🏀 Novo Basquete Brasil 2016/2017 – rodada 8 (partida remarcada)

O Mogi das Cruzes/Helbor conquistou um importante triunfo na briga pelo G-4 do NBB CAIXA 2016/2017. Após duas derrotas seguidas, a equipe paulista derrotou o Universo/Vitória, por 75 a 72, na noite deste domingo, 22/01/2017, no Ginásio “Professor Hugo Ramos”, e voltou a vencer no maior campeonato de basquete do país.

Agora, Mogi soma oito resultados positivos em 14 jogos (57,1% de aproveitamento) e igualou a campanha de outras quatro equipes que brigam “cabeça a cabeça” pelo quarto lugar – Vasco da Gama, Paulistano/Corpore, EC Pinheiros e Gocil/Bauru Basket . Por conta dos critérios de desempate quem ocupa momentaneamente a última vaga do G-4 é o Vasco.

Na briga pelo grupo dos quatro primeiros colocados, Mogi garantiu um importante resultado positivo sobre o Vitória, dono da terceira posição, com campanha de 64,3% de aproveitamento (nove triunfos em 14 jogos). Sendo assim, o time do técnico Guerrinha largou na frente pela vantagem no confronto direto (primeiro critério de desempate) com a equipe baiana.

Após abrir 21 pontos ao final do primeiro tempo, Mogi precisou segurar uma grande reação do Vitória para confirmar o resultado positivo. No minuto final da partida, a diferença no placar chegou a cair para um ponto, mas Shamell converteu dois lances livres restando oito segundos para o fim e selou o triunfo.

NBB 2016/2017
Jimmy, do Mogi, e Dawkins, do Vitória. Foto: Antonio Penedo/ Mogi-Helbor

Caio Torres foi o cestinha do time mogiano, com 19 pontos, seguido por Tyrone, que marcou 16 pontos. Autor de 15 pontos, Shamell foi outra figura importante pela equipe vencedora, assim como o armador Elinho, que deixou a quadra com 14 pontos.

Titular pela segunda vez consecutiva devido à ausência do lesionado Larry Taylor, Elinho teve sua melhor atuação no NBB CAIXA 16/17. Os 14 pontos marcados representam sua maior marca na temporada e o camisa 5 ainda contribuiu com quatro assistências e duas bolas recuperadas.

“A gente vinha de duas derrotas e a vitória foi muito boa para dar um ânimo. Das metas que a gente colocou, a gente conseguiu fazer todas e a gente precisava disso para chegar mais perto do grupo da frente”, disse Elinho.

Assim como Mogi, Vitória contou com boas atuações de quatro jogadores. Arthur foi o cestinha da equipe, com 17 pontos, enquanto que Kurtz e Keyron marcaram 15 pontos cada. Por sua vez, Kenny Dawkins contribuiu com 14 pontos.

No primeiro tempo, Mogi converteu expressivas 12 bolas de três pontos em 19 tentativas (aproveitamento de 63,1%). Já no segundo tempo, a equipe não converteu nenhum arremesso de longa distância em oito tentados. Foram 53 pontos dos donos da casa nos 20 minutos iniciais e apenas 22 na segunda metade da partida.

“É uma vitória de superação, dedicação e de qualidade no começo. Depois caiu muito, mas o importante foi ganharmos agora. O Elinho, por exemplo, jogou muito bem ofensivamente no primeiro tempo e depois não. Precisamos ganhar mais jogadores, para quando o Larry voltar, a gente ter um elenco de oito jogadores que a gente possa contar no revezamento”, analisou o comandante mogiano Guerrinha.

E agora? Mogi voltará à quadra nesta quarta-feira, 25/01, para enfrentar a Liga Sorocabana, fora de casa. Já o Vitória terá como próximo compromisso no NBB CAIXA o duelo contra o EC Pinheiros, em Salvador, na sexta-feira, 27/01.

Fonte: Liga Nacional de Basquete

Anúncios