Curtas (14/10/2015)

Acesso de pedestres na Rua Braz Cubas é fechado

O acesso de pedestres pela Rua Braz Cubas, na esquina com a Rua Dr. Ricardo Vilela, foi fechado nesta terça-feira, 13/10, e permanecerá assim pelas próximas três semanas, para a realização das obras de escavação do túnel 2 da passagem subterrânea da Praça Sacadura Cabral. A orientação é para que os mogianos utilizem as ruas Dr. Ricardo Vilela e Princesa Isabel de Bragança para acessar a estação ferroviária da CPTM.

A escavação do túnel 2 teve início no dia 23 de setembro e vem transcorrendo em ritmo acelerado. O túnel ligará as ruas Dr. Ricardo Vilela, no Centro, e Hamilton da Silva e Costa, no Mogilar.

Praça Sacadura Cabral
A previsão é de que o túnel seja concluído em setembro do ano que vem, permitindo a travessia entre as duas regiões da cidade sem as interrupções causadas pelo sobe e desce das cancelas dos trens da CPTM. Foto: PMMC

Inscrições para última etapa da pré-escola

Escolas municipais receberão até sexta-feira, 16/10, inscrições para matrículas nas turmas de Infantil IV em período parcial, destinada a crianças que completarão cinco anos até 31 de março de 2016. Para fazer a inscrição, pais ou responsáveis poderão procurar a unidade escolar mais próxima de sua residência e levar a certidão de nascimento, comprovante de endereço e carteira de vacinação. A pré-escola terá matrícula obrigatória a partir do próximo ano.

A rede municipal já atende 100% deste nível de ensino, que compreende alunos com idade entre quatro e cinco anos.

Na próxima semana, entre os dias 20 e 23 de outubro, poderão ser inscritos alunos que completam quatro anos até 31 de março de 2016, faixa etária das turmas de Infantil III também em período parcial. A documentação exigida é a mesma.

Pedágio municipal na Mogi-Bertioga

Em sessão ordinária na tarde desta terça-feira, 13/10, o vereador Olimpio Tomiyama sugeriu que seja criado na Rodovia Mogi-Bertioga (SP-98) um pedágio municipal para turistas. A ideia do parlamentar é que seja concedida isenção de pagamento para veículos com placas de Mogi das Cruzes.

Estava voltando no domingo, por volta das 9h30, na Mogi-Bertioga (SP-98), e me deparei com intenso congestionamento na altura do quilômetro 6. Sugiro que sigamos o exemplo de cidades como Iguape e Pindamonhangaba para adotarmos o pedágio municipal. Automóveis com placas de Mogi não pagariam. Quero ainda pedir que a Comissão de Obras avalie o que pode ser feito. Este verão vai prejudicar os moradores de Mogi”, disse o Tomiyama.

O presidente da Comissão de Obras e Habitação, Carlos Evaristo, lembrou que chegou a ser contrário à ideia, mas ficou de revê-la diante da hipótese de os carros de Mogi ficarem de fora da obrigação de pagamento. “Já fui contra, mas gosto da colocação de isentar o morador da Cidade. Pensando desta forma acho plausível porque há danos e custos. Então que a Casa possa discutir a legalidade disso”.

Acatando um pedido do vereador Juliano Abe, Olimpio sugeriu que o tema seja abordado em audiência pública sobre mobilidade urbana marcada para as 19h00 desta quarta-feira, 14/10, pelo vereador Cláudio Miyake.

Anúncios