Novo Basquete Brasil 2013/2014 – Rodada 5

Nesta quinta-feira (28/11/2013), o Pinheiros/SKY derrotou o Mogi das Cruzes/Helbor, fora de casa, no Ginásio Municipal de Esportes “Professor Hugo Ramos”, em Mogi das Cruzes, por 88 a 80.

O ala/armador Leandrinho foi um dos destaques pinheirenses do quarto triunfo seguido do clube da capital paulista no NBB 2013/2014 e encerrou o duelo com 19 pontos, três rebotes e quatro assistências. O cestinha do encontro foi o ala norte-americano Shamell, com 20 pontos. Seu compatriota, Joe Smith, também teve grande atuação, ao registrar 16 pontos e sete assistências. O ala/pivô Rafael Mineiro ficou perto de um duplo-duplo, ao anotar 15 pontos e apanhar oito rebotes.

Pelo lado do Mogi, destaque para a atuação imponente do pivô Daniel Alemão, que guardou um expressivo duplo-duplo ao anotar 17 pontos e apanhar 19 dos 36 rebotes de sua equipe. Quem também se sobressaiu pela equipe mogiana foi o ala Marcus Toledo, com 15 pontos, além do ala Filipin e do armador Gustavinho, ambos com 14 pontos.

NBB 2013/2014
Marcus Toledo, do Mogi. Foto: Guilherme Peixinho/Divulgação

O confronto começou com uma verdadeira chuva de 3 pontos, duas do Pinheiros (Rafael  Mineiro e Shamell) e uma do Mogi (Filipin) (6 a 3). Os donos da casa não demoraram a virar o jogo e ficar na frente nos quatro minutos iniciais (7 a 6). A partir daí, o duelo ficou lá e cá, disputado ponto a ponto. Shamell e Joe Smith estavam inspirados e, com dez e sete pontos, respectivamente no primeiro período, conduziram o clube pinheirense à vitória na primeira parcial, por 26 a 23.

O esquadrão do Alto Tietê encostou de vez no placar e o confronto passou a ser disputado ponto a ponto na segunda etapa. Ainda sob o comando da dupla norte-americana Shamell e Joe Smtih, o Pinheiros conseguiu se distanciar nos minutos finais do segundo quarto e fechar a primeira metade do duelo com seis pontos de vantagem (45 a 39).

O Mogi das Cruzes tornou a ficar bem próximo dos pinheirenses, que apesar da pressão do adversário, conseguiu se segurar muito bem. Aliás, mais que isso, os comandados de Cláudio Mortari conseguiram ampliar ainda mais a diferença, através de grandes atuações de Leandrinho e Johnatan Tavernari, autores de oito e dez pontos, respectivamente, fecharam a terceira etapa levando a melhor, por 70 a 60.

Assim como no período anterior, o Pinheiros soube administrar bem sua vantagem, mantendo-a sempre próximo da casa dos dez pontos. Apesar deste cenário, a paz pinheirense não foi total, pois no minuto final, o Mogi das Cruzes encostou. Através de uma falta técnica e uma falta antidesportiva, os donos da casa converteram seus lances livres e conseguiram reduzir a diferença para apenas dois pontos (82 a 80).

Da mesma forma que os mogianos, os pinheirenses abriram boa vantagem para o fim. Após confusão, o time mogiano acabou sendo punido com faltas técnicas e perdeu a chance de buscar o resultado. O esquadrão da capital paulista mostrou extrema frieza nos lances livres, fundamental para a diferença aumentar no momento crucial. Com dois de Leandrinho, dois de Shamell e um de Joe Smith, o Pinheiros sacramentou sua quarta vitória consecutiva no NBB 2013/2014, a segunda fora de casa.

É um resultado muito importante. O time de Mogi é muito forte, e esse resultado nos dá ainda mais confiança para as próximas partidas”, afirma Rafael Mineiro.

Outros resultados da 5ª Rodada:

Macaé Basquete 68 x 80 Paulistano
Uberlândia 93 x 97 Goiânia
Basquete Cearense 70 x 69 Palmeiras
Limeira 83 x 53 Espírito Santo
Flamengo 95 x 72 Liga Sorocabana

Próxima Rodada:

30/11 (sábado) às 19h00
Mogi das Cruzes x Palmeiras
Ginásio Municipal de Esportes “Professor Hugo Ramos”

Fonte: Liga Nacional de Basquete

Anúncios