🏀 Novo Basquete Brasil 2016/2017 – rodada 30

A torcida que compareceu ao Pedrocão ficou a maior parte do tempo apreensiva, mas no fim das contas teve motivos de sobra para fazer festa. Em um duelo muito equilibrado e com várias trocas na liderança do placar, Franca prevaleceu na reta final sobre Mogi das Cruzes, venceu em casa por 82 a 78 e garantiu a classificação direta para as quartas de final.

O resultado deixou Franca em terceiro lugar do NBB CAIXA, com campanha de 19 vitórias e nove derrotas. Já Mogi das Cruzes, que entrou em quadra garantido na segunda posição, encerrou sua participação na fase de classificação com 20 triunfos em 28 rodadas.

Como se classificaram entre os quatro primeiros aos playoffs, tanto Franca quanto Mogi das Cruzes descansarão nas oitavas de final e entrarão direto nas quartas.

A vitória em Franca seria a nona consecutiva do Mogi das Cruzes, o que registraria um novo recorde de invencibilidade desta edição do NBB CAIXA. Como isso não aconteceu, o time paulista permaneceu com oito vitórias seguidas, marca igual a que teve o Flamengo no primeiro turno.

Larry Taylor, do Mogi. Foto: Newton Nogueira

A segunda posição representa a melhor de Mogi das Cruzes na fase de classificação em toda a sua história no NBB CAIXA. Já Franca não conseguia se classificar entre os quatro melhores desde a temporada 2010/11, a mesma em que foi vice-campeão.

“Isso o que aconteceu é emocionante. Eu via isso desde criança, via esse ginásio lotado, hoje estou aqui e é um sonho realizado. A gente está cada vez mais consistente. Precisamos melhorar cada vez mais e vamos buscar o título. É importante ir direto para as quartas não pelo descanso, mas por podermos pular uma fase em um campeonato tão perigoso”, disse Alexey, armador de Franca.

Alexey foi o grande destaque da vitória francana. O armador anotou 12 dos seus 16 pontos no segundo tempo, além de ainda ter distribuído oito assistências e apanhado três rebotes. O índice de 21 em eficiência foi o mais alto da partida.

Franca teve ainda o cestinha da partida, já que o ala-armador Pedro anotou 20 pontos. Isaac e Cauê colaboraram para o time da casa com 14 e 13 pontos, respectivamente. Outro que colaborou bastante foi o ala-pivô Lucas Cipolini, com sete pontos e dez rebotes.

No time de Mogi, Shamell anotou 14 dos seus 18 pontos no segundo tempo e ainda somou seis rebotes e quatro assistências. O armador Vithinho saiu do banco de reservas para acertar três bolas de três e anotar 13 pontos. Outro destaque foi o ala-pivô Tyrone, com dez pontos e sete rebotes.

Fonte: Liga Nacional de Basquete

Anúncios