Rematrículas na rede estadual poderão ser feitas online

Pela primeira vez, as matrículas para 2020 dos estudantes da rede estadual poderão ser feitas pela internet. Essa foi uma das novidades anunciadas pela Secretaria da Educação nesta quarta-feira, 21/08/2019, que também vai atualizar os cadastros de pais e responsáveis pelos alunos matriculados. O prazo será iniciado na próxima segunda-feira, dia 26.

O processo pela internet será aberto para pais e responsáveis que já são cadastrados junto a Secretaria Escolar Digital (SED) da Seduc, no endereço sed.educacao.sp.gov.br. Também será possível acessar via aplicativo Minha Escola SP, encontrado na Play Store (Android) ou Apple Store (IOS). Quem não tiver o cadastro deverá comparecer a uma escola.

Prazo começa no dia 26 de agosto para jovens já cadastrados e no dia 1º de outubro para estudantes de outras redes. Foto: Milton Michida/A2 Fotografia

Para estudantes que já estão matriculados na rede estadual, o prazo de rematrícula e atualização de cadastro vai do dia 26 de agosto até o dia 23 de setembro. Para ter acesso às plataformas, o responsável precisa fazer um cadastro na escola antes. O responsável do jovem deve ir até a unidade, munido de comprovante de endereço, documento próprio e cédula de identidade e certidão de nascimento do jovem.

Para estudantes de outras redes, o período vai de 1º a 31 de outubro. Vale a mesma regra: é preciso realizar o cadastro na escola antes de acessar o aplicativo ou a Secretaria Escolar Digital.

A Seduc quer aproximar pais e responsáveis dos estudantes da rede por meio de uma atualização cadastral. Hoje, há somente 350 mil cadastros no sistema, de uma rede com mais de 3 milhões de alunos. “Queremos que o cadastro seja todo feito online a partir do ano que vem. Estamos ampliando o leque de opções, uma vez que o pai ainda terá a escola e a secretaria como apoio para realizar a matrícula. Queremos otimizar o pessoal e também tornar o processo mais automático”, afirma o secretário de Educação Rossieli Soares.

A matrícula digital faz parte de uma série de ações de melhoria de gestão na educação de São Paulo, automatizando processos e estar cada vez mais digital. “Queremos que, nos próximos anos, tudo seja automático, seja aqui dentro da Educação com o programa SP Sem Papel, seja para nossos professores e jovens”, pontua o coordenador da COPED, Caetano Siqueira.

Fonte: Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Anúncios

Obras alteram intervalos da CPTM neste fim de semana, 17 e 18/08/2019

Neste fim de semana, 17 e 18/08/2019, a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM realizará obras de modernização algumas linhas. Por isso, os trens circularão com maiores intervalos em trechos e horários específicos. No domingo, não haverá o serviço Expresso Aeroporto devido às obras de modernização no sistema de energia na Linha 12. Confira a programação e planeje a sua viagem.

Todos os direitos reservados a CPTM

Veja como fica a operação na região:

Linha 11-Coral [Luz – Estudantes]: Domingo, 18/08, das 4h00 à meia-noite, serão realizadas obras de modernização no sistema de energia entre as estações Corinthians-Itaquera e Guaianases e obras de modernização na via entre as estações Antonio Gianetti Neto e Ferraz de Vasconcelos. O intervalo médio dos trens será de 15 minutos entre Luz e Brás e de 30 minutos entre Brás e Estudantes.

Linha 12-Safira [Brás – Calmon Viana]: Sábado, 17/08, das 20h00 até o fim da operação comercial, serão realizadas obras de modernização no sistema de energia entre as estações Engenheiro Goulart e Comendador Ermelino. O intervalo médio entre os trens será de 35 minutos em toda a linha.

Domingo, 18, das 4h00 até meia-noite, prosseguirão as obras de modernização no sistema de energia entre as estações Engenheiro Goulart e Comendador Ermelino. O intervalo médio entre os trens será de 35 minutos em toda a linha.

Em caso de dúvidas ou informações complementares, a CPTM coloca à disposição a Central Atendimento pelo 0800 055 0121.

Fonte: CPTM

Desenvolve Mogi terá centro de treinamento em parceria com a Ponsse

A Prefeitura de Mogi das Cruzes está concluindo uma parceria para a montagem de um centro de treinamento da Ponsse na Escola de Empreendedorismo e Inovação, no Centro. A equipe técnica da empresa esteve na manhã desta quarta-feira, 14/08/2019, no espaço, acompanhado pelo Senai, que também será um dos parceiros na iniciativa. No local serão oferecidas capacitações por meio de realidade virtual na operação e manutenção de equipamentos. A ação faz parte do Desenvolve Mogi, que além de promover a geração de empregos, busca oferecer requalificação profissional para os mogianos.

O centro será um dos três espaços para treinamentos da empresa em todo o mundo e deverá iniciar as atividades ainda neste ano. “Pensamos então em começar com esta parceria a montagem do centro de inovação tecnológica na cidade. É importante manter Mogi na vitrine do desenvolvimento. A ideia é montar um sistema em que todos participem em prol do desenvolvimento da cidade.”, disse Cláudio Costa, diretor do Departamento de Desenvolvimento Econômico e Social da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Social.

A visita foi acompanhada pelo diretor da Secretaria de Desenvolvimento Social e Econômico, Cláudio Costa, o diretor geral da Ponsse Brasil, Fernando Campos Passos e sua equipe técnica. Foto: PMMC

Pela programação, a sala deverá atender em 30% da sua capacidade os técnicos da Ponsse e o restante do tempo será dedicado a cursos para os mogianos, que serão ministrados em parceria pelo Senai. “Nossa intenção é trazer simuladores de realidade virtual, tanto para treinamento técnico como para o operacional e eventualmente uma bancada para o treinamento técnico da parte hidráulica. Entendemos que é importante esta união entre o poder público e a iniciativa privada. É um espaço para treinarmos nossos profissionais, mas que também pode ser explorado pela comunidade”, disse Passos.

O programa Desenvolve Mogi tem como objetivo fomentar o desenvolvimento econômico e social por meio da atualização tecnológica das empresas da cidade e da requalificação da mão de obra para atendimento às novas demandas de produção e de mercado, criando melhores oportunidades de trabalho, com maior geração de renda. A visita foi acompanhada pela equipe técnica da empresa, o diretor do Senai, Itamar Rodrigues Cruz e o coordenador do Polo Digital de Mogi das Cruzes, Rodrigo Garzi.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Prefeitura assina contrato de R$ 6,5 milhões para obras no Mercado do Produtor, Mercadão e feiras

O prefeito Marcus Melo assinou na manhã desta segunda-feira, 12/08/2019, o contrato de financiamento de mais de R$ 6,5 milhões para reformas no Mercado do Produtor e Mercado Municipal, além da cobertura dos pátios de feiras em Braz Cubas, Jundiapeba e Vila Nova Aparecida. O próximo passo é a abertura do processo de licitação para as obras, que deverão ser concluídas em um ano. O contrato foi feito junto ao Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa), da Caixa Econômica Federal.

O valor total do contrato é de R$ 6.597.415,96. “Temos feito um trabalho em conjunto com os permissionários e feirantes para organizar melhor espaços, como o Mercado do Produtor. Essa melhoria foi construída ouvindo os usuários e comerciantes e vai permitir não só a a ocupação das feiras, mas podemos pensar em outros eventos e outras atividades, como novas feiras noturnas”, disse o prefeito.

No Mercado do Produtor, os boxes da Plataforma I serão reformulados e também serão feitas adequações nos sanitários e de acessibilidade. O Mercado Municipal receberá adequação das instalações para o mezanino para que seja feita uma praça de alimentação e reforma nos sanitários e no teto. Os pátios de feiras de Braz Cubas, Jundiapeba e Vila Nova Aparecida receberão cobertura e gradil, além de sanitários e área para administração.

Feirantes, permissionários e comerciantes, além de representantes de entidades do setor agrícola, acompanharam a assinatura do contrato. Foto: PMMC

As propostas foram feitas em conjunto entre a Administração Municipal e feirantes e permissionários dos espaços. “O prefeito Marcus Melo sempre solicita que trabalhemos junto, que a gente construa junto e ouça as pessoas”, disse o secretário de Agricultura, Renato Abdo. Permissionária a 30 anos do Mercado do Produtor, Rosana de Penha Nascimento, destacou a parceria entre os permissionários e a Administração Municipal. “Nós nos reunimos e reformamos, no ano passado, a guarita e a Prefeitura colocou um guarda municipal para nos atender. Pela primeira vez temos essa abertura com a Prefeitura”, disse.

O vice-prefeito Juliano Abe destacou a parceria entre a Câmara Municipal e o poder executivo. “Estamos conseguindo atender pleitos antigos da população por meio de uma parceria efetiva com a Câmara Municipal. Esperamos transformar estes espaços em polos comerciais para o Alto Tietê”, disse. O presidente da Câmara, Sadao Sakai, destacou a valorização do setor agrícola na cidade e o comprometimento dos vereadores no andamento e aprovação dos projetos. Os vereadores Edson Santos, Antonio Lino, Mauro Araújo, Diego Martins, Protássio Nogueira e Marcos Furlan também prestigiaram o evento.

Nosso objetivo é cada vez mais ampliar o relacionamento com a Prefeitura e contribuir para a melhora na qualidade de vida, geração de empregos e desenvolvimento social do município”, disse Rodrigo Souza Pinto, gerente regional da Superintendência da Penha da Caixa Econômica Federal. Participaram do evento secretários municipais, representantes dos feirantes, permissionários, além da Coordenadoria de Desenvolvimento Rural Sustentável da Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento (CDRS) e do Sindicato Rural.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Semae fará parada no abastecimento para manutenção nesta terça, 13/08/2019

Para manter a qualidade da água distribuída à população mogiana, o Serviço Municipal de Água e Esgotos (Semae) informa que nesta terça-feira, 13/08/2019, a partir das 3h00 da madrugada, fará uma paralisação no sistema de captação, tratamento e distribuição da Estação de Tratamento de Água (ETA) de Mogi das Cruzes. A parada acontecerá para a realização de trabalhos de manutenção, limpeza e desinfecção do sistema.

A distribuição de água será retomada por volta das 18h00 do mesmo dia, porém a normalização do abastecimento ocorrerá de forma gradativa, no decorrer da madrugada de terça para quarta-feira, 14/08.

Serão feitos limpeza e desinfecção do reservatório baixo da ETA Centro, manutenção na válvula de retenção da bomba BB02 da Estação de Captação e Recalque – ECR-2, manutenção preventiva das cabines de energia elétrica da ETA Centro, da ECR-2 e do Reservatório Base (RB1), além de manutenção na rede e no hidrante da rua São João.

A recomendação é para que os moradores utilizem água de forma racional, reduzindo o tempo de banho, evitando lavar carros e quintais e combatendo o desperdício.

A recomendação é para que os moradores utilizem água de forma racional, reduzindo o tempo de banho, evitando lavar carros e quintais e combatendo o desperdício ao executar as tarefas domésticas indispensáveis, como a lavagem de louças e roupas.

Quem tem caixa d’água não sentirá os efeitos da paralisação. Ter um reservatório em casa é fundamental para evitar transtornos durante os trabalhos de manutenção da rede ou outras intervenções que exigem a interrupção do fornecimento de água, principalmente nos locais mais altos ou que trabalham por redes bombeadas, onde é necessário mais tempo para que o abastecimento seja normalizado.

A reservação de 200 litros diários para cada morador é suficiente. Assim, uma casa com cinco pessoas deve ter uma caixa com capacidade para ao menos mil litros. Isso garante o abastecimento da residência por até 24 horas, mesmo sem fornecimento de água da rua.

Serão afetados os seguintes bairros, totalizando cerca de 80 mil ligações:

Alto da Boa Vista;
Alto do Ipiranga;
Alto da Glória;
Botujuru;
Caixa d’Água Velha;
Caminho do Mar;
Centro;
Chácara das Flores;
Cidade Jardim;
Conjunto Habitacional Estância dos Reis;
Conjunto Habitacional Nova Bertioga;
Conjunto Habitacional São Sebastião;
Conjunto Habitacional Seki;
Conjunto Habitacional Thaysa;
Conjunto Habitacinal Vereador Jefferson da Silva;
Conjunto Residencial Vila da Prata;
Jardim Aracy;
Jardim Armênia;
Jardim Avenida;
Jardim Bela Vista;
Jardim Camila;
Jardim Cíntia;
Jardim das Bandeiras;
Jardim Juliana;
Jardim Jussara;
Jardim Maricá;
Jardim Mogi;
Jardim Nair;
Jardim Nathalie;
Jardim Náutico;
Jardim Paulista;
Jardim Ponte Grande;
Jardim Primavera;
Jardim Rodeio;
Jardim Rubi;
Jardim Santa Carolina;
Jardim Santista;
Jardim São Francisco;
Jardim São Pedro;
Jardim Veneza;
Jardim do Paraíso;
Loteamento João Villanova;
Loteamento Alvorada;
Loteamento Nova Mogilar;
Loteamento Rio Acima;
Morada do Sol;
Nova Estância;
Parque Monte Líbano;
Parque Morumbi;
Parque Ponte Grande;
Parque Residencial Itapeti;
Real Park Jardim do Colégio;
Real Park Mogi;
Real Park Tietê;
Residencial Algarve;
Residencial Fazenda Rodeio;
Residencial Granja Anita;
Residencial Nair;
Residencial Veredas;
Sabaúna;
Socorro;
Vila Andrade;
Vila Áurea Maria;
Vila Avignon;
Vila Brasileira;
Vila Caputera;
Vila Celeste;
Vila Cidinha;
Vila Flávio;
Vila Horizonte;
Vila Jafet;
Vila Mathias;
Vila Melchizedec;
Vila Mogi Moderno;
Vila Mogilar;
Vila Nancy;
Vila Natal;
Vila Nova Aparecida;
Vila Nova União;
Vila Oliveira;
Vila Oroxó;
Vila Partênio;
Vila Paulicéia;
Vila Pomar;
Vila Ressaca;
Vila Rubens;
Vila São Francisco;
Vila São João;
Vila São Paulo;
Vila São Sebastião;
Vila Sarah Avignon;
Vila Socorro Velho;
Vila Suíssa;
Vila Victória.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes