Chuva de granizo danifica centenas de imóveis em distritos de Mogi

A Defesa Civil, Guarda Municipal, Secretaria de Assistência Social e Coordenadoria de Habitação acompanharam, durante toda a tarde do último domingo, 10/04/2011, a chuva de granizo que caiu em Mogi das Cruzes. O maior prejuízo causado pela tempestade foi a quebra de telhados em centenas de imóveis, especialmente na região às margens do Rio Jundiaí e córrego dos Canudos, nos distritos de Jundiapeba e Braz Cubas. De acordo com o secretário municipal de Segurança, Eli Nepomuceno, os trabalhos iniciais se estenderam até a madrugada desta segunda-feira, 11/04.

Os pontos onde nós enfrentamos os maiores problemas foram Jardim Aeroporto III, Jardim Universo, Vila Paulista e Vila Cecília. Próximo ao córrego dos Canudos nós tivemos também várias famílias afetadas, especialmente aquelas que têm casas em brasilit, que não é um material muito resistente. Depois fizemos atendimentos na Vila Estação, em Braz Cubas, e em Jundiapeba, nas proximidades do Rio Jundiaí, mais especificamente na Vila Nova Jundiapeba”, declarou Nepomuceno.

Este slideshow necessita de JavaScript.

De acordo com a Defesa Civil, duas famílias, sendo uma do Jardim Aeroporto II e outra do Jardim Layr, tiveram de ser retiradas de suas casas, em virtude dos estragos causados pelo granizo, e foram encaminhadas para a residência de parentes. Ninguém, contudo, ficou desabrigado.

Dois pontos de alagamento – um na Rua Adriano Pereira, em Jundiapeba, e outro no Centro de Braz Cubas, foram registrados. As ocorrências foram isoladas, não comprometeram nenhum domicílio, e se resolveram pouco depois de a intempérie dar trégua. “Foram alagamentos por causa do volume de água e a insuficiência temporária da rede de drenagem. Depois que a chuva parou, o próprio sistema drenou esta água, e os alagamentos tiveram fim”.

Nove unidades municipais de ensino sofreram avarias. Foram elas: o Centro Municipal de Programas Educacionais (Cempre) Doutora Ruth Cardoso, no Jardim Layr, EM Jacks Grinberg, na Vila Nova Cintra, EM José Cury Andere, no Jardim Cecília, Benedito Ferreira Lopes (Caic), na Vila Lavínia, EM Antonio Nacif Salemi, no Alto do Ipiranga, o Centro de Educação Infantil Municipal (CEIM) Professora Mara Fierro Machado Pires, no Jardim Modelo, o CEIM Professora Maira Luziene Faria dos Santos, na Vila Cintra, e a Creche Sant´ana, na Bela Vista.

Em quatro unidades, as aulas tiveram de ser parcial ou totalmente suspensas. Um dos casos ocorreu no Cempre Doutora Ruth Cardoso, que ficou sem aulas no período da manhã até o retorno da energia elétrica. No CEIM do Jardim Modelo as aulas foram canceladas em virtude da infiltração de água nas salas e, no CEIM da Vila Cintra somente duas salas tiveram aula, por conta de vidros quebrados. Já na Creche Sant´ana as aulas serão retomadas na quarta-feira, para o serviço de substituição das telhas que quebraram na tempestade.

A unidade básica de saúde do Jardim Universo, cuja reforma será entregue nesta quinta-feira (14/04) e a do Jardim Ivete, que acabou de ser inaugurada, também tiveram danos estruturais em virtude da chuva, mas o atendimento não chegou a ser interrompido. Já por parte da Secretaria Municipal de Transportes, a informação é de que antigos abrigos de ônibus, feitos em policarbonato, foram danificados, mas não houve nenhuma implicação séria. Todos os reparos já estão sendo providenciados. “Exatamente por isso que estamos substituindo o policarbonato pela fibra de vidro. A fibra de vidro é um material muito mais resistente”, destaca o secretário Carlos Nakaharada.

Buscando amparar a sociedade em todos os âmbitos o possível, a Secretaria de Assistência Social, Coordenadoria de Habitação e Defesa Civil se reuniram na manhã de hoje (11/04). Assistentes sociais passaram todo o dia na área mais afetada, conversando com moradores e identificando a necessidade de cada um deles.

Medições da Defesa Civil apontam que a chuva teve volume de 24,8 milímetros.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

Anúncios

3 comentários sobre “Chuva de granizo danifica centenas de imóveis em distritos de Mogi

Os comentários estão desativados.