Novo Basquete Brasil 2013/2014 – Rodada 7

Em meio à decisão do Campeonato Paulista 2013, o Paulistano/Unimed parecia que somaria mais um revés no NBB 2013/2014, diante do Mogi das Cruzes/Helbor. Mas o técnico Gustavo De Conti resolveu arriscar e, com sua equipe 11 pontos atrás no marcador, mandou à quadra os norte-americanos Kenny Dawkins e Desmond Holloway. Poupados do primeiro tempo do duelo, os jogadores entraram em quadra pela primeira vez apenas no terceiro quarto e deram conta do recado.

No embalo da dupla de gringos, o time da capital paulista virou para cima do esquadrão mogiano e venceu o confronto realizado nesta quinta-feira (05/12/2013), no Ginásio Antonio Prado Junior, em São Paulo, por 93 a 89. Este foi o terceiro triunfo do time em seis partidas disputadas na sexta edição do maior campeonato de basquete do país.

Em apenas 17 minutos em quadra, Holloway somou 19 pontos e foi o cestinha do confronto, ao lado do ala rival Filipin. Na mesma quantidade de tempo, seu compatriota Dawkins anotou 11 pontos e ainda distribuiu três assistências. Juntos, os norte-americanos marcaram 30 dos 52 pontos do Paulistano na segunda metade da partida.

NBB 2013/2014
Thomas Gehrke, do Mogi, e César, do Paulistano. Foto: Allan Conti/ Divulgação

A partida começou a “mil por hora”. Mesmo com uma formação mista em quadra, o Paulistano começou o duelo com um aproveitamento ofensivo impecável e liderou o placar por boa parte do primeiro quarto, mas sempre com Mogi na cola. Então, com 15 pontos da dupla Thomas (oito) e Filipin (sete), o time visitante conseguiu desbancar os rivais da ponta do marcador e fechou o período na frente. Com muita intensidade na parte final da parcial, os mogianos chegaram a colocar 27 a 22 de frente. Porém, Pilar acertou um tiro de três pontos nos instantes finais e diminuiu a vantagem dos adversários para 27 a 25.

O bom basquete apresentado pelas equipes na primeira parcial não foi repetido nos instantes iniciais período seguinte. Com um baixo rendimento nos ataques, as equipes passaram a fazer um jogo truncando na capital paulista. Mas foi por pouco tempo. Na parte final do segundo quarto, os times voltaram a atuar em bom nível e a partida voltou a ficar dinâmica. Ainda com Thomas jogando bem e com boas jogadas do suplente Simões, Mogi conseguiu não só manter a ponta do placar antes da chegada do intervalo como também ampliar a diferença para seis pontos: 47 a 41.

O que estava bom para Mogi ficou ainda melhor no início do terceiro quarto. Com uma sequência de 7 a 2, a equipe visitante aumentou a sua vantagem na partida para 11 pontos (54 a 43). Foi então que Gustavo De Conti resolveu mandar à quadra os norte-americanos Dawkins e Holloway e a tática funcionou muito bem. Com oito pontos cada, os jogadores tiveram participação fundamental para que o Paulistano diminuísse o prejuízo e levasse o jogo para o último período apenas quatro pontos atrás (68 a 64).

Com a partida completamente em aberto, o Paulistano, empolgado pela reação e pela atuação dos “gringos” na parcial anterior, conseguiu ficar com a vitória. Apesar de Dawkins não manter o mesmo nível de produção, Holloway seguiu aprontando para cima do Mogi, marcou mais 11 pontos e liderou a virada da equipe da casa, ao lado do ala/pivô César, que apareceu muito bem na parte final do confronto.

Outros resultados da 7ª Rodada:

Pinheiros 76 x 84 Uberlândia
São José 76 x 82 Limeira
Espírito Santo 65 x 89 Macaé Basquete
Minas 84 x 66 Flamengo
Liga Sorocabana 92 x 83 Basquete Cearense

Próxima Rodada:

07/12 (sábado) às 18h00
Liga Sorocabana x Mogi das Cruzes
Ginásio Gualberto Moreira – Sorocaba (SP)

Fonte: Liga Nacional de Basquete

Anúncios