🏀 Novo Basquete Brasil 2017/2018 – rodada 7

Depois de perder sua invencibilidade no NBB CAIXA para o Banrisul/Caxias do Sul Basquete fora de casa, o Mogi das Cruzes/Helbor retomou o rumo das vitórias na noite deste sábado, 09/12/2017. Com boa vantagem construída no segundo quarto, a equipe do técnico Guerrinha levou a melhor sobre o Joinville/AABJ, por 67 a 61, no Centreventos Cau Hansen, na cidade catarinense, e assumiu a vice-liderança da competição.

O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com o patrocínio master da CAIXA, os patrocínios da SKY, INFRAERO, Avianca, Nike e Penalty e o apoio do Ministério do Esporte.

De volta ao rumo das vitórias depois de perder sua invencibilidade no NBB CAIXA, o time mogiano assumiu a vice-liderança da competição, com campanha de seis resultados positivos em sete oportunidades (85,7% de aproveitamento). Já o Joinville sofreu seu quarto revés em seis jogos (33,3% de aproveitamento) e segue estacionado na 11ª colocação.

O Mogi teve como destaque um atleta de poucos holofotes, mas sempre eficiente: o ala/pivô Fabrício. Com 18 pontos (3/7 nas bolas de 3 pontos), o jogador supriu bem a ausência do pivô Caio Torres, que ficará fora de combate por três semanas devido a uma lesão no joelho, e foi o cestinha do duelo em Santa Catarina, além de ter registrado sua maior marca na atual temporada.

Larry Taylor, do Mogi. Foto: Emanuel Wolff/Caxias Basquete

Além de Fabrício, os mogianos construíram sua pontuação na partida através dos alas Jimmy e Shamell, responsáveis por 14 e 12 pontos, respectivamente, e dos homens titulares no garrafão, Wesley Sena, com nove pontos, e Tyrone, que também registrou nove pontos e beirou o duplo-duplo ao pegar dez rebotes.

“A gente jogou pela vitória. Desenvolvemos um bom jogo e conseguimos finalizar a partida. Ainda está faltando muito a parte ofensiva do time. Estamos com problema de contusão, o Tyrone está jogando no sacrifício, porque virou o pé contra Caxias e está tirando um pouco o jogo dele. Mas hoje conseguimos uma rotação muito boa. O Vithinho, o Fabricio e o Gui (Filipin) entraram bem e isso nos ajudou muito a pôr uma diferença no segundo quarto que nos deu a vitória. Depois fomos revezando”, disse o técnico Guerrinha.

“É um momento que o time precisa evoluir ofensivamente. Defensivamente a gente está marcando bem, mas no ataque está faltando mais a produção individual. Estamos arremessando livres, criando condições, mas não estamos aproveitando. Às vezes é o momento, é a sequência de dois jogos com essas contusões. Mas tenho certeza que jogando em casa, diante da nossa torcida, mesmo sem o Caio e com esses problemas, vamos descansar domingo e fazer bons jogos e sair com as vitórias”, concluiu o técnico do Mogi.

E agora: O próximo compromisso do Mogi das Cruzes no NBB CAIXA será já nesta terça-feira, 12/12, contra o Sesi Franca Basquete, no Ginásio Hugo Ramos, às 20h00, com transmissão ao vivo dos canais SporTV. Por sua vez, o Joinville voltará à ação na segunda-feira, 11/12, diante do líder EC Pinheiros, novamente no Centreventos Cau Hansen, também ao vivo no Canal Campeão.

Fonte: Liga Nacional de Basquete

Anúncios