Mogi lidera a geração de empregos na região do Alto Tietê

Mogi das Cruzes se manteve na liderança na geração de empregos no Alto Tietê no mês de julho, de acordo com os dados do  Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Governo Federal, divulgados nesta segunda-feira, 29/08/2022. No mês, foram registradas 5.331 admissões e 4.144 demissões, resultando em um saldo positivo de 1.187 postos de trabalho criados, o melhor índice entre os dez municípios da região.

Totalizando os primeiros sete meses do ano, o município também manteve a liderança regional na geração de empregos, com saldo positivo de 5.590 vagas. O índice é 24,25% maior que no ano passado.

Este é um dado para a população de Mogi das Cruzes comemorar, na semana do aniversário da cidade. O incentivo para a criação de empregos é uma prioridade do trabalho da Prefeitura e une questões importantes, como o desenvolvimento econômico sustentável e a qualidade de vida para os mogianos”, destacou o prefeito Caio Cunha.

Comércio e o setor de Serviços foram destaques de Mogi das Cruzes na geração de vagas de emprego no mês de julho, de acordo com os dados do Caged. Foto: Divulgação/PMMC

Nos números de julho, todos os setores econômicos analisados pelo Caged apresentaram resultados positivos em Mogi das Cruzes. O Comércio, com 526 postos criados e o setor de Serviços, com 491 novas vagas, foram os destaques. A Construção Civil, com 80 empregos, a Indústria, com saldo de 77 vagas, e a Agropecuária, com 13, completam o quadro do município.

Já quando levados em conta os primeiros sete meses do ano, os destaques são os setores de Serviços (saldo de 2.815 vagas), da Construção Civil (saldo de 1.316 vagas), Comércio (saldo de 907 vagas) e Indústria (saldo de 562 vagas).

Mogi das Cruzes vive um momento positivo, com ampliações de empresas, a chegada de novos investimentos e a melhoria do consumo no comércio da cidade e nos estabelecimentos de serviços. Para apoiar este cenário positivo e criar um ambiente econômico favorável, a Prefeitura vem realizando um trabalho consistente, com ações de incentivo ao empreendedorismo, capacitação profissional voltada ao mercado de trabalho e empregabilidade, em parceria com o setor privado e entidades”, afirmou o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Inovação, Gabriel Bastianelli.

Entre os destaques das ações desenvolvidas pela Prefeitura para fomentar a geração de novas oportunidades e facilitar o acesso dos mogianos às vagas do mercado de trabalho está o programa Mogi Conecta, que possui unidades localizadas nos Terminais Central e Estudantes e no CIC de Jundiapeba. As estruturas reúnem serviços disponibilizados pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Inovação e por parceiros, como as unidades do programa Sebrae Aqui, que ficam no Terminal Central e do CIC. O serviço voltado à empregabilidade também pode ser acessado pela internet, no site mogiconecta.mogidascruzes.sp.

De olho nas novas tendências do mercado de trabalho, a Prefeitura também lançou o Mogi Tech Academy, um programa de formação e colocação profissional nas áreas de desenvolvimento de sistemas, programação, inovação e tecnologia. O endereço para participar dos cursos é o poloconecta.mogidascruzes.sp.gov.br/mogitech.

A capacitação profissional também é destaque, com o oferecimento de cursos voltados às necessidades do mercado de trabalho. Até esta quinta-feira, 01/09, por exemplo, estão abertas as inscrições para o curso “Inglês para Recepção”, uma parceria entre a Prefeitura, o programa Via Rápida, do Governo do Estado, e o Centro Paula Souza. Os interessados devem acessar o link bit.ly/ingles-rec e preencher o formulário.

Neste mês, a cidade também recebeu uma capacitação profissional gratuita para a função de soldador, que beneficiou 60 pessoas.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Publicidade