Rua Cabo Diogo Oliver terá interdição parcial

A rua Cabo Diogo Oliver será interditada para o trânsito de veículos a partir desta sexta-feira, 24/01/2020, no trecho entre a rua Engenheiro Gualberto e a linha férrea, no Mogilar. A medida, que valerá até domingo, 26/01, será necessária para a realização de obras que fazem parte da construção da praça Diego Leme Chavedar. O acesso ao túnel do Complexo Viário Jornalista Tirreno Da San Biagio permanecerá aberto.

As intervenções que serão executadas durante os dias em que a via será interditada tem como objetivo melhorar a segurança dos pedestres que circularão entre a futura praça e a travessia da linha férrea e a rua Américo Rodrigues Da San Biagio.

A alternativa para os motoristas que estão na rua Cabo Diogo Oliver e desejam acessar a região da rua Américo Rodrigues Da San Biagio ou a avenida Francisco Rodrigues Filho é a utilização das ruas Casarejos e José Alves dos Anjos. Já quem estiver circulando pela rua Engenheiro Gualberto poderá utilizar a rua Afonso Pena para chegar à rua Casarejos. Agentes municipais de trânsito farão a orientação dos motoristas.

Interdição acontecerá entre sexta-feira e domingo (24 e 26/01) e será necessária para obras que fazem parte da construção da praça Diego Leme Chavedar. Foto: Divulgação

Os ônibus do transporte coletivo que circulam pela região também utilizarão, durante o período de interdições, as ruas Casarejos e José Alves dos Anjos. A medida valerá para as linhas municipais e intermunicipais, em um total de 360 passagens por dia. A Secretaria Municipal de Transportes também remanejou provisoriamente os pontos de ônibus localizados nos trechos que serão afetados pela interdição.

A construção da praça Diego Leme Chavedar faz parte do projeto de renovação urbanística da região central de Mogi das Cruzes. Ela está sendo construída no espaço entre as ruas Cabo Diogo Oliver, Hamilton da Silva e Costa e Engenheiro Gualberto, no Mogilar. O projeto completo de requalificação da região tem investimento de R$ 3.930.632,99 e também inclui a reforma das praças Sacadura Cabral e Oswaldo Cruz.

As obras estão baseada em três eixos. O primeiro é o urbanístico, que prevê a priorização de pedestres, novos mobiliários, arborização e pisos drenantes. O segundo é o social e incluirá a nova base de monitoramento da Guarda Municipal, a iluminação pública com luminárias LED, o monitoramento com câmeras e a instalação de rede wi-fi. Já o terceiro será o de mobilidade urbana, que contemplará toda a reorganização do sistema viário.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Mercado Municipal não funcionará neste domingo para serviços de melhoria na rede elétrica

O Mercado Municipal ficará fechado neste domingo, 19/01/2020, para a realização de serviços de melhoria na rede elétrica. O trabalho faz parte das intervenções que estão sendo feitas pela Prefeitura de Mogi das Cruzes para a melhoria do local para a utilização de consumidores e comerciantes.

O fechamento será necessário porque haverá a interrupção na energia elétrica do Mercadão, no domingo, das 8h30 às 10h30. O local funcionará normalmente neste sábado, 18/01, das 7h00 às 16h00, e voltará a atender a população na segunda-feira, 20/01, a partir das 7h00.

Mercado Municipal

O Mercado Municipal vem recebendo uma série de ações de melhorias, que estão sendo desenvolvidas pela Prefeitura. O local acaba de receber uma reforma, que contou com pintura das telhas internas, externas e estruturas metálicas da cobertura, pintura de paredes externas, reforma dos banheiros e substituição das caixas d’água. O investimento foi de R$ 222.964,60.

Já em 2018, já havia sido entregue a reforma dos tetos e piso, revisão da cobertura e calhas e adequações das instalações de proteção e combate a incêndio.

O Mercado Municipal oferece 118 boxes onde pode-se encontrar frutas, verduras, legumes, flores, fumos de corda, bijuterias, gêneros alimentícios, armarinhos, banca de jornal, vestuários, utensílios de cozinha, pet shop’s, produtos japoneses, brinquedos, artigos de pesca, adega, produtos eletrônicos, artesanato, pastelarias, lanchonetes e docerias. O endereço é rua Coronel Souza Franco, 440 – Centro.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

IPTU 2020 será corrigido pela inflação

A Prefeitura de Mogi das Cruzes publica, neste sábado, 14/02/2019, o decreto de atualização do valor do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) para 2020. Em relação aos lançamentos de 2019, o tributo terá apenas a correção de 2,54% referente à inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), de outubro de 2018 a outubro de 2019. É o menor índice de correção dos últimos 12 anos.

No começo de janeiro, a Prefeitura iniciará a postagem dos cerca de 140 mil carnês. O pagamento poderá ser feito em até dez parcelas (de fevereiro a novembro).

A novidade deste ano serão as datas de vencimento. Em vez dos dias 8, 9 ou 10 de cada mês, o vencimento será apenas em dias úteis, facilitando a vida do contribuinte, mas mantendo três datas distintas, de acordo com o CEP da propriedade – esta organização é feita para evitar longas filas em agências bancárias e casas lotéricas.

Recursos arrecadados com IPTU e outros impostos são revertidos em obras e serviços que melhoram qualidade de vida na cidade. Foto: Guilherme Berti/PMMC

Quem optar pelo pagamento à vista tem 5% de desconto. O contribuinte que estava em dia com o imposto até 1º de novembro de 2019 tem direito a mais 5%, totalizando um abatimento de 10%.

Além desse desconto, mais de 20 mil contribuintes do IPTU de Mogi das Cruzes têm direito à imunidade, ou isenção, ou redução do tributo. É necessário estar atento aos prazos para solicitação do benefício, definidos na legislação e, em alguns casos, contados a partir da data de postagem dos carnês.

A imunidade é para os imóveis de propriedade de templos de qualquer culto e de instituições de educação ou assistência social sem fins lucrativos.

Consulte aqui as condições e documentos necessários para a solicitação de imunidade

Têm direito à isenção os aposentados e pensionistas, produtor rural, contribuinte com imóvel de baixo padrão construtivo, imóveis locados utilizados como templo de qualquer culto e ex-combatentes que lutaram na 2ª Guerra Mundial.

Consulte aqui as condições e documentos necessários para a solicitação de isenção

Já a redução no valor do IPTU é para imóveis com mata preservada, com mata nativa preservada (Serra do Itapeti, APA do Rio Tietê e áreas de preservação) e por Sanção Premial (clubes e demais entidades que concedam seu espaço físico para atividade esportiva para crianças e adolescentes durante todo o exercício fiscal e que estejam em dia com o IPTU).

Consulte aqui as condições e documentos necessários para a solicitação de redução no valor do IPTU

Além desses casos, há ainda redução de 30% no valor no Imposto Territorial Urbano (terrenos) para imóveis com obra em andamento.

O IPTU é um dos principais tributos do município. É por meio dele, entre outros impostos, que a Prefeitura investe em obras, na manutenção e na melhoria constante dos serviços oferecidos à população, garantindo à cidade excelentes indicadores sociais, de educação, saúde, segurança e saneamento, entre outros”, afirma o secretário municipal de Finanças, Clovis da Silva Hatiw Lú Jr.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

​CPTM terá intervalos fixos aos sábados e domingos

A partir do próximo final de semana, dias 26 e 27/10/2019, a CPTM altera a grade dos intervalos médios programados, entre o final da noite de sábado e durante toda a operação comercial de domingo. Os intervalos terão em média até 35 minutos neste período. A medida é necessária para a execução das obras de melhorias e manutenção na via, nos sistemas de energia e nas próprias estações da Companhia.

A concentração das intervenções entre a noite de sábado e o domingo ocorre por conta da baixa demanda de passageiros neste período. Para se ter ideia, em comparação aos dias úteis, quando são transportados cerca de 3 milhões de pessoas, aos sábados o volume de passageiros é 58% menor e no domingo reduz até 70% deste total.

Os intervalos médios terão no máximo 35 minutos a partir de sábado à noite até o final da operação de domingo, quando a demanda é 70% menor

As obras devem começar a partir das 21h00 do sábado com término previsto à meia-noite de domingo. Estes horários programados somam-se ao período da madrugada e aos feriados, quando a CPTM aproveita a redução de passageiros no sistema para realizar as intervenções, visando oferecer um serviço cada vez mais rápido e confiável nos horários de maior movimento.

As equipes da CPTM manterão avisos ao público nos trens e estações sobre os serviços durante o final de semana. Em caso de dúvidas ou informações complementares, os passageiros podem ligar para a Central de Atendimento pelo 0800 055 0121. Também é possível saber a situação das linhas pelo App CPTM Oficial ou site cptm.sp.gov.br.

Fonte: CPTM

Obras alteram intervalos da CPTM neste domingo, 13/10/2019

Neste domingo, 13/10/2019, a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM realizará obras de modernização em algumas linhas. Por isso, os trens circularão com maiores intervalos em trechos e horários específicos. Confira a programação e planeje a sua viagem.

Todos os direitos reservados a CPTM

Veja como fica a operação na região:

Linha 11-Coral [Luz – Estudantes]: Domingo, 13/10, durante toda a operação comercial, serão realizadas obras de modernização do sistema de energia entre as estações Corinthians-Itaquera e Guaianases. Das 4h00 às 20h00, também haverá obras de modernização na via nas imediações da Estação Suzano. O intervalo médio entre os trens será de 15 minutos entre Luz e Brás e de 30 minutos de Brás a Estudantes.

Linha 12-Safira [Brás – Calmon Viana]: Domingo, 13/10, durante toda a operação comercial, os serviços ocorrerão no sistema de energia entre as estações Itaim Paulista e Jardim Romano. O intervalo médio entre os trens será de 25 minutos em toda a linha.

Em caso de dúvidas ou informações complementares, a CPTM coloca à disposição a Central Atendimento pelo 0800 055 0121.

Fonte: CPTM