Novo Basquete Brasil 2013/2014 – Rodada 13

Numa partida emocionante e definida nos momentos finais, o Mogi das Cruzes/Helbor conseguiu uma vitória importante, neste domingo (05/01/2014), em casa, diante do Paschoalotto/Bauru, por 75 a 74. Esse foi o sétimo resultado positivo do time mogiano em 12 partidas disputadas no NBB (58,3% de aproveitamento).

O ala/pivô do Mogi, Marcus Toledo, foi o cestinha do jogo com 20 pontos, mas o grande nome da partida foi o pivô norte-americano Jeff Agba, que enfrentou seu ex-time pela primeira vez e foi fundamental para a vitória do time da casa.

Agba ficou perto de um duplo-duplo, com 13 pontos e nove rebotes, mas os destaques ficaram para os nove pontos consecutivos no final do jogo e a marca de 1000 rebotes que ele atingiu na partida. O norte-americano conseguiu quatro rebotes, logo no primeiro quarto, e entrou para uma lista seleta de atletas do NBB, que atingiram o número 1000 em dois fundamentos.

NBB 2013/2014
Daniel Alemão, do Mogi, e Tischer, do Bauru. Foto: Cleomar Macedo/Helbor

O Bauru começou a partida num ritmo mais acelerado que o adversário. Explorando bem o jogo interno, o time visitante conseguiu abrir uma boa vantagem no placar e se manteve assim até o final do primeiro quarto (26 a 17).

As bolas de fora começaram a cair pelo lado do Bauru, que conseguiu segurar a diferença durante boa parte do segundo período. Com bom desempenho do ala/pivô Marcus Toledo, o Mogi foi atrás do placar e chegou a ficar somente dois pontos em desvantagem, após uma cesta de 3 do ala Patekoski (37 a 35). Porém, os bauruenses voltaram a ampliar a vantagem e fecharam a etapa vencendo por 42 a 35.

Do mesmo jeito que ocorreu no período anterior, o Bauru abriu 10 pontos de frente novamente (51 a 41), mas deixou que o Mogi das Cruzes encostasse no placar no final do terceiro quarto. Marcus Toledo e o estreante Jason Smith comandaram a reação dos mogianos, que foram para o último quarto período perdendo por um ponto (54 a 53).

A pressão do time da casa se manteve no último quarto e com menos de seis minutos para o final, Patekoski acertou um arremesso de 3 que virou o jogo (60 a 59). Nada que abalasse o Bauru, que rapidamente recuperou a liderança do placar e ainda aumentou a vantagem para sete pontos (69 a 62).

Os mogianos voltaram a se reerguer na partida. Faltando um minuto para o fim do jogo, Jeff Agba acertou uma bandeja e sofreu a falta do pivô do Bauru, Murilo, lance que colocou o Mogi apenas um ponto atrás no placar (70 a 69). No ataque seguinte, o argentino Fabian Barrios acertou dois lances livres e aumentou a diferença para Bauru (72 a 69). O Mogi teve nova posse de bola e Agba matou uma bola de 3, seguida de falta de Murilo, que colocou os donos da casa na frente por 73 a 72.

Com 30 segundos no cronômetro, Ayarza sofreu falta e acertou dois lances livres para virar novamente o jogo (74 a 73). Em seguida, os mogianos foram para o ataque e após quatro tentativas erradas, Agba pegou o rebote ofensivo e sofreu falta, novamente de Murilo. O norte-americano acertou os dois lances livres (75 a 74) e deixou apenas 10 segundos para o time visitante. Com a última posse de bola na mão, o Bauru não conseguiu acertar o arremesso final.

Outros resultados da 13ª Rodada:

Palmeiras 75 x 68 Paulistano
Goiânia 53 x 62 Minas
Brasília 98 x 73 Espírito Santo
Basquete Cearense 73 x 64 Limeira

Próxima Rodada:

07/01/2014 (terça-feira) às 20h00
Mogi das Cruzes x Limeira
Ginásio Municipal de Esportes “Professor Hugo Ramos”

Fonte: Liga Nacional de Basquete

Anúncios