🏀 Novo Basquete Brasil 2018/2019 – rodada 9

Mogi das Cruzes/Helbor e Sendi/Bauru Basket fizeram um jogo bastante equilibrado na noite desta quinta-feira, 15/11/2018. Atuando em casa, no Ginásio Hugo Ramos, o time mogiano contou com atuações decisivas de Shamell e JP Batista para vencer, por 73 a 67, e chegar ao terceiro triunfo seguido no NBB CAIXA.

O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com o patrocínio máster da CAIXA, os patrocínios de INFRAERO, Avianca, Nike e Penalty e os apoios de UNISAL, Açúcar Guarani, Ministério do Esporte e Governo Federal.

JP Batista e Shamell foram os grandes responsáveis pela vitória do Mogi. O pivô deixou a quadra com um duplo-duplo de 19 pontos e dez rebotes, além de somar três assistências e três bolas recuperadas. Já o ala norte-americano foi clutch e marcou 12 de seus 17 pontos no último quarto.

Com a diferença no placar em apenas dois pontos no início do último quarto, Shamell tratou de “colocar a bola debaixo do braço”. Mesmo não fazendo grande partida até então, o norte-americano chamou a responsabilidade no quarto período e liderou o ataque mogiano na reta final da partida.

Gruber, do Mogi. Foto: LNB

Depois de vencer seu terceiro jogo seguido, o time do técnico Guerrinha voltou a igualar a campanha do quarto colocado EC Pinheiros, com um total de seis vitórias em nove jogos. Do outro lado, o Bauru sofreu sua oitava derrota em 11 partidas disputadas e caiu para a 12 posição.

Outro nome importante do Mogi nesta quinta foi Gui Deodato. Atuando mais uma vez diante da equipe que o revelou, o jogador nascido em Bauru deixou a quadra com 15 pontos e três bolas recuperadas.

“Foi um jogo difícil. Bauru é uma equipe muito bem treinada e nos trouxe muita dificuldade. A gente poderia ter feito um trabalho melhor e erramos algumas bolas fáceis, que poderia nos dar uma vantagem maior. Mas foi uma vitória muito importante e que nos mantém entre os primeiros colocados”, disse o pivô mogiano, que deixou a quadra com 26 de eficiência (maior marca do jogo).

O Dragão atuou mais uma vez extremamente desfalcado. Além de Alex Garcia e Gabriel Jaú, que se recuperam de lesões no joelho, o técnico Demétrius também não contou com Jefferson William, Gustavo Basílio, Cauê Verzola, Gui Santos e Samuel.

Mesmo com todos os desfalques, Bauru fez um jogo de igual para igual praticamente todo o tempo. Para isso, a equipe contou com boas atuações de Lucas Mariano (20 pontos e sete rebotes), Ruiz (15 pontos, oito rebotes e cinco assistências) e Fúlvio (14 pontos).

Como nossa rotação está pequena, acaba pesando um pouco no fim do jogo e chegamos com a perna pesada. Mas temos que valorizar a postura da equipe, que ,lutou o o tempo todo e fez um bom jogo, apesar da derrota. Agora é descansar e ir com tudo na briga pela vaga na final da Liga Sul-Americana”, disse o pivô bauruense Lucas Mariano.

O próximo adversário do Mogi no NBB CAIXA será o Sesi Franca Basquete. Nesta segunda-feira, 19/11, as equipes se enfrentarão no Ginásio Hugo Ramos, às 20h00, com transmissão ao vivo pelo Facebook (@NBB).

Fonte: Liga Nacional de Basquete

Anúncios