Novo Basquete Brasil 2014/2015 – Rodada 13

O São José/Unimed conquistou uma vitória suada e decidida nos momentos finais. Nesta segunda-feira (22/12/2014), o time de São José dos Campos superou o Mogi das Cruzes/Helbor, fora de casa, por 89 a 88 e chegou ao oitavo resultado positivo em 13 jogos na temporada 2014/2015 do NBB (61,5% de aproveitamento).

Os joseenses contaram com uma ótima apresentação do ala norte/americano Andre Laws, cestinha do jogo com 26 pontos. Quem também se destacou foi o ala Dedé, que contribuiu com mais 17. Nos momentos finais, o São José também mostrou poder de decisão e segurou a pressão dos mogianos para sair vitorioso.

Shamell, do Mogi das Cruzes, e Valtinho, do São José. Foto: Cleomar Macedo/ Divulgação
Shamell, do Mogi das Cruzes, e Valtinho, do São José. Foto: Cleomar Macedo/ Divulgação

Laws e Dedé foram os grandes responsáveis pela recuperação do São José no segundo quarto, momento em que o adversário passava por um melhor momento na partida.

A derrota deixa o Mogi das Cruzes fora do grupo dos quatro primeiros colocados. O time que teve o armador Alexandre Pinheiros como destaque, com 15 pontos, terminou o ano com sete vitórias em 11 jogos (63,6%), campanha superada pelo Minas Tênis Clube, que na última rodada bateu o Unitri/Pilhas Energizer, no clássico mineiro.

O jogo

O Mogi das Cruzes aproveitou que a mão estava quente no início do jogo para abrir boa vantagem no placar. Com uma cesta de 3 do armador Elinho, o time da casa abriu 11 a 3. O São José se preocupou com o início do adversário e, após o tempo do técnico Luiz Zanon, voltou para quadra com uma postura mais agressiva.

O ala norte-americano Andre Laws comandou a reação da equipe visitante, que aos poucos foi se recuperando no jogo. Foi ele, inclusive, com uma bola de 3 diminuiu a diferença para somente dois pontos no final do primeiro quarto (19 a 17).

Os joseenses vieram com moral para a segunda etapa e não só conseguiram a virada como também ficaram na liderança do jogo por todo o período. O ala Dedé veio muito bem do banco de reservas e foi fundamental para o bom momento do São José, que chegou a ficar nove pontos na frente no placar (40 a 31). A diferença só caiu graças a uma cesta do pivô Wagner e outra do ala Jimmy, que animaram o Mogi das Cruzes antes do intervalo (40 a 35).

Sem se intimidar com a pressão da torcida do Mogi, o São José seguiu dominando o jogo no terceiro quarto. Após uma cesta de 3 de Dedé, o time visitante colocou 11 pontos de vantagem (51 a 40).

Os mogianos contaram com boa atuação do armador Alexandre Pinheiros, que com 10 pontos na etapa, conseguiu ajudar a equipe a se recuperar um pouco nos momentos finais do período (64 a 55).

Os donos da casa continuaram em busca do placar e chegaram, logo nos primeiros minutos do último quarto, a ficar apenas três pontos atrás (69 a 66). No entanto, os joseenses conseguiram segurar a liderança até os momentos finais.

Faltando menos de um minuto para o fim da partida, os joseenses venciam por quatro pontos quando Guilherme Filipin sofreu falta ao tentar um arremesso de 3 pontos. O ala acertou todos os lances livres e o Mogi ficou apenas um ponto atrás (87 a 86). Com 19 segundos no cronômetro, Valtinho recebeu a falta e acertou apenas um dos dois arremessos livres (88 a 86).

Os mogianos foram para o ataque e Shamell recebeu falta de Betinho. O ala acertou os dois lances e empatou o confronto (88 a 88). Na possível última posse de bola, o São José trabalhou a bola e Jimmy Baxter sofreu falta de Shamell. O norte-americano acertou o primeiro lance livre e errou o segundo, na sequência, o Mogi ainda teve a chance de empatar, mas a tentativa de Alexandre Pinheiro de longe não caiu.

Outros resultados da 13ª Rodada:

Franca 73 x 79 Bauru
Minas 75 x 66 Uberlândia
Brasília 81 x 68 Basquete Cearense
Paulistano 83 x 69 Liga Sorocabana
Macaé Basquete 86 x 84 Flamengo
Rio Claro 78 x 87 Limeira

Próxima Rodada:

06/01/2015 (terça-feira) às 20h00
Mogi das Cruzes x Bauru
Ginásio Municipal de Esportes “Professor Hugo Ramos”

Fonte: Liga Nacional de Basquete

Anúncios