Prefeitura inaugura nova ‘Sala de Situação’ da Ciemp nesta quarta-feira (08/06/2011)

A Prefeitura de Mogi das Cruzes inaugurará, nesta quarta-feira (08/06/2011), a nova “Sala de Situação” da Central Integrada de Emergências Públicas (Ciemp). O evento, marcado para as 18h30, marcará o início oficial das operações das novas câmeras de monitoramento, que há semanas estão instaladas em diversos pontos da cidade, e passavam por últimos ajustes. Além de auxiliar as Polícias Militar e Civil no flagrante a crimes e delitos, os equipamentos ajudam também na ordenação e controle do trânsito, e até mesmo em ações a serem adotadas pela Defesa Civil.

O investimento na ampliação foi de R$ 1,9 milhão. A Central, que até pouco tempo tinha 32 câmeras móveis, passará a ter 77. Já o número de câmeras fixas saltou de 96 para 206. Logo, o sistema no total contará com 283 dispositivos de monitoramento. As móveis são colocadas em esquinas, pontos de alta movimentação e bairros diversos da cidade, enquanto que as fixas são implantadas em prédios públicos, como a sede da Prefeitura, prédios da saúde, da educação, do esporte, serviços urbanos, parques e terminais rodoviários.

A região central continua concentrando o maior número de câmeras. Ao todo, são 27 equipamentos instalados em pontos importantes, como as esquinas das ruas Dr. Deodato Wertheimer e Barão de Jaceguai, Dr. Ricardo Vilela com a Presidente Rodrigues Alves e Avenida Voluntário Fernando Pinheiro Franco com a Presidente Campos Salles. Mas há também muitos equipamentos pelos grandes distritos da cidade, como é o caso de Jundiapeba, que conta com sete equipamentos.

A disposição de todas as câmeras móveis pela cidade ficará da seguinte maneira: Jundiapeba (7), Jardim Universo (3), Centro (27), Cezar de Souza (4), Braz Cubas (4), Shangai (3), Vila Lavínia (1), Vila Suíssa (1), Parque Santana (1), Parque Monte Líbano (2), Mogilar (3), Ponte Grande (1), Vila Industrial (1), Vila Bernadotti (1), Vila Cléo (1), Vila Natal (2), Nova Mogilar (2), Jardim Santista (1), Vila Jóia (1), Centro Cívico (5), Taiaçupeba (5), Vila Brasileira (1).

Para suportar esse aumento no número de câmeras, a Prefeitura providenciou também uma ampliação em 70 quilômetros na rede de fibra ótica da cidade. Antes eram 40 km totais e agora passarão a ser 110 km. É por meio deste material que as imagens captadas pelos dispositivos são enviadas e monitoradas diretamente pela Ciemp.

Desde que o sistema de monitoramento por câmeras foi implantado, em 2005, 169 casos já foram solucionados com auxílio da Ciemp, sendo 11 apenas em 2011. O último noticiado foi em 13 de maio deste ano, quando dois homens foram detidos após serem flagrados pelas câmeras pichando a fachada do Mercado Municipal, no Centro da cidade. Ambos foram detidos e respondem por dano ao patrimônio público.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Anúncios