Rede Bom Prato comemora o Dia da Criança nesta sexta (09/10/2015)

Nesta sexta-feira (09/10/2015), 47 unidades do Bom Prato vão antecipar as comemorações do Dia da Criança com um almoço especial. Mesmo com cardápio diferenciado, o valor nutricional de 1.200 calorias e o custo de R$ 1 não sofrem alterações. Crianças até 6 anos não pagam.

O almoço começa a ser servido às 10h30 para o público prioritário (crianças, idosos e pessoas com deficiência) e, às 11h00, para público em geral que terá a oportunidade de saborear um cardápio diferenciado.

Veja aqui o cardápio completo de cada restaurante

Somente as unidades de Jundiaí e Tucuruvi não entram na programação, pois anteciparam a comemoração para o dia 03 de outubro.

Para o secretário de Estado de Desenvolvimento Social, Floriano Pesaro, “garantir a segurança alimentar das pessoas é a prioridade deste importante Programa criado pelo governador de São Paulo, Geraldo Alckmin. Vamos celebrar esta data tão especial com a oferta de refeição saudável e acessível a todos“.

A unidade Mogi das Cruzes servirá salada de pepinosobrecoxa assadamacarrão à fantasia, suco de laranja com acerolasalada de frutas de sobremesa.

O Bom Prato de Mogi atende na Rua Prof. Flaviano de Melo, nº 378 – Centro (veja no mapa)

Bom Prato de Mogi das Cruzes
O serviço começa a funcionar a partir das 10h30 e segue até o término da cota diária de almoços. Foto: Secretaria de Desenvolvimento Social

Sobre o Bom Prato

O programa de segurança alimentar do Governo do Estado de São Paulo foi criado em dezembro de 2000 com objetivo de oferecer à população de baixa renda, refeições saudáveis e de alta qualidade a custo acessível.

Atualmente há 49 unidades no Estado, sendo 22 localizadas na Capital e as demais na Grande São Paulo, litoral e interior. A rede de restaurantes Bom Prato serve diariamente cerca de 84 mil refeições (são 80,4 mil durante a semana e mais 3,7 mil no fim de semana na unidade de Campos Elíseos).

O almoço, com 1.200 calorias, feito de arroz, feijão, salada, legumes, um tipo de carne, farinha de mandioca, pãozinho, suco e sobremesa (geralmente uma fruta da época) tem custo de R$ 1,00 para o usuário. O subsídio governamental é de R$ 3,50 para adultos e de R$ 4,50 para crianças com até 6 anos, que tem a refeição gratuita.

Já o café da manhã tem leite com café, achocolatado ou iogurte, pão com margarina, requeijão ou frios e uma fruta da estação. A refeição tem 400 calorias em média e custa R$ 0,50 ao usuário. Em setembro de 2011 o serviço foi implantado em todos os restaurantes, com subsídio do Estado no valor de R$ 0,80 por refeição matinal.

Desde a implantação do Programa Bom Prato, foram servidas mais de 146,4 milhões de refeições e investidos mais de R$ 358,5 milhões entre custeio das refeições, implantação e revitalização das unidades.

Fonte: Secretaria de Desenvolvimento Social

Anúncios