🏀 Novo Basquete Brasil 2018/2019 – rodada 18

O Mogi das Cruzes/Helbor continua imparável no NBB CAIXA. Nesta segunda-feira, 21/01/2019, diante do Life Fitness/Minas, o time comandado por Guerrinha bateu a equipe mineira por 65 a 64, no Ginásio Prof. Hugo Ramos, e emplacou sua oitava vitória seguida na competição.

O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com o patrocínio máster da CAIXA, os patrocínios de INFRAERO, Avianca, Nike e Penalty e os apoios de UNISAL, Açúcar Guarani, Ministério do Esporte e Governo Federal.

Com a vitória, o Mogi emplacou a oitava vitória seguida no NBB CAIXA, e agora ocupa a terceira colocação da competição – 14 vitórias em 18 jogos; 77,8% de aproveitamento. Já o Minas, que vinha de vitória, sofreu mais um revés na competição. Na oitava colocação, o time mineiro, agora, detém campanha de sete triunfos em 18 partidas – 38,9% de aproveitamento.

JP Batista foi o nome do Mogi na partida. Com um duplo-duplo de dez pontos e incríveis 22 rebotes – recorde do atleta no NBB, com 11 rebotes ofensivos e 11 defensivos -, o pivô mogiano foi essencial para o triunfo sobre a equipe mineira.

Equipe do Mogi. Foto: LNB

Já na equipe mineira, Gegê foi quem mais se destacou. Ao todo, o armador da equipe mineira foi o autor de 16 pontos na partida e foi o cestinha do time comandado por Flávio Espiga no jogo.

O nome do primeiro quarto da partida foi o armador Gegê, do Minas. Titular durante todo o período, o atleta fechou o quarto com oito pontos e, de quebra, diminuiu a vantagem do Mogi na ida para o segundo quarto (18 a 16).

Se no primeiro período, Gegê conseguiu impor um bom ritmo e diminuir a vantagem do Mogi na partida, no segundo a história foi outra. Com ótima atuação do ala Shamell, com oito pontos, e também do pivô João Pedro, com seis, o Mogi conseguiu abrir sete pontos de frente na ida para o intervalo.

Na volta do intervalo o Minas esboçou uma reação e, sem sucesso, foi para o último período seis pontos atrás no placar (53 a 47).

Já no último quarto, o jogo ficou mais emocionante do que nunca. Após ambas equipes se revezaram na liderança do resultado, o Mogi assumiu a dianteira do placar com 12 segundos para o fim. A diferença, até então, era de um ponto (65 a 64) e a equipe comandada por Guerrinha se viu sem a posse da bola e com a missão de frear uma reação do time mineiro. Como esperado, a equipe comandada por Flávio Espiga foi com tudo para o ataque, mas após o passe de Gegê ser interceptado por Arthur Pecos, do Mogi, os números finais foram decretados no confronto.

“O meu papel aqui é tentar dar o meu máximo para ajudar todo mundo e, caso eu não esteja bem, é mais difícil auxiliar a minha equipe. Temos que nos concentrar um pouco mais e tentar ajudar o clube da melhor forma e, felizmente, hoje deu certo”, disse o armador Pecos, do Mogi.

Próxima parada: Agora, após mais uma vitória, o Mogi somente entrará em quadra neste sábado, 26/01, diante do Flamengo, no Ginásio Prof. Hugo Ramos, às 14h00, com transmissão da Band. Já o Minas, com o revés, irá atrás de uma recuperação no duelo com o Paulistano/Corpore, na próxima quarta-feira, 30/01, na Arena Minas Tênis Clube, às 20h00, com transmissão ao vivo no Twitter do NBB.

Fonte: Liga Nacional de Basquete

Anúncios

escrever comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s