Agenda Cultural: 17 a 19 de abril/2015

Confira a Agenda Cultural deste fim de semana em Mogi das Cruzes:

17/04 – SEXTA-FEIRA

Das 08h00 às 18h00 (Casarão do Carmo)
Evento: Exposição ‘NEGRAÍZ 2’
Festival de Arte Popular
Ingressos: Gratuito 🙂
Recomendação: Livre
Pinturas em telas e esculturas do artista plástico Jorge Solyano

Festival de Arte Popular

Das 08h00 às 20h00 (Sesi Mogi das Cruzes)
Evento: Exposição ‘Flores e Liquens dos Campos de Altitude’
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
A pedido do monge zen budista Koguen Gouvea, que queria uma foto para a capa de seu livro, o fotógrafo Juvenal Pereira partiu, em janeiro de 2008, para a região do Pico das Agulhas Negras, na divisa dos Estados do Rio de Janeiro e de Minas Gerais, e para a Pedra da Macela, fronteira entre São Paulo e Rio de Janeiro. Numa madrugada do outono chegou ao cume do Pico, para registrar o nascer do sol. Fez então várias fotos deslumbrantes, e na descida viu as flores orvalhadas, que foi fotografando durante o caminho de volta. A mostra é a síntese desse ensaio, fruto da observação sensível da natureza e de sua beleza exuberante.

Das 10h00 às 16h00 (Praça Oswaldo Cruz)
Evento: Feira de Artesanato ‘Mogi feita à Mão’
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Além de atrações musicais do projeto Arte na Praça, cerca de 60 artesãos expõem seus trabalhos em madeira, tecido, fibras, contas e miçangas, biscuit, arames, papel, cosméticos, linhas e lãs, bambu, PVC, EVA, cabaça, entre outros materiais.

Das 16h00 às 20h00 (Galpão Arthur Netto)
Evento: Rumo ao Bojador (Exposição do artista plástico mogiano Guilherme Cota) [até 26/04]
Ingressos: Gratuito 🙂
Recomendação: Livre
A exposição tem características muito próprias, pois além de contar com a apreciação das obras, o público, iniciado ou não, poderá ter contato com o processo de criação e produção do artista. Isso porque haverá 04 oficinas de impressão de gravuras em metal, nos dias 06, 13, 20 e 27 de março, coordenadas pelo próprio Guilherme, que tem o objetivo de aproximar as pessoas do universo das artes plásticas. “O sistema de produção e exposição de artes plásticas é muito elitista e excludente, ficando muito restrito sempre a um grupo de pessoas. Por isso escolhi para essa exposição obras que despertem a curiosidade de comoção das pessoas, e decidi também não expor qualquer objetivo ou pensamento conceitual explícito na exposição“, explica Guilherme. “A ideia é aproximar o público da produção de maneira simples e direta, colocando literalmente a mão na massa“, finaliza o artista.
Informações: facebook.com/galpaoarthurnetto

Rumo ao Bojador – Guilherme Cota from pedrozappa on Vimeo.

18h00 (Largo do Carmo)
Espetáculo: ‘A Folia no Terreiro de seu Mané Pacaru’ (Teatro de Mamulengo da Folia – ProAC)
Ingressos: Gratuito 🙂
Duração: 50 minutos
Recomendação: Livre
‘A Folia no Terreiro de seu Mané Pacaru’ é um espetáculo de mamulengo, onde os personagens que aparecem para esta festa são, muitos deles, clássicos da cultura popular e, outros, guardam parentesco próximo com a comédia Dell`Arte. Alguns entrarão ao som e sabor do improviso para contar a história do Seu Mané Pacaru que celebra o casamento de sua filha Marieta com o vaqueiro Benedito. Mas, o conflito se estabelece: o “coisa ruim” invade a festa impedindo o casamento e obrigando Marieta a se casar com ele.

19h00 (Theatro Vasques)
Evento: Abertura Oficial do Festival
Festival de Arte Popular
Ingressos: Gratuito 🙂
Recomendação: Livre
Encontro de Mestres de Congada e Moçambique do Reinado de Congos de Mogi das Cruzes. Performance: Marquinhos Cardoso. Show: Kaká Novais e convidados

18/04 – SÁBADO

Das 09h00 às 18h00 (Sesi Mogi das Cruzes)
Evento: Exposição ‘Flores e Liquens dos Campos de Altitude’
Ingressos: GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
A pedido do monge zen budista Koguen Gouvea, que queria uma foto para a capa de seu livro, o fotógrafo Juvenal Pereira partiu, em janeiro de 2008, para a região do Pico das Agulhas Negras, na divisa dos Estados do Rio de Janeiro e de Minas Gerais, e para a Pedra da Macela, fronteira entre São Paulo e Rio de Janeiro. Numa madrugada do outono chegou ao cume do Pico, para registrar o nascer do sol. Fez então várias fotos deslumbrantes, e na descida viu as flores orvalhadas, que foi fotografando durante o caminho de volta. A mostra é a síntese desse ensaio, fruto da observação sensível da natureza e de sua beleza exuberante.

Das 10h00 às 16h00 (Praça Oswaldo Cruz)
Espetáculo: Feira de Artesanato ‘Mogi feita à Mão’
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Além de atrações musicais do projeto Arte na Praça, cerca de 60 artesãos expõem seus trabalhos em madeira, tecido, fibras, contas e miçangas, biscuit, arames, papel, cosméticos, linhas e lãs, bambu, PVC, EVA, cabaça, entre outros materiais.

Das 16h00 às 20h00 (Galpão Arthur Netto)
Evento: Rumo ao Bojador (Exposição do artista plástico mogiano Guilherme Cota) [até 26/04]
Ingressos: Gratuito 🙂
Recomendação: Livre
A exposição tem características muito próprias, pois além de contar com a apreciação das obras, o público, iniciado ou não, poderá ter contato com o processo de criação e produção do artista. Isso porque haverá 04 oficinas de impressão de gravuras em metal, nos dias 06, 13, 20 e 27 de março, coordenadas pelo próprio Guilherme, que tem o objetivo de aproximar as pessoas do universo das artes plásticas. “O sistema de produção e exposição de artes plásticas é muito elitista e excludente, ficando muito restrito sempre a um grupo de pessoas. Por isso escolhi para essa exposição obras que despertem a curiosidade de comoção das pessoas, e decidi também não expor qualquer objetivo ou pensamento conceitual explícito na exposição“, explica Guilherme. “A ideia é aproximar o público da produção de maneira simples e direta, colocando literalmente a mão na massa“, finaliza o artista.
Informações: facebook.com/galpaoarthurnetto

20h00 (Galpão Arthur Netto)
Espetáculo: Amaranto (Show musical)
Ingressos: R$ 20 (inteira) / R$ 10 (meia) / R$ 15 (antecipado)
Recomendação: Livre
Duração: Não Informada
Há um ano, Dani Dias, Amanda Araújo e Jaime Ramos se juntaram para arranjar canções que tivessem essa relação com o encontro. Buscaram timbres e um repertório recheado de composições que pudessem retratar a simplicidade desse tema tão envolvente, bem como canções de compositores como Arnaldo Antunes, Socorro Lira, Mayara Nascimento e Juá de Casa Forte. Todo esse cenário envolvido pelo violão e a percussão acompanhados pelas costuras de uma boa viola caipira, e a bela voz de Amanda Araújo que nos leva à arte do “estar junto”. Um belo encontro do amar e do canto…
Informações: facebook.com/galpaoarthurnetto

Amaranto

19/04 – DOMINGO

Das 09h00 às 17h00 (Casarão do Chá)
Evento: Feira de Artesanato / exposição “Teia Mundial de Caricaturas” do caricaturista Fábio San Juan
GRATUITO 🙂
Recomendação: Livre
Artesanatos, comidas (lanche de pernil, pernil de porco assado no rolete, espetinhos de carne e de frango, comida árabe, galinhada, paella, entre outros) e produtos típicos.

Casarão do Chá. Foto: Guilherme Berti
Casarão do Chá. Foto: Guilherme Berti

10h00 (Parque Centenário)
Evento: City Tour ‘Mogi para os Mogianos’
Ingressos: R$ 5 (a primeira pessoa) e R$ 2,50 (as demais até 3 acompanhantes)
Com o objetivo de estimular os mogianos a conhecerem a própria cidade, a Prefeitura de Mogi criou o city tour “Mogi para os Mogianos”. Composto por quatro roteiros – Turismo Rural, Turismo Religioso, Turismo Cultural e Ecoturismo, as saídas são sempre aos domingos, às 10h00, do Parque Centenário, que por si só já merece uma visita.
O City Tour conta com ônibus preparado para receber o turista com todo o conforto e guias devidamente treinados para levar toda a família aos principais pontos turísticos da cidade.
Roteiro: Taiaçupeba – O passeio contemplará a região central do distrito cercada por muitas áreas naturais, além de uma visita à antiga Capela de São Sebastião.
Reservas: devem ser antecipadas e feitas no CIT – Centro de Informações Turísticas, no Parque Centenário
Informações: (11) 4726-9920

Das 16h00 às 20h00 (Galpão Arthur Netto)
Evento: Rumo ao Bojador (Exposição do artista plástico mogiano Guilherme Cota) [até 26/04]
Ingressos: Gratuito 🙂
Recomendação: Livre
A exposição tem características muito próprias, pois além de contar com a apreciação das obras, o público, iniciado ou não, poderá ter contato com o processo de criação e produção do artista. Isso porque haverá 04 oficinas de impressão de gravuras em metal, nos dias 06, 13, 20 e 27 de março, coordenadas pelo próprio Guilherme, que tem o objetivo de aproximar as pessoas do universo das artes plásticas. “O sistema de produção e exposição de artes plásticas é muito elitista e excludente, ficando muito restrito sempre a um grupo de pessoas. Por isso escolhi para essa exposição obras que despertem a curiosidade de comoção das pessoas, e decidi também não expor qualquer objetivo ou pensamento conceitual explícito na exposição“, explica Guilherme. “A ideia é aproximar o público da produção de maneira simples e direta, colocando literalmente a mão na massa“, finaliza o artista.
Informações: facebook.com/galpaoarthurnetto

ACONTECE EM MOGI:

Akimatsuri 2015

Anúncios