🏀 Novo Basquete Brasil 2018/2019 – rodada 12

O Mogi das Cruzes/Helbor venceu pelo NBB CAIXA 2018/2019. Em jogo pegado, com prorrogação e final dramático, Mogi consegue virada na raça sobre o Corinthians, por 102 a 96, no Ginásio Prof. Hugo Ramos, e garantiu uma das vagas na Copa Super 8.

O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com o patrocínio máster da CAIXA, os patrocínios de INFRAERO, Avianca, Nike e Penalty e os apoios de UNISAL, Açúcar Guarani, Ministério do Esporte e Governo Federal.

Com a vitória, o Mogi, quarto colocado, ficou com campanha de oito vitórias em 12 jogos (66,7% de aproveitamento) e carimbou uma vaga na Copa Super 8. Já o Corinthians, com o revés, viu a chance de se qualificar entre os oito que vão para a Copa Super 8 ficar mais longe. Com campanha de quatro triunfos em 12 partidas (33,3% de aproveitamento), o alvinegro ocupa a décima colocação do NBB CAIXA 2018/2019.

Dois jogadores dividiram o título de cestinha da partida: o pivô JP Batista, do Mogi, e o ala/pivô Giovannoni, do Corinthians. Decisivos, cada um contribuiu com 27 pontos e foram essenciais para que se concretizasse um placar tão alto após o apito final.

Além dos 27 pontos, o pivô JP Batista contribuiu com 13 rebotes, além de atingir 31 no índice de eficiência. Único jogador na partida com um duplo-duplo e o atleta com o maior índice de eficiência no jogo. Partida digna de aplausos para JP Batista.

Disputa de bola. Foto: LNB

Com um jogo muito aberto e de muitos pontos, o primeiro quarto ficou marcado pela grande atuação do pivô JP Batista, do Mogi, que liderou a equipe o time mogiano no ataque ao contribuir com 11 pontos na primeira parcial. Mesmo com essa situação, o ataque do Corinthians não decepcionou e, com boa atuação do armador norte-americano Fuller e do ala/pivô Giovannoni, ambos com seis pontos no período, conseguiu segurar o ataque do Mogi e ir para o segundo quarto com a vantagem (24 a 21).

Na volta para os dez minutos finais do primeiro tempo, a dupla Uruguaia do Corinthians, formada pelo armador Parodi, com oito pontos no período, e pelo ala Aguiar, com sete pontos na parcial, foi decisiva para o êxito do Timão no segundo quarto. Ao todo, os dois contribuíram com 15 dos 26 pontos marcados pelo Corinthians no segundo quarto, o que foi suficiente para o time alvinegro ir para o intervalo à frente no placar, mesmo após a boa atuação do ala Gui Deodato, do Mogi, com 10 pontos no período (50 a 46).

O início do terceiro quarto foi todo do Corinthians. Com o equilíbrio da rotação do elenco e o bom aproveitamento nos chutes, o time alvinegro chegou a abrir sete pontos de vantagem, mas viu essa distancia diminuir nos últimos cinco minutos da parcial. Já no último minuto da partida, o Mogi encostou no placar e reduziu a vantagem (68 a 63).

Nos dez minutos finais, o Corinthians manteve o ritmo e esteve na liderança no placar por todo o último quarto. Nos segundos finais, no momento em que o jogo estava 86 a 83, o jogo caminhava para um triunfo importante do Corinthians, mas após falta cometida pelo uruguaio Parodi sobre Arthur Pecos, o Mogi foi para a linha de lance livre com direito a dois chutes. A primeira cobrança foi convertida, mas após errar a segunda e a bola sobrar no garrafão, o pivô João Pedro, que acabará de entrar, converteu dois pontos e levou o jogo para a prorrogação.

Com a moral abalada após o final do quarto período, o Corinthians voltou mal, sofreu a virada com bola de dois pontos do armador Arthur Pecos, e não conseguiu mais retomar a dianteira. Já no final, o time mogiano uniu um bom aproveitamento ofensivo com uma forte defesa e, dessa forma, anulou qualquer chance do time do Parque São Jorge vencer o jogo.

Próxima parada: Agora o Corinthians receberá em seus domínios o Sendi/Bauru Basket, no próximo sábado, 15/12, no Ginásio Wlamir Marques, às 14h00, com transmissão ao vivo na Band. Já o Mogi, na próxima sexta-feira, 14/12, viajará para o Rio de Janeiro e medirá forças com o Vasco da Gama, no Ginásio de São Januário, com transmissão ao vivo do FoxSports.

Fonte: Liga Nacional de Basquete

Anúncios