Coronavírus: Com todas as regiões na fase amarela, Plano SP passa a ter atualização mensal

O Governador João Doria anunciou nesta sexta-feira, 11/09/2020, a atualização do Plano São Paulo de enfrentamento ao coronavírus e retomada econômica com todas as regiões do estado na fase amarela, que permite atendimento presencial em bares, restaurantes, salões de beleza, academias, shoppings, comércios de rua, escritórios em geral e concessionárias. A reclassificação para progressões de fase passa a ser mensal, com nova revisão no dia 9 de outubro.

No estado de São Paulo como um todo, a pandemia regride de maneira sólida e, agora, todas as regiões estão na fase amarela”, afirmou o Governador. “Devido à regressão vigorosa dos indicadores no estado, entramos em uma nova fase de monitoramento da pandemia. Por questão de segurança, as requalificações do Plano São Paulo passam a ser mensais, ao invés de quinzenais”, declarou Doria.

Com a estabilidade do avanço da pandemia em todas as regiões do estado, o Centro de Contingência do Coronavírus recomendou que o monitoramento seja estendido para um período mínimo de 28 dias. O acompanhamento dos indicadores nas próximas quatro semanas vai garantir mais segurança na possível migração de regiões para a fase verde a partir do início de outubro.

Há uma semana, 95% da população paulista já estava em regiões contempladas na terceira de cinco etapas do Plano São Paulo. Franca e Ribeirão Preto estavam na fase laranja, mais restritiva, mas tiveram queda acentuada em número de mortes e internações provocadas pelo coronavírus, além de melhoria nas taxas de ocupação de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

Média estadual

Na média estadual, os números apontam que a pandemia vem regredindo de forma consistente. De acordo com dados da Secretaria de Estado da Saúde e do Centro de Contingência do coronavírus, São Paulo registra declínio de mortes por COVID-19 há cinco semanas consecutivas. Já as internações de pacientes com coronavírus estão em queda há oito semanas.

Na atualização desta semana, a variação de novos casos na média estadual foi 31% menor em relação à medição anterior. As novas internações caíram 10% em comparação à semana passada, e o número de óbitos foi 20% menor. A taxa estadual de internações por cem mil habitantes é de 43,7, além de média de seis mortes por coronavírus a cada cem mil habitantes.

A capacidade de atendimento hospitalar a pacientes graves com COVID-19 também é considerada confortável – a média atual de ocupação de leitos de UTI é de 52,5. Atualmente, o estado de São Paulo dispõe de 20,5 vagas hospitalares para casos graves da doença a cada cem mil habitantes.

Apesar da alteração no período de medição do Plano São Paulo, o Governo do Estado poderá decretar regressão para a fase vermelha de qualquer região, a qualquer momento, em caso de piora significativa das taxas de contaminação por coronavírus ou redução acentuada da capacidade hospitalar.

Não haverá retorno para a fase laranja, o que aumenta a responsabilidade de Prefeitos, Secretários municipais de saúde e da própria população. Afinal, a população precisa se resguardar e se proteger, obrigatoriamente usar máscara ao sair de casa, seguir o distanciamento social de 1,5 metro, lavar as mãos e usar álcool em gel”, destacou o Governador.

O que pode

A fase amarela permite o funcionamento, com restrições, do comércio de rua, shoppings centers, escritórios, bares e restaurantes, academias, salões de beleza e barbearias. Estabelecimentos de alimentação poderão funcionar até as 22h00 para consumo local somente em regiões que estejam há pelo menos 14 dias consecutivos fora das fases vermelha e laranja do Plano São Paulo.

Essa opção de atendimento continua permitida apenas em ambientes arejados ou ao ar livre, com obrigatoriedade de assentos. Não será permitido que os clientes fiquem em pé. A orientação é que os estabelecimentos atendam os clientes conforme horário agendado previamente, para evitar aglomerações.

A 13ª classificação do Plano São Paulo, com os índices atualizados de evolução da pandemia e capacidade hospitalar em cada região, está disponível em https://www.saopaulo.sp.gov.br/wp-content/uploads/2020/09/14-balanco-plano-sp-11092020.pdf.

Fonte: Governo do Estado de São Paulo

Câmara suspende salários de vereadores investigados

A Câmara Municipal de Mogi das Cruzes informa que recebeu do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, na tarde da última sexta-feira, 04/09/2020, uma determinação para o afastamento do vereador Francisco Moacir Bezerra de Melo Filho de suas funções, em razão de prisão preventiva na modalidade de prisão preventiva domiciliar.

Na manhã de quarta-feira, 09, o TJ-SP comunicou o Legislativo sobre o cumprimento dos mandados de prisão preventiva dos vereadores Mauro Luís Claudino de Araújo (MDB), Carlos Evaristo da Silva (PSB), Jean Carlos Soares Lopes (PL), Diego de Amorim Martins (MDB), e dos funcionários Willian Casanova (consultor para assuntos governamentais – lotado na Administração) e André Alvim de Matos Silva (chefe de gabinete parlamentar – lotado no gabinete do vereador Diego de Amorim Martins).

Ministério Público apura possíveis crimes de corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa

No comunicado, não houve menção ao vereador Antonio Lino da Silva (PSD), que também é averiguado no processo e, segundo informações, encontra-se foragido.

O presidente Rinaldo Sadao Sakai (PL) determinou que fossem adotadas as medidas necessárias para que sejam suspensos os pagamentos dos subsídios dos referidos vereadores a partir da data da determinação das prisões preventivas, bem como dos funcionários detidos, os quais serão exonerados de seus cargos a partir de hoje.

Nesta quinta-feira, 10, será encaminhado ao prefeito Marcus Melo, um Requerimento assinado por todos os vereadores, solicitando ao chefe do Executivo que envie cópias, na íntegra, de todos os contratos, processos administrativos e editais relacionados com as investigações do Ministério Público, para que sejam tomadas as medidas necessárias.

A Câmara Municipal de Mogi das Cruzes se colocou à disposição das autoridades para colaborar com as investigações no processo que segue sob sigilo judicial.

Fonte: Câmara Municipal de Mogi das Cruzes

Veja o que abre e fecha em Mogi durante o feriado da Independência/2020

A Prefeitura de Mogi das Cruzes não terá expediente nesta segunda-feira, 07/09/2020, em virtude do feriado em comemoração à Independência do Brasil. O atendimento à população, dentro das normas estabelecidas para o combate à pandemia do novo coronavírus, voltará ao normal na terça-feira, 08/09. Os serviços essenciais funcionam todos os dias.

Na área da saúde, o Centro de Referência do Coronavírus, montado no Hospital Municipal, funcionará normalmente no feriado. A estrutura tem entrada pela rua Gutterman, nº 577, no distrito de Braz Cubas. O atendimento telefônico pelo número 4798-5160 também continuará sendo feito. O mogiano que tiver dúvidas ou precisar de atendimento pode utilizar o serviço.

Para outras situações de atendimento de urgência e emergência, estarão atendendo a população as UPAs 24 horas do Rodeio (Av. Pedro Romero s/nº) e do Oropó (Av. Kaoru Hiramatsu, s/nº) e Jundiapeba (rua Francisco Soares Marialva esquina com Cecília da Rocha) atenderão a população para casos de urgência e emergências. A unidade 24 horas do Jardim Universo e o Pró-Criança, que fica no Mogilar, também atenderão normalmente a população. Para remoção de pacientes, a Cure 192 funcionará ininterruptamente.

Mercado Municipal

A Guarda Municipal e o Departamento de Fiscalização de Posturas manterão o atendimento ao público pelo telefone 153 para denúncias e reclamações referentes ao descumprimento das medidas de quarentena, utilização de máscaras e outras legislações municipais, além de casos de urgência e emergência.

Poupatempo e Detran.SP

Na próxima segunda-feira, 07/09, os postos do Poupatempo e do Detran.SP estarão fechados em todo o Estado, em razão do feriado nacional de Independência do Brasil. Na terça-feira, 08, o funcionamento volta ao horário habitual de cada unidade. Atenção: nas cidades de Santos e Itaquaquecetuba, as unidades também não abrem na terça-feira, dia 8, em atenção aos feriados municipais. Nesses postos, o atendimento presencial retorna na quarta-feira, 09.

Unidades reabertas voltam a atender na terça-feira, dia 08, mediante agendamento

Retomada consciente

Para minimizar os riscos de transmissão e garantir a segurança da população e de nossos colaboradores, o Poupatempo está reabrindo suas unidades de atendimento gradativamente em todo o Estado, com a adoção de medidas preventivas e protocolos sanitários, seguindo as diretrizes do Plano São Paulo.

Para garantir conforto e eficiência, os serviços no Poupatempo são oferecidos mediante agendamento de data e horário, e com apenas 30% da capacidade de cada posto. Neste momento, são priorizados os serviços que necessitam da presença do cidadão para serem concluídos, como primeira habilitação e expedição de RG, por exemplo.

O agendamento também garante o controle de acesso à unidade. Só será permitida a presença de acompanhantes em casos de crianças, idosos ou pessoas com deficiência. O uso de máscaras de proteção é obrigatório, assim como a medição de temperatura e higienização das mãos com álcool em gel na entrada das unidades. A manutenção do distanciamento entre as pessoas foi reforçada com sinalização nos bancos de espera, marcações no chão e orientação.

O Poupatempo Mogi das Cruzes fica localizado na Av. Vereador Narciso Yague Guimarães, 1.000 – Centro Cívico, dentro do D’avo Hiper.

Serviços essenciais funcionarão normalmente no feriado de 1º de Setembro/2020

A Prefeitura de Mogi das Cruzes não terá expediente na segunda e terça-feira da próxima semana, 31/08 e 01/09/2020, devido ao feriado de aniversário de 460 anos da cidade, comemorado em 1º de setembro. O expediente administrativo volta ao normal na quarta-feira, 02/09, a partir das 8h, mas os serviços essenciais atenderão a população normalmente durante o feriado prolongado.

Na área da saúde, as UPAs 24 horas do Rodeio (Av. Pedro Romero s/nº) e do Oropó (Av. Kaoru Hiramatsu, s/nº) atenderão a população para casos de urgência e emergências. As unidades 24 horas de Jundiapeba e Jardim Universo e o Pró-Criança, que fica no Mogilar, também funcionarão normalmente. Para remoção de pacientes, a Cure 192 trabalhará de forma ininterrupta.

Na área da saúde, as UPAs 24 horas do Rodeio e do Oropó atenderão a população para casos de urgência e emergência.

A Guarda Municipal e o Departamento de Fiscalização manterão o atendimento 24 horas para casos como Lei do Silêncio e Lei Seca, entre outras. O telefone para denúncias é o 153. Para informações relativas ao trânsito de veículos, o telefone é o 0800 77 30 194, enquanto o Semae atenderá emergências como falta de água e vazamentos pelo telefone 115.

Todos os serviços funcionarão respeitando as determinações que estão em vigor durante o período de quarentena para enfrentamento da pandemia de Covid-19.

Comércio

O Mercado Municipal abrirá na segunda-feira, das 8h00 às 17h00. Na terça, o atendimento será das 8h00 às 12h00. As feiras livres funcionarão normalmente na terça (não há feiras livres às segundas).