⚡️Curtas (07/12/2016)

Centro de Bem-Estar Animal promove feira de adoção

O Centro de Bem-Estar Animal de Mogi das Cruzes promove, neste sábado, 10/12/2016, das 9h00 às 13h00, a 1ª Feira de Adoção de Animais.

O Centro de Bem-Estar Animal oferece atendimento clínico e cirúrgico para cães e gatos, sendo voltado a animais de proprietários residentes em Mogi das Cruzes, com preferência para a população carente ou incluída em programas sociais; animais resgatados pela equipe do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), comprovadamente sem proprietário (errantes, abandonados ou vítimas de maus-tratos), oferecendo condições para posterior adoção em feiras.

Centro de Bem-Estar Animal
Equipe do Centro de Bem-Estar Animal garante cuidados necessário para a recuperação dos cães e gatos atendidos na unidade. Foto: Guilherme Berti/ PMMC

O primeiro evento de adoção do Centro de Bem-Estar Animal será realizado neste sábado e disponibilizará 21 animais (seis gatos e 15 cães) resgatados pelo CCZ ou abandonados e tratados e recuperados pela equipe de profissionais do Centro. O Centro de Bem-Estar Animal conta com 345 m², divididos em dois blocos: Clínica e Canil/Gatil. O atendimento é realizado de segunda a sexta-feira, das 8h00 às 17h00, sendo o período da manhã dedicado às consultas e retornos e o período da tarde para as cirurgias. A retirada de senhas para os atendimentos acontece das 8h00 às 10h00 e a prioridade é para os casos de maior urgência e emergência, não sendo realizadas consultas de rotina ou check-ups médicos.

Para garantir o atendimento, o proprietário deve comparecer munido de documentos pessoais (RG e CPF) e comprovante de endereço, além do comprovante de inclusão em algum programa social, já que a unidade prioriza o atendimento às famílias de baixa renda.

O Centro de Bem-Estar Animal fica na Estrada de Santa Catarina, nº 2.570, em Cezar de Souza, ao lado do Centro de Controle de Zoonoses. Mais informações pelo telefone 4699-1957.

Cantata de Natal

No próximo dia 14 de dezembro, a programação cultural especial para o Natal 2016 de Mogi das Cruzes viverá um momento muito especial, com a realização da 3ª edição da Cantata de Natal. A apresentação, que já é conhecida do público mogiano, vai reunir quase 300 coralistas, mais 50 músicos da Orquestra Sinfônica Jovem de Mogi das Cruzes, além de artistas em participações especiais, em um grande concerto na Catedral de Santana (Igreja Matriz), que promete emocionar.

As participações especiais ficam por conta do tenor Sergio Wernec, que vai cantar duas canções, da pianista Alex Sandra Grossi, além da escola de bailado Marcela Campos. A Cantata de Natal terá início às 20h00 e vai reunir ao todo sete corais. São eles: Coral 1º de Setembro, Anjos da Paróquia Santa Cruz, coral da Apampesp, coral Arkturos, Canarinhos do Itapety, coral do Cecan e o coral Musicativa.

Cantata de Natal
A 3ª Cantata de Natal vai acontecer no próximo dia 14 e vai reunir quase 300 coralistas, mais 50 integrantes da Orquestra Sinfônica Jovem de Mogi, na Catedral de Santana. Foto: PMMC

O repertório é composto por 10 músicas. São elas: “A Christmas Festival”, de Leroy Anderson – 1952, “Ave Maria”, de Charles Gounod – 1859, “Coro dos Ferreiros”, de Giuseppe Verdi – 1853, “Nessun Dorna”, de Giacomo Puccini – 1926, “Aleluia”, de Georg F. Händel – 1741, “Boas Festas”, de Assis Valente – 1932, “Jesus Alegria dos Homens”, de J.S. Bach – 1716, “Noite Feliz”, de Franz Gruber – 1818, “Glória”, que é uma melodia tradicional francesa de autor desconhecido e “Adeste Fidelis”, de John Francis Wade – 1743. Destas, “Ave Maria” e “Nessun Dorna” serão interpretadas pelo tenor Sérgio Wernec.

A Cantata de Natal 2016 terá início às 20h00 do dia 14 de dezembro, na Catedral de Santana. A entrada é gratuita. Mais informações pelo telefone 4798-6900.

Prédio da Banda Santa Cecília é reinaugurado

O imóvel, que faz parte do patrimônio arquitetônico e cultural do município, passou por uma ampla reforma, custeada pela Prefeitura de Mogi das Cruzes e poderá novamente ser a sede administrativa da corporação musical. Para celebrar a reabertura do imóvel, a Banda Santa Cecília, que também foi reestruturada e está com novo regente e novos músicos, fez uma apresentação pública na Praça Monsenhor Roque Pinto de Barros, em frente ao Centro Cultural de Mogi das Cruzes.

Estamos hoje reinserindo a Banda Santa Cecília na história e no convívio da cidade. A mesma Banda Santa Cecília que foi desativada e que teve o prédio fechado. Ela, juntamente ao prédio, foi absorvida pela Prefeitura de Mogi das Cruzes e hoje estamos devolvendo também o prédio à cidade. Depois de entregas importantes, como o Centro Cultural e a Pinacoteca, é muito bom poder novamente presentear a cidade com algo assim. E, somando tudo isso à iluminação de Natal, podemos dizer que o Centro da cidade hoje tem um ambiente extremamente acolhedor. Tudo isso enriquece e torna a cidade mais humana”, destacou o prefeito, Marco Bertaiolli.

Prédio da Corporação Musical Santa Cecília
Uma vez reestruturada, a Banda Santa Cecília, que reúne atualmente 16 músicos, fez também a gravação de seu primeiro CD. Foto: Ney Sarmento/ PMMC

A reforma na parte interna teve investimento de R$ 70 mil da Prefeitura de Mogi das Cruzes e compreendeu a revisão de todas as instalações hidráulicas e elétricas, a troca de pisos e azulejos, reforma da cozinha, copa e banheiros, troca de mobiliário e pintura geral, com o cuidado de preservar pinturas históricas existentes dentro do imóvel. A fachada também foi inteiramente reformada, trabalho este executado pela empresa Topus Terra, sem custos para a Administração Municipal.

O prédio tem 114,40 m² de área e, arquitetonicamente, tem estilo eclético. Ele fica no raio de proteção de 300 metros a partir das Igrejas do Carmo e está em processo de tombamento pelo Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural, Artístico e Paisagístico de Mogi das Cruzes.

Anúncios