Município e Estado assinam protocolo para clínica de dependentes químicos

O secretário de Estado da Saúde, Nilson Ferraz Paschoa, o presidente da Câmara Municipal de Mogi das Cruzes, Mauro Araújo (PSDB), e o prefeito Marco Bertaiolli (DEM) assinaram nesta terça-feira (14/12/2010) o protocolo de intenções para a implantação da primeira clínica de reabilitação de dependentes químicos do Alto Tietê. A criação da unidade é um compromisso entre o governo do Estado e a Associação das Câmaras Municipais do Alto Tietê (Acat) e vai atender a pacientes dos dez municípios que compõem a região. A assinatura do documento ocorreu durante vistoria da área onde será a nova clínica, na Serra do Itapeti.

Esta área é muito próximo do que consideramos ideal para a clínica e terão de ser feitas apenas algumas adaptações. Uma equipe técnica da Secretaria esteve aqui na semana passada e elaborou um relatório detalhando os serviços necessários e acredito que em um futuro poderemos ter este importante equipamento atendendo a região”, destacou o secretário.

Segundo ele, a clínica será a quinta unidade do Estado especializada no atendimento a dependentes químicos – as outras funcionam em São Bernardo do Campo, Cotia, Presidente Prudente e Itapira: “O hospital Luzia de Pinho Melo já faz um atendimento neste sentido, mas acreditamos que uma unidade específica como esta terá condições muito melhores de tratamento para pacientes que precisem de uma internação, ainda que por pouco tempo, até que possa retornar ao tratamento apenas ambulatorial”.

O presidente da Câmara de Mogi, que também preside a Acat, comemorou a assinatura do convênio. “Trata-se de um grande passo para que nossa região consiga esta importante unidade. Com este protocolo assinado, a Prefeitura já pode começar a trabalhar no contrato de locação da área e até no convênio com o Estado para que seja aprovado pela Câmara”, destacou Mauro Araújo.

O prefeito Marco Bertaiolli também salientou a importância da nova unidade: “Em sua rede de atendimento em saúde mental, Mogi teria que instalar um centro de atendimento Caps-AD. No entanto, por meio do trabalho da Acat, nossa cidade está conseguindo uma unidade, muito mais avançada e com mais recursos, que é a clínica de reabilitação”.

A área escolhida para a unidade foi um SPA e fica na estrada Itapeti Lambari, à margem da Mogi-Dutra, com fácil acesso. O terreno tem 40 mil metros quadrados cercados de Mata Atlântica e 2 mil m² de área construída, com 18 quartos. O imóvel será locado pela Prefeitura, enquanto o Estado ficará a cargo dos equipamentos e equipe profissional para a clínica. A vistoria foi acompanhada pelo vice prefeito José Antonio Cuco Pereira (PSDB), pelo secretário municipal de Saúde, Paulo Villas Bôas de Carvalho, e pelo secretário-adjunto de Saúde, Marcello Cusatis.

Fonte: Câmara Municipal de Mogi das Cruzes

About these ads

Sobre Marco Mendes

Mogiano, Cinéfilo, Blogueiro Ocasional, (ex) Sócio Torcedor do 1º hexacampeão brasileiro de futebol (6-3-3)

Publicado em 14/12/2010, em Notícias e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. Comentários desativados.

Os comentários estão desativados.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 291 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: