Saúde otimiza atendimento na Farmácia de Medicamentos Especializados de Mogi

A Secretaria de Estado da Saúde definiu medidas para otimizar a gestão e o atendimento que começaram na segunda-feira, 04/05/2020, na Farmácia de Medicamentos Especializados de Mogi das Cruzes, garantindo mais conforto e agilidade na retirada de remédios chamados popularmente de “alto custo”.

A unidade estadual atende 16 mil pacientes do Alto Tietê e, a partir desta semana, conta com o “Remédio Agora”, um aplicativo criado pelo Governo do Estado que permite aos pacientes agendar a data e a hora para retirar seus medicamentos nas farmácias estaduais. Com essa tecnologia, o tempo de permanência no local é de 15 minutos, em média, o que garante conforto ao cidadão e evita aglomerações, contribuindo para a prevenção ao novo coronavírus, causador da doença COVID-19.

Mogi das Cruzes é a primeira cidade do Alto Tietê ter o sistema, que até então só estava disponível nas farmácias estaduais localizadas na cidade de São Paulo, onde ocorreu o piloto. O espaço passou por readequações internas, de forma a melhorar os fluxos para pacientes e colaboradores.

A gestão ficará sob responsabilidade da Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina (SPDM), que já possui experiência à frente de outras farmácias estaduais localizadas na capital e em Campinas, entre outros serviços de saúde.

Trata-se de uma mudança de processo que passa pela comunicação e engajamento do paciente, com vantagens tanto para o cidadão quanto para as equipes das farmácias e a gestão, otimizando a assistência e a saúde pública, de modo geral”, pontua o secretário de Estado da Saúde, José Henrique Germann.

Como usar

O aplicativo permite aos pacientes agendar a data e a hora para retirar seus medicamentos nas farmácias estaduais. Foi iniciado como piloto na farmácia instalada no AME (Ambulatório Médico de Especialidades) Maria Zélia, na capital, em agosto de 2019, para posterior expansão em São Paulo.

Com ele, o usuário da Farmácia de Medicamentos Especializados pode programar melhor sua rotina de ida à unidade. Com poucos cliques, o paciente seleciona o(s) remédio(s) que utiliza e a data e horário viável para retirá-lo(s). Ao chegar à farmácia, basta clicar no botão digital “Cheguei”, no próprio app, para confirmar a presença.

O “Remédio Agora” permite acesso a uma farmácia por paciente, com a qual ele tem vínculo. Pais ou responsáveis por pacientes também poderão utilizá-lo, desde que tenham autorização formal para representá-los.

O sistema possibilita ainda o agendamento da renovação do pedido para obtenção do remédio. Assim, o usuário pode cadastrar a data de retorno à farmácia para apresentar documentos pessoais e receita atualizada, para renovar a solicitação.

Outro avanço: não é preciso se deslocar até à farmácia para saber se o remédio está disponível. Caso haja indisponibilidade momentânea, o paciente será informado por meio de notificação em até 48 horas antes da data agendada, e poderá reagendar outra ocasião.

Parceria

O aplicativo foi desenvolvido em parceria com a Duosystem, empresa especializada em inteligência e inovação e saúde, oferecendo soluções de gestão, acesso e regulação para clientes públicos ou privados, tendo como foco principal o paciente.

Para a Duosystem, é um imenso prazer contribuir com soluções de tecnologia inovadoras para o fortalecimento da saúde pública em São Paulo. O app rompe barreiras físicas e proporciona maior cuidado e proximidade com o paciente em apenas um ‘toque’”, declara o presidente da empresa, João Paulo Campi.

O aplicativo está disponível na Play Store para instalação em smartphones com sistema Android, e na App Store, para quem utiliza iOS. É necessário ter acesso à internet para utilizá-lo.

Depois de instalar o aplicativo, o usuário deve fazer seu cadastro com dados pessoais, como número do cartão SUS, data nascimento e e-mail (não é obrigatório). É preciso que o paciente já tenha feito uma primeira retirada na farmácia, pois o cadastro também requer o código do Recibo de Dispensação do Medicamento (número localizado no canto inferior direito do documento entregue na unidade). O cidadão deverá criar uma senha, que é sigilosa e deverá ser guardada para futuros acessos.

O aplicativo arquiva a data do último comparecimento. O agendamento via app deve ser feito em data no intervalo de 30 dias para retorno, com uma margem de até três dias antes e três dias depois, para que o paciente possa manter a regularidade de seu tratamento.

Fonte: Portal do Governo de São Paulo

escrever comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s