempre fatal. A doença atinge também os humanos que têm contato com a saliva com o bicho infectado. “A vacinação antirrábica é muito importante e os proprietários precisam estar atentos para garantir a proteção anual necessária”, explica o secretário municipal de Saúde, Téo Cusatis.

A dose estará disponível também no Centro de Controle de Zoonoses, de segunda a sexta-feira, das 8h00 às 17h00. O endereço é Estrada de Santa Catarina, 2.540, em Cezar de Souza.

Informações pelo telefone 4792-8585.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Campanha de Vacinação contra Paralisia Infantil e Sarampo começa neste sábado, 04/08/2018

A Prefeitura de Mogi das Cruzes realiza neste sábado, 04/08/2018, o primeiro Dia D da Campanha de Vacinação contra Paralisia Infantil e Sarampo. Crianças de 1 a 5 anos incompletos devem ser levadas aos postos de saúde para receber as doses, mesmo que já tenham sido imunizadas anteriormente.

O lançamento da campanha e todos os detalhes da ação foram apresentados pelo secretário municipal de Saúde, Téo Cusatis, e pelo enfermeiro da Vigilância Epidemiológica, Hector Trevor, nesta quarta-feira, 01/08, durante a sessão da Câmara Municipal. “O sucesso da campanha depende da conscientização dos pais ou responsáveis, que devem levar seus filhos à unidade de saúde mais próxima e garantir a proteção necessária”, explicou o secretário.

A Campanha de Vacinação contra Paralisia Infantil e Sarampo será realizada durante todo o mês de agosto em todos os postos de saúde e unidades do Programa Saúde da Família de segunda a sexta-feira, das 8h00 às 16h30. Nos dias 4 e 18 de agosto (sábados) serão realizados os “Dia D” de mobilização, quando os 35 postos de vacinação da cidade estarão abertos ofertando as doses. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, 22 mil crianças devem ser vacinadas em Mogi das Cruzes.

Em todo o território nacional, o Ministério da Saúde tem três objetivos: vacinar quem nunca tomou a vacina; completar todo o esquema de vacinação de quem não tomou todas as doses; dar uma dose de reforço para quem já se vacinou completamente, ou seja, tomou todas as doses necessárias à proteção.

Neste ano, a campanha é ainda mais importante dada à volta da circulação do sarampo no território brasileiro e a ameaça da paralisia infantil. Além das crianças, os adultos (nascidos a partir de 1958) que ainda não tomaram também devem ser imunizados contra o sarampo e, para isso, a vacina está disponível de segunda a sexta-feira.

INFLUENZA

Durante a sessão, foram apresentadas informações sobre as outras campanhas de vacinação realizadas neste ano – Febre Amarela e Influenza – com índices de cobertura e andamento de imunizações.

O secretário anunciou que, a partir da próxima segunda-feira, 06/08, as doses de vacina contra a Influenza ainda disponíveis estarão liberadas para toda a população, independente de grupos prioritários. “Restam cerca de 10 mil doses em estoques e a procura pelo público-alvo continua em baixa. Por isso tomamos a iniciativa de liberar a vacina para quem quiser, afinal, não podemos perdê-las”, explicou Cusatis.

Ele explicou que, inicialmente, a vacina contra Influenza será disponibilizada em todas as unidades de saúde mas, caso a procura seja muito grande, dificultando a campanha em andamento e/ou as aplicações de rotina, uma nova estratégica, como a distribuição de senhas, possa ser adotada.

Neste ano, até o momento, Mogi das Cruzes registrou 22 casos confirmados de Influenza dos quais, quatro pacientes foram a óbito, o último deles uma criança de sete meses, falecida no último dia 27 de julho, portadora de hepatopatia.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Campanha Natal de Sorrisos 2017 é lançada

A presidente do Fundo Social de Solidariedade de Mogi das Cruzes, Karin Melo, ao lado do prefeito, Marcus Melo, fez, na manhã desta terça-feira, 17/10/2017, o lançamento oficial da campanha Natal de Sorrisos 2017, ação que tem por objetivo arrecadar brinquedos, para serem doados a crianças carentes da cidade do período do Natal.

O lançamento aconteceu no Theatro Vasques e contou com a presença do vice-prefeito, Juliano Abe, de dezenas de crianças da rede municipal de ensino, de representantes de entidades sociais da cidade e parceiros do Fundo Social, além de secretários municipais e vereadores.

Todos os presentes puderam acompanhar a apresentação da peça teatral infantil “Tantantópolis – Doe um Brinquedo” e também a primeira doação oficial à campanha, protagonizada pela empresa Vermont, com um total de 250 brinquedos entregues.

Esta é uma campanha que abraça toda a cidade, cria uma corrente de solidariedade e que é muito especial para nós. Podemos sentir a energia quando fazemos a entrega de um brinquedo e também vemos o sorriso estampado no rosto de cada criança. Isso é o que faz tudo valer a pena”, destacou a presidente do Fundo Social, que fez também um agradecimento aos professores, em alusão ao Dia dos Professores, que foi oficialmente celebrado no último domingo, dia 15 de outubro.

O prefeito, Marcus Melo, também falou sobre a importância da campanha, que tem como foco principal o despertar da solidariedade em todos os cidadãos. “Esta campanha já é uma tradição na cidade. É quando todos nos mobilizamos para reunirmos brinquedos que serão doados a crianças que, provavelmente, não teriam a oportunidade de serem presenteadas na época do Natal. O que engrandece a iniciativa e toca o nosso coração é poder ver o sorriso e a alegria que levamos. Mas nada disso é possível sem as doações, por isso chamo todos para que se mobilizem, participem, doem e ajudem o Fundo Social nessa causa tão nobre”, enfatizou.

A Campanha Natal de Sorrisos vai se estender até o dia 15 de dezembro. Estarão disponíveis pela cidade 200 pontos de coleta de brinquedos, em escolas, igrejas, associações de bairro, estabelecimentos comerciais e prédios da municipalidade. O Fundo Social de Solidariedade pede para que sejam doados brinquedos novos ou em bom estado, de modo que ainda possam ser desfrutados por outras crianças.

Após a arrecadação, a distribuição dos brinquedos para as crianças se dará por meio das cerca de 250 entidades previamente cadastradas junto ao Fundo Social de Solidariedade. As entidades são formadas por membros das comunidades, que conhecem a realidade de cada bairro, o que permite que sejam contempladas as famílias que efetivamente mais necessitam.

O Fundo Social de Solidariedade já está articulando também uma ampla agenda de entregas, que são geralmente feitas nos bairros, com a presença do Papai Noel e diversas brincadeiras. Paralelamente, também será instalada a tradicional árvore de Natal no saguão da Prefeitura, que permite a “adoção” de mais de 400 crianças, para que também sejam presenteadas na época do Natal.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes