Coronavírus: Mogi decreta estado de calamidade pública

O prefeito Marcus Melo decretou nesta sexta-feira, 20/03/2020, estado de calamidade pública em Mogi das Cruzes. A medida tem como finalidade a prevenção e o enfrentamento à epidemia causada pelo Coronavírus. Entre as determinações que o Decreto 19.163 traz, destacam-se:

  • O fechamento de tabacarias, adegas de varejo, bares, food trucks, carrinhos de alimentação em geral, casas de shows, casas noturnas e afins, clubes sociais, esportivos, parques, feiras noturnas, shopping centers, lojas de departamento e academias;
  • O fechamento do mercado municipal aos domingos, mas faculta o funcionamento dos boxes dos permissionários a partir do dia 23 de março, durante a semana;
  • Fica proibida a realização de eventos e de reuniões de qualquer natureza, de caráter público ou privado, incluídas excursões, cursos presenciais, confraternizações, festas, missas e cultos religiosos, com mais de 50 (cinquenta) pessoas;
  • Os estabelecimentos comerciais devem fixar horários ou setores exclusivos para atender os clientes com idade superior ou igual a 60 anos e aqueles grupos de risco;
  • Os fornecedores e comerciantes devem estabelecer limites quantitativos para a aquisição de bens essenciais à saúde, à higiene, à alimentação, sempre que necessário para evitar o esvaziamento do estoque de tais produtos;

A íntegra da live realizada nesta sexta está disponível no Facebook.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

2 comentários sobre “Coronavírus: Mogi decreta estado de calamidade pública

escrever comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s